Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Zanga de amigos no Big Brother

big brother.jpg

A poucas semanas do fim, os ainda concorrentes do Big Brother pareciam ter os ânimos na casa prestes a acalmar com a saída das pessoas que agitavam algumas frentes de jogo. Agora, zangaram-se os outrora amigos e eis que novos conflitos surgiram e a polémica voltou a estar instalada. 

Se por um lado estão agora Miguel e Bárbara, do outro a mãe Patrícia e a filha Jéssica, num confronto de dois para dois, deixando para trás o tempo em que os quatro eram amigos, defensores e vistos como um grupo contra a grande maioria de concorrentes que foram deixando o jogo. A quezília entre estas duas novas frentes foram-se adensando ao longo da semana e umas horas antes da gala acabaram por protagonizar uma grande discussão onde se acusaram mutuamente de falsidades, jogos cruzados e provocações constantes.

Bárbara e Miguel continuaram no centro das atenções, mas desta vez com os ciúmes a surgirem, primeiro perante o Miro, após Miguel saber de conversas passadas nas primeiras semanas de programa entre Bárbara e Miro. E depois para com Bernardo por Bárbara se ter deitado na cama deste a solo e ter vestido uma t-shirt do concorrente alentejano, algo que não foi bem visto por Miguel que sentiu e mostrou os seus ciúmes. Já Bárbara não aceitou o incómodo do amigo colorido e afirmou-o, debatendo-se por não ter feito nada de mal e com qualquer intenção. Este tema mostrou um Miguel ciumento e algo controlador e uma Bárbara consciente da sua liberdade que já afirmou que homem algum a conseguirá tirar, mostrando saber qual o caminho que quer seguir na sua vida como mulher independente, que pode amar que não fica sujeita ao que os outros querem de si.

Também Patrícia e Sónia tiveram algumas picardias ao longo da semana mas como mulheres adultas e mães de filhos, souberam admitir que ambas estiveram mal e que ambas têm personalidades bem vincadas e que é por isso que se chocam de forma constante para um pouco depois já estarem bem. Ambas viram as suas imagens de conflito e paz da semana e depois Sónia viu a solo todos os outros concorrentes afirmarem que não sabe argumentar e que acaba assim por ser incoerente. Com isto a concorrente foi desafiada pelo Big Brother a brincar no jogo, expulsando de forma fictícia um colega de jogo, escolhendo a Patrícia, e fazendo que tinha ganho com isso um passaporte para a final.

A curva da vida que faltava dentro do lote de concorrentes em jogo era a da Jéssica, nascida em 2003, de pais separados, nunca tendo visto os seus progenitores juntos. Desde cedo foi criada pelo companheiro da altura da mãe Patrícia, o Paulo, e pouca afinidade foi mantendo com o seu pai biológico. Perdeu a avó do coração, a mãe do Paulo, para o cancro e contínua a lamentar-se por não ter conseguido enfrentar a doença de uma pessoa que sempre amou para a poder apoiar. Pouco tempo depois o avô também adoeceu e faleceu com a mesma doença. No décimo ano começou a olhar para a sua imagem, por se sentir acima do peso e ser gozada por isso pelos colegas de escola, começando a sentir uma obsessão com o corpo que a levaram a sofrer um distúrbio alimentar. Conseguiu entrar na faculdade, começou a namorar, continua a enfrentar as suas inseguranças ao lado do namorado e mostra ser uma jovem com os pés bem assentes na terra. Entrou no Big Brother pelo desafio de se superar a si própria!

Semana detox

detox digital.webp

Por vezes existem momentos em que é necessário parar, que é como quem diz, dar espaço, e por estes dias foi mesmo isso que senti e fiz aqui com o blog.

