Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

É Sexta-feira!

18
Set15

Serão de Sexta-feira e aqui o moço está por casa por vontade própria! Sim eu sei que em vésperas de fim-de-semana se pode sair um pouco e tal, mas o primeiro problema é que o meu fim-de-semana de descanso só abrange o Sábado de seis em seis semanas, não me sinto ainda totalmente recuperado da trágica gripe e a vontade de sair é pouca ou nenhuma!

Sabem aquele momento em que só apetece ficar deitado, enrolado no edredão e com a televisão ligada numa série que acompanhamos? É desse modo que me sinto!

Bom serão de Sexta para todos os que ficam em casa, para os que estão a trabalhar e mesmo para aqueles sortudos que se sentem com garra para saírem noite fora até às tantas da madrugada!

Tanto debate, tanta entrevista, tantos...

18
Set15

É impressão minha ou nestas eleições legislativas existem mais debates do que em qualquer ato eleitoral anterior? Todos os dias parece existir confronto num dos canais, pelas rádios e quem sabe até pela imprensa escrita!

Debates, entrevistas, formatos especializados na campanha, humor... Eleições tão discutidas como estas acredito que nunca existiram!

«Isso é Tudo Muito Bonito, Mas» não é informação

18
Set15

Os Gato Fedorento voltaram ao ecrã, desta vez em trio e na TVI com o formato Isso é Tudo Muito Bonito, Mas, encaixados dentro do Jornal das 8 como um acrescento informativo. A questão é... Embora se esteja a debater a campanha eleitoral e todo o mundo político, esta aposta não deveria estar rotulada de entretenimento?

Primeiro não percebo a necessidade de encaixarem, tal como já tinha acontecido anteriormente somente com Ricardo Araújo Pereira, o programa no interior do noticiário. Podendo ser exibido após o informativo que terminaria mais cedo, não existindo depois os embaraços das passagens em que após um momento cómico o pivô está sério e a dar uma notícia também ela séria, qual é o verdadeiro motivo desta união sem nexo?

Depois, qual a razão de apostar em Isso é Tudo Muito Bonito, Mas como uma grande aposta da área informativa quando nenhum dos intervenientes é jornalista assumido, fazendo-se piadas e criando situações caricatas para brincar e gozar com toda a situação política do momento. A Informação não quer ser vista com alguma seriedade?