Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

Gregos que passaram a Oikos

05
Jul15

oikos.jpg

Pensando talvez no que poderia estar para vir, há uns meses a Danone alterou o nome dos iogurtes Grego para uma palavra de origem grega mas que não tivesse tanto destaque. A partir da mudança os saborosos Grego passaram a ser chamados de Oikos, com direito a "k" e tudo, tal como a Troika. 

Qual deverá ter sido o verdadeiro motivo para tal alteração de nome? Como a atual situação do povo grego dentro e fora da moeda única já se vinha a antecipar há muito e a marca de iogurtes teve tal percepção antes da queda do monopólio que havia sido construído, a mudança essencial foi feita exemplarmente antes de tudo desmoronar. 

Quem quer um Oikos de origem grega, onde o bom sabor autêntico da cremosidade de um iogurte impera sem olhar a dinheiros e fundos comunitários?

Noiva Strada em modo Out

05
Jul15

raquel strada 2.jpg

Tanta coisa em torno do casamento do ano entre as celebridades nacionais e depois a noiva vai com um lençol atado com um laço acima da cintura. Aluguer de um hotel só para o evento que juntou meio mundo vip num só local, convidados com roupas das mais conceituadas marcas com selfies para aqui e acolá onde tudo foi mostrado ao longo dos últimos dias e a desilusão recai mesmo no momento em que é publicada uma das primeiras imagens da noiva com a sua branqueza vestida. 

Então dona Strada, que se passou para esta escolha tão simplória ter acontecido? Confesso que não estava nada há espera de a ver enrolada num lençol num dos dias mais felizes da sua vida. Sei que assim se sente como nos primeiros momentos em que veio ao mundo, mas não existiam melhores opções de escolha?

Companheira de treino

05
Jul15

Inesperadamente ontem ganhei uma companheira de treino que começara amanhã pelo final da tarde a correr de um lado para o outro comigo. Não sente motivação para correr sozinha, estávamos a falar de ginásios, caminhadas e grupos que se juntam em determinados dias pela zona para correrem e acabei assim por ganhar uma companhia até então desconhecida para partilharmos os futuros quilómetros de corrida.

Amanhã começaremos a correr os dois e vamos lá ver quem será o elo mais fraco das pernas e da não concentração respiratória, mal que parece afetar os dois. 

Bugiem longe!

05
Jul15

Uma questão que me importuna! Alguém leva os seus problemas pessoais para o trabalho, agindo como se todos tivessem culpa de alguma situação externa?

Não acho que seja normal e sempre tentei, achando até que tenho conseguido, deixar os meus problemas de fora das horas laborais. Não digo que em dias mais pesados não ande com outro estado de espírito e que isso não acabe por se reflectir nas conversas e comportamentos para com os outros. Agora descarregar em cima de toda uma equipa o que ninguém tem nada de culpado é deveras irrisório.

Meus senhores, deixem os vossos problemas dentro dos veículos que vos transportam de casa para a empresa porque por lá ninguém tem culpa de absolutamente nada do que se passa pelas vossas vidas conjugais e familiares. Não papo más respostas e comportamentos fora de prazo quando não existem culpas no cartório, muito menos de quem não me é nada e das quais nem dou permissão para se meterem no que não lhes compete. Como tal, porque estou bem como estou, não descarregando as minhas frustrações sobre a quem não pertencem, vão bugiar para outras paragens porque por aqui não se safam!