Numa semana em que os horários de trabalho andaram que meio trocados e em que senti necessidade de utilizar o meu tempo livre mais dedicado à literatura e a ver séries, aproveitando também para tratar dos presentes de Natal de forma antecipada, este espaço já com uns bons anos e que sempre tento manter atualizado com novas publicações, acabou por nestes dias sofrer um pouco com a minha ausência e um certo bloqueio que me fez ficar de certo modo off-line por uns dias seguidos sem que desse sinais de vida.

 

O Diário de um Mago | Paulo Coelho

Pergaminho

o diário de um mago.jpg

Título: O Diário de um Mago

Autor: Paulo Coelho

Editora: Pergaminho

Edição: 17ª Edição

Lançamento: Junho de 2018

Páginas: 288

ISBN: 978-972-711-080-3

Classificação: 2 em 5

 

Sinopse: A partir da sua peregrinação a Santiago de Compostela, Paulo Coelho constrói esta fascinante parábola, que aborda a necessidade que todos sentimos de encontrar o nosso próprio caminho. Esta narrativa, em que o autor expõe a sua filosofia humanista e introduz a profundidade da sua busca, inaugurou a sua excecional carreira de escritor e revela de que forma o caminho da sabedoria pode transformar as nossas vidas.

 

Opinião: O Diário de um Mago conta de forma pessoal o percurso do autor pelo Caminho de Santiago de Compostela na procura da sua espada, do seu auto encontro. Percorrendo trilhos onde os obstáculos surgem ao longo deste percurso, o destino está traçado e para que o mesmo seja conquistado é necessário perceber que o mago que o procura é digno para atingir a sua perfeição e entendimento. Através de várias situações articuladas com ensinamentos, esta obra de Paulo Coelho envolve o leitor na procura pessoal de si próprio, tendo de ultrapassar barreiras e perceber onde está o bem e o mal no seu interior para conseguir encontrar a sua espada. O Diário de um Mago une a emoção e inspiração com o processo de conhecimento através de um percurso de encontros entre a literatura de viagem e a fantasia numa leitura onde não me consegui envolver.

Big Brother a caminho do último mês

Cristina Ferreira surgiu de vermelho na última gala de Novembro do Big Brother, prometendo uma noite de dilemas que como já vem a ser hábito, foram tão mais do mesmo que até deixam a desejar regressar atrás no tempo e lembrar o que era vivido nos primeiros reality shows em Portugal. 

Numa noite onde as birras da Mafalda estiveram em destaque e vários concorrentes afirmaram que a Patrícia está prestes a explodir, Miguel e Bárbara foram os protagonistas românticos da gala por estarem cada vez mais próximos. Patrícia e Sónia entraram em confronto várias vezes ao longo da noite, acabando com Patrícia por ser convidada pelo Big Brother a atribuir uma bomba a um dos companheiros de jogo, tendo escolhido a Sónia, que afirma estar a minar vários colegas contra si na casa. No entanto, a gala contínuo e a suposta bomba não foi revelada, ficando como que em suspenso para mais tarde ser conhecida. 

Após os confrontos entre uns e outros, que não passaram de pequenas birras sem grandes dramas, eis que o romance da casa com a dupla Bárbara e Miguel teve em grande destaque com imagens dos melhores momentos da semana entre os dois, com direito aos comentários dos outros concorrentes pelo meio. A dupla está apaixonada, já não o escondem, foram juntos ao confessionário e explicaram o que os une, ainda sem beijo assumido, mas com as palavras da Cristina que mostrou um lado carinhoso com os dois, dando-lhes apoio para fazerem o que lhes apetece, no momento certo e que só aos dois pertence, deixando a dica de como tem sido bonito ver o carinho e a forma como se olham e tratam ao longo do tempo. 

