Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

01.01.16

Olá 2016!


O Informador

As boas-vindas a 2016 tinham de ser feitas de forma calma, junto das pessoas que há mais anos estão do meu lado e assim foi. Ao longo dos últimos meses fui sentindo calma, tranquilidade e a percepção que a confusão não está de mãos dadas comigo. Os amigos que sempre tenho querido do meu lado estiveram comigo e continuarão a estar e este salto anual tinha de ser feito com eles, principalmente quando algumas vidas foram alteradas e não nos podíamos despegar logo agora que existe um pequeno presente quase de Natal entre nós.

Éramos cinco adultos, uma pequena borboleta que ainda nem um mês tem e o canino! Não chegou? Chegou pois! Foi assim que quisemos passar o ano, com calma, sossego e juntos. Comemos, bebemos, brincamos e conversamos, sempre de olho na criança que de tão sossegada quase nem se dá por ela. Um serão divertido que começou bem cedo com compras e afazeres mas que só ao final da tarde existiu a reunião total que durou até praticamente às quatro da manhã com os ensonados a darem sinal, eu incluído, e a noite a ter assim de terminar pelo cansaço do dia, da semana e do ano que terminou, onde nem sempre as coisas foram fáceis para cada elemento do quinteto.