Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

07
Fev18

Vencedor | Deixa-me Odiar-te

| O Informador

deixa-me odiar-te livro.jpg

Lançado hoje, 7 de Fevereiro de 2018, pela editora Clube do Autor, Deixa-me Odiar-te, da autoria de Anna Premoli, é um dos romances vencedores do Prémio Bancarella. Como um exemplo das relações amor-ódio que vão sendo criadas por diversos ambientes sociais, nesta narrativa o que começa mal entre dois colegas de trabalho tende a melhor com o tempo e convivência, até que o amor acontece. 

Para premiar os leitores do blog no mês onde o Amor anda no ar, um exemplar de Deixa-me Odiar-te esteve disponível em passatempo ao longo dos últimos dias. Agora é o momento de revelar que foi a Fátima Martinho a vencedora deste romance amplamente elogiado. O sorteio foi feito através do sistema random.org onde todos os participantes que comentarem o texto do passatempo com acesso à sua página do Facebook ou deixando o link do mesmo foram contabilizados. 

Agradeço a todos os que tentaram a sua sorte e partilharam este desafio pelas suas redes sociais, deixando-vos com a sinopse de Deixa-me Odiar-te e com a promessa de que novas oportunidades literárias irão surgir dentro de pouco tempo.

07
Fev18

Contribuinte? Errado!

| O Informador

faturas.jpg

Andava a tratar das faturas no portal das finanças para ficar tudo arrumado dentro do prazo quando percebo que os seguros não estão a entrar em lado nenhum, nem diretamente para a sua devida pasta nem ficam na fila de espera para serem corretamente arrumados no seu devido lugar. Pesquisa leva a pesquisa e a procura revelou que as despesas do seguro do automóvel não entram e nem nunca iriam entrar para o meu sistema de IRS. Agora a questão que se coloca é... Porque isso acontece?

Pois bem, não sei como, mas tenho três números mal colocados no contribuinte que aparece nos dados da seguradora. Não é um número, não são dois algarismos trocados, são mesmo três números errados. Não me lembro se na altura me pediram o cartão ou se disse o número (porque o tenho decorado mentalmente), mas o que é certo é que no sistema da seguradora o meu NIF está incorreto.

Dois anos depois de ter feito o seguro, quatro pagamentos feitos e só agora, na arrumação das faturas no portal das finanças percebo que aqueles valores, que não são tão baixos assim, não têm aparecido nas contas dos anos anteriores.

Mais sobre mim

foto do autor

oportunidades 20 a 50 em livros

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • O Informador

    Já ouvi dizer que sim! Como sou filho único nunca ...

  • P. P.

  • Sofia

    Os filhos mais velhos são sempre sobrecarregados!

  • O Informador

    Pensando no presente e futuro sem levar as pedras ...

  • O Informador

    Por vezes é necessário dar espaço para que os outr...

Mensagens

Pesquisar