Momento curva da vida com o Diogo Coelho que revela que passou fases duras mas que é hoje uma pessoa orgulhosa e feliz. Filho único, sofreu com uma depressão da mãe que a levou a deixar de trabalhar. Sonhava em ser jogador de futebol, conseguiu em pequeno entrar numa equipa mas acabou por ser dispensado pelo estrutura física. Em adolescente sentiu dificuldades financeiras em casa pela falta de recursos, até que começou a trabalhar cedo para ajudar e conseguir fazer a sua vida. Trabalhou na noite, apaixonou-se, traiu e cometeu vários erros. Até que aprendeu a amar mais tarde com a mulher com quem casou, a Rita, a esposa que lhe deu dois filhos com quem é feliz e com quem conseguiu atingir estabilidade com algum esforço e muito trabalho. O sonho do Big Brother vem desde cedo mas foi em 2022 que entrou no reality show, na experiência que define como uma aprendizagem.

Nomeados - Bernardo, Diogo, Jéssica, Mafalda e Sónia - para a zona de perigo para a primeira suspensão das votações onde ficou livre da expulsão o Bernardo com 2%, tendo de enfrentar de imediato um dilema, "mais ou menos", tendo escolhido o "menos" e ficou assim com dois votos logo à partida nas nomeações da noite. O segundo salvo foi o Diogo com 4% que teve como dilema "polícia e ladrão" tendo de escolher o papel que quer desempenhar, optando por ser o "polícia", podendo multar um concorrente com mais um voto nas nomeações, atribuindo-o à Bárbara. Na segunda suspensão das votações foi com 14% que a Jéssica ficou livre de expulsão, enfrentando o dilema "imunidade ou nomeação", tendo de escolher entre a própria e a pessoa que lhe é mais próxima, a sua mãe Patrícia, qual ficaria nomeada e qual ficaria imune, tendo atribuído a imunidade à Patrícia e preferindo ficar nomeada. Nas contas finais com 46% a Sónia vê a sua estadia na casa continuar, já a Mafalda deixou o jogo com 54%, seguindo o caminho dos concorrentes que entraram no primeiro dia de programa, o da saída contra os concorrentes que foram entrando nas semanas seguintes, o que não é comum acontecer na história dos reality shows em Portugal. Sónia foi a última salva da noite e enfrentou o dilema que acabou por não o ser, ganhando de forma direta imunidade. 

Black Friday na Wook

bf-970x250-billboardHoje, 25 de Novembro, é a grande e conhecida mundialmente Sexta-feira louca de Black Friday e na Wook, a nossa livraria online de eleição, as coisas não são diferentes e as promoções vão dos 20% aos 50% de desconto em todos os livros, excetuando os manuais escolares e os livros vendidos no marketplace. A promoção também será possível em ebooks e audiolivros que contam com 20% de desconto imediato em todos os livros selecionados.

De frisar que este desconto é obtido através da combinação de desconto imediato e/ou desconto em cartão wookmais e que a oferta dos portes de envio está garantida para entregas standard e em pontos de recolha em encomendas de valor igual ou superior a 15€, sendo que se o valor for inferior aos 15€, o valor dos portes será devolvido em cartão wookmais.

O Diário de Anne Frank no Teatro da Trindade

o-diario-de-anne-frankpedro-macedo-framedphotos-2-

Imaginem-se escondidos num sótão.
Imóveis.
Silenciosos.
Durante dois anos.
Privados da vossa liberdade, porque lá fora reina a morte.
Anne Frank tinha apenas 13 anos quando foi lançada a este cruel desafio, juntamente comos seus pais, irmã, um casal amigo com um filho e um homem. Destas oito pessoas, sobreviveu apenas uma, Otto Frank, pai da Anne Frank, que mais tarde decidiu dar a conhecer ao mundo o diário da sua filha, que morreu num campo de concentração com apenas 15 anos.
Nesse diário, a jovem Anne descreve-nos o período em que sobreviveu à perseguição Nazi, que, entre 1941 e 1945, matou mais de 6 milhões de Judeus, e deixa-nos um testemunho pleno de resiliência e esperança que continua a inspirar gerações até aos dias de hoje.

amf-8962-1024x682.jpg

O palco da Sala Carmem Dolores do Teatro da Trindade tem recebido a história que a jovem judia Anne Frank deixou contada sobre o período vivido na Segunda Guerra Mundial. O Diário de Anne Frank é a adaptação para teatro da história que a jovem vivenciou aos 13 anos enquanto dividia um pequeno anexo numa casa em Amesterdão, nos Países Baixos, com os seus pais, irmã, um casal com o seu filho e um outro homem, ao longo de dois anos, escondidos dos horrores exteriores perante os quais sabiam que tinham o seu destino traçado.

