Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

Vencedor de A Máquina Não Gosta de Gatos

10
Jul15

Entrei no mês de Julho com um passatempo a decorrer onde um exemplar do livro A Máquina Não Gosta de Gatos, da autoria de Mário Santos, esteve à disposição de todos os que se quiseram habilitar a ganhá-lo! Agora chegou o momento de finalizar este passatempo e revelar o nome do seu vencedor.

Tendo sido sorteado através do sistema random.org, o leitor e participante deste passatempo que irá receber em breve este recente romance lançado pela Guerra e Paz será o Júlio Pereira Proença.

A todos os que tentaram a sua sorte agradeço, ficando a promessa que um próximo passatempo irá surgir dentro em breve!

Jogo

10
Jul15

O alarme soa e o arranque de qualquer partida de equipa contra equipa é dado! Por outro prisma e como muitos preferem, os jogos solitários conseguem ser bem mais interessantes que qualquer ajuntamento onde se luta por uma bola, um snack ou uma carica em troca somente de uma vitória e convívios colectivos por vezes sem glória e mérito. Preferir estar contra um tabuleiro, ecrã ou folha em jogos de pensadores e didácticos acaba por ter muito maior poder pessoal, tal como o jogo de andar por ai a viver dia após dia como se fosse o último. 

O que é realmente jogar socialmente com questões pessoais, laborais e sentimentais? O que dita a liderança de um contra os outros? Marcar pontos e ficar bem visto ou somente fazer a diferença e conseguir assim sair valorizado de atitudes e comportamentos obtidos?

Quando se joga, seja de que modo for, existe sempre um objectivo comum. Ganhar e poder sair vencedor de qualquer situação. Quem joga afinal para perder alguma vez na vida? Por vezes os altos e baixos de um campeonato só ajudam a reavivar forças e ideias para seguir em frente, contra adversários e guerreiros que tanto nos tentam derrubar por objectivos comuns.