Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

leituras-verao-billboard
29
Nov12

Quero uma pantufas!

Há uns anos encontravam-se por todo o lado as famosas pantufas farfalhudas, que ocupavam muito mais que os nossos pés no território das nossas casas. O ano passado já não consegui encontrar nada de jeito e este ano vou pelo mesmo caminho.

Onde andam as pantufas com formatos de cão, de gato, de macacos... Aquelas pantufas que tanto nos aquecem com o seu volume de algodão?!

Eu quero um par de pantufas dessas que me transportam os pés quentes por todo o lado e que até me levam a apetecer dormir com elas calçadas! Eu quero! Eu quero! Mas não encontro... Será que o Pai Natal me consegue encontrar algumas daquelas que eu gosto mesmo, mesmo, mesmo?...

28
Nov12

Passatempo - Pelo Prazer de a Voltar a Ver

O Informador e o Teatro Aberto têm um bombom para oferecer aos meus leitores. Sabem  o que é? Convites duplos para a peça Pelo Prazer de a Voltar a Ver, para a próxima sexta-feira, dia 30, pelas 21h30.

A peça Pelo Prazer de a Voltar a Ver voltou ao palco da Sala Vermelha e como eu gostei de ver a mesma há uns meses, agora presenteio quem me lê com convites para o fazerem também...

Deixo-vos com a ficha técnica:

Sinopse

O palco é um lugar mágico que permite todos os sonhos. Desta vez, não há duelos, nem príncipes, nem oráculos mas sim o teatro das pessoas, das pequenas coisas que temos em comum… e nos tornam únicos.Um dramaturgo sobe ao palco para nos falar da mulher que desinquietou o seu espírito de jovem sonhador, para nos contar como se tornou quem é. A história que conta não é muito diferente das nossas histórias mas nós queremos ouví-la outra vez – tal como ele deseja voltar a ver essa mulher, mais uma vez. 

Ficha Artística

Versão, Dramaturgia e Encenação - Marta Dias

Cenário - Rui Francisco

Figurinos - Bernardo Monteiro

Realização Vídeo - Nuno Neves

Luz Tasso Adamopoulos

Com - Luís Barros | Sílvia Filipe

Espectáculos

4ª a Sábado às 21h30

Domingo às 16h

M/12

Para concorrerem a estes bilhetes e poderem estar sentados na Sala Vermelha a ver a peça que eu já vi há uns meses, basta responderem a este post com «Eu quero ver a peça Pelo Prazer de a Voltar a Ver» e enviarem-me email para geral@oinformador.com com o vosso nome completo, nada mais fácil, pois não?

Espero que estes convites duplos para irem ao Teatro Aberto vos deixe com alegria e entusiasmo pelo mundo cultural. Já sabem, é já para a próxima sexta-feira e os primeiros dez a responderem são os que irão ao teatro esta semana ver uma peça bem boa, digo-vos!

 
28
Nov12

O meu novo Samsung

E já tenho o meu novo telemóvel, depois de andar a ver vários modelos e de me decidir por comprar um Samsung, acabei por comprar o Samsung Galaxy Ace Plus e até ao momento só posso dizer maravilhas acerca deste produto.

Já conhecendo alguns dos últimos telemóveis desta marca que tem evoluido bastante nos últimos tempos em questões de telecomunicações e depois de ter um tablet da marca, agora chegou a vez de deixar o meu BlackBerry sem três teclas e o trocar por este pretinho, moderno e bastante fácil de ser percebido Samsung.

Foi na Fnac do Colombo que o comprei, por 199,90€, o que me custou um pouco, confesso, mas não custou tanto como se o tivesse comprado desbloqueado, onde acrescia para aí uns 60€. Assim é da Vodafone, o meu número continua a ser o mesmo e está tudo feito.

Estou bem contente com esta minha compra e até ao momento só posso dizer que recomendo a compra de um clone destes a quem tiver na dúvida sobre o que comprar.

28
Nov12

Roupas indecentes em rapariga indecente

Nos tempos de escola, uma menina mais nova que eu sempre gostou de ser provocadora e usar roupas bem ousadas e impróprias para a sua idade. Agora, aos 20 anos, essa menina já é casada e mãe, mas continua a gostar de provocar com o seu modo de estar junto do outros.

Em conversa com a minha melhor amiga a semana passada calhou falarmos dessa miúda que tem publicado fotografias suas pelas redes sociais como se fosse uma bomba sexy, um bocado para o gordo, mas acha-se a melhor do mundo, a mais gira... Enfim, e depois o que é engraçado é que arranjou um marido como ela, gabarolas e um autêntico desleixado com a sua imagem.

Nas fotografias de casal que têm partilhado pelo mundo virtual podem ver-se imagens com peitos quase de fora, pela parte dela e rabo à vista de todos, pelo lado dele. Será que as pessoas não tem consciência do ridículo que são? É que são assim viradas para o pimba, indo atrás dos seus ídolos, vestindo-se como se fossem a Ruth Marlene e depois ainda publicam imagens decadentes sobre as suas vidas. Cada um pode tirar as fotografias que quiser, mas não tem que as mostrar na sua totalidade, pois não?

Ela sempre gostou de ser assim, nada a ver com a irmã, que foi minha amiga, depois juntou-se com uma pessoa do mesmo género e deu uma parelha bem jeitosa de pseudos pimbinhas, onde ele trabalha para ela andar nas feiras a comprar as peças mais irrisórias para serem vestidas. Aos 20 anos eles já são assim, será que quando crescerem um pouco vão mudar? Não me parece porque sempre a conheci assim, mas mesmo longe, gostava que fossem mais normais!

27
Nov12

Lá se foi o meu BlackBerry

Já andava a ameaçar há uns dias que mais tarde ou mais cedo se ia de vez, ainda não aconteceu totalmente, mas já conto com três teclas a menos. Falo do meu telemóvel!

O meu BlackBerry perdeu à sensivelmente duas semanas uma das teclas superiores que utilizava raramente, ontem assim sem mais nem menos caiu a tecla onde o consigo desbloquear. Conclusão, com duas teclas a menos e uma sendo necessária, arranquei a do lado que estava prestes a cair e que não utilizava e colei com fita cola no local do desbloqueio. Agora tenho um telemóvel com uma tecla colada a fita cola e duas só com o buraco.

Já andava a pensar em comprar um telemóvel novo, mas não para já! Mas assim vai ter que ser, e não quero voltar a ter um aparelho desta marca tão cedo, isto porque este foi uma desilusão! Tanto se falava na altura que estes telemóveis eram tão bons e tal e tal e revelou-se bem pior que o meu antigo Nokia, que parti por terras espanholas quando me sentei em cima dele.

Agora já ando a ver o que anda no mercado, estando inclinado para comprar um Samsung, ainda não sabendo o que escolher. Quero algo não muito caro, fácil de lidar e com bom desempenho nas redes sociais. Tenho que ser rápido, porque este desgraçado sem teclas já me transtorna o juízo!