Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

Faltam casacos no Algarve

19
Jun15

Tenho andado a constatar um facto nestas férias! Visitam-se centros comerciais, visitam-se lojas e não existem casacos, sejam eles de que estação forem, à venda!

Nos primeiros dias da semana estava um pouco fresco há noite! Como só trouxe um casaquito e três camisolas de manga comprida, passei por dois centros comerciais para fazer as compras alimentares e aproveitei para espreitar algumas lojas em busca de um casaco assim mais para o fino mas que desse para o fresco que se fazia sentir. Entrei e saí das lojas e não encontrei um único exemplar do que pretendia! Calções e t-shirts, roupa de praia, chinelos e afins andam por todo o lado, agora no que toca a roupa assim mais virada para o tempo fresco nada de nada.

A ler... À Procura de Alaska

19
Jun15

Férias também é sinal de uma maior disponibilidade para a leitura! Acabei Cem Anos de Solidão e no próprio dia peguei em À Procura de Alaska, de John Green, que não deverá demorar muito para ficar terminado. A analisar pelas primeiras horas de leitura, esta narrativa parece-me subir ao grande sucesso do autor, A Culpa é das Estrelas.

media.jpg

Sinopse
Na escuridão atrás de mim, ela cheirava a suor, luz do sol e baunilha, e, nessa noite de pouco luar, eu pouco mais podia ver além da sua silhueta, mas, mesmo no escuro, consegui ver-lhe os olhos - esmeraldas intensas. E não era só linda, era também uma brasa. Alaska Young. Lindíssima, esperta, divertida, sensual, transtornada… e completamente fascinante. Miles Halter não podia estar mais apaixonado por ela. Mas, quando a tragédia lhe bate à porta, Miles descobre o valor e a dor de viver e amar de modo incondicional. Nunca mais nada será o mesmo. Artigo com 2 anos de garantia.

Divertida-Mente (Inside Out)

19
Jun15

Um filme de animação geralmente é sinónimo de emoção! Não sei se por recordar a infância ou pela mensagem que geralmente este género de películas consegue passar aos mais atentos! Em plenas férias existiu um tempinho ao serão para visitar uma sala de cinema e assistir a Divertida-Mente (Inside Out). Se estava há espera de gostar? Não porque nem tinha pensado em ver este filme! No final posso dizer que a missão desta produção é cumprida junto de pequenos e graúdos!

Alegria, Medo, Raiva, Repulsa e Tristeza são os grandes poderosos de Inside Out, onde a divertida equipa de pequenas vozes residentes na cabeça de Riley faz das suas para alterar os pensamentos e comportamentos da jovem. Agindo em grupo e nem sempre de acordo, o quintento vai agindo consoante o que os seres que interagem com a sua «protegida» vão fazendo, no entanto nem sempre conseguem seguir em frente com as suas ambições para deixarem Riley na melhor das formas. Com contratempos e muita aventura, as cinco vozes são confrontadas com o inesperado e a separação entre si, o que não corre da melhor das formas perante as funções que têm para desempenhar. A amizade, o cuidado, a protecção e a perseverança são pratos fortes da aventura que estes pequenos seres da consciência terão de enfrentar para que tudo corra da melhor das formas com a jovem que têm aos seus cuidados.