A jovem Anne foi relatando a experiência no seu diário e esse mesmo diário foi tornado público pelo seu pai, o único sobrevivente do grupo. A jovem Frank acabou por morrer aos 15 anos, em 1945, num campo de concentração de Bergen-Belsen e o seu testemunho guardado tornou-se no espelho da realidade entre os anos 1941 e 1945 e um dos livros mais lidos mundialmente ao longo do tempo e que ainda hoje é recordado e faz parte dos grandes clássicos da literatura. O sonho de uma jovem em ser escritora a tornar-se realidade póstuma pela sua vivência entre os conflitos de uma sociedade que se flagela a si própria. 

Uma história pesada e real, que é retratada nos dias que correm e que nos remete para situações tão presentes como o conflito que nos tem afetado entre a Rússia e a Ucrânia. Passada em tempos conturbados, eternizada por vários relatos, foi o famoso livro publicado, Diário de Anne Frank, que serviu como inspiração a este trabalho teatral com o mesmo nome onde o medo e o amor se confundem num espaço tão pequeno onde era necessário não dar nas vistas para sobreviver. Bem encenado e interpretado, O Diário de Anne Frank dispensa apresentações e o seu sucesso na sala lisboeta tem provado isso mesmo, tendo a temporada sido prolongada para que novos públicos possam assistir a este trabalho onde a História do passado se parece cruzar com o presente num momento em que o público é convidado a refletir e viver com aquelas personagens. 

9 dicas incríveis para atingires o máximo de prazer sozinha

orgasmo

Desde cedo, percebemos que falar em masturbação ou prazer feminino é tabu.

Apesar de ainda ser um assunto evitado por muitas pessoas, e de pouco ou nada se saber sobre ele, o orgasmo feminino é algo que está comprovado que melhora o bem-estar e a autoestima, e portanto, merece uns minutos da tua atenção.

É sabido que nem todas as mulheres têm facilidade em atingir o orgasmo durante o sexo e nem todas reagem ao mesmo tipo de estímulos.

Neste caminho de descoberta pessoal, por vezes podem surgir dúvidas, por isso damos-te uma pequena ajuda - visita uma sexshop online ou física, onde poderás descobrir qual o brinquedo sexual que melhor se adapta a ti.

Dias que não são dias

dias.jpg

Dias em que só apetece chegar a casa, descalçar-me, vestir roupa confortável, larga e quente e deixar-me ficar sem nada para fazer a desfrutar do momento de pausa. Esticado na cama, a ouvir a chuva que cai lá fora e os carros que passam em algumas ocasiões ao mesmo tempo que os pássaros chiam na varanda e o sono surge para uma sesta que pode chegar e partir com pouca duração pelo meio mas que acaba por ter o seu efeito de prazer e descanso. Dias que não são dias e que surgem como simples divagações que devem ser partilhadas!

Big Brother sem confrontos

big brother.jpg

Decisões e confrontos foram prometidos no início de mais uma gala do Big Brother e no final as promessas não passaram disso mesmo, já que os concorrentes estão tão escaldados que quando chegam às galas armam-se em anjinhos do coro e só comentam com meias palavras os temas para os quais são convocados.

As tentativas de confronto começaram com Miguel e Mafalda de lados opostos e com um bloco de imagens sobre a guerra que os dois têm provocado na casa. Se um provoca, o outro sente-se picado, se ela fala ele acende o rastilho e o que em tempos parecia uma relação de amor-ódio agora parece uma guerra acessa que despoletou muito à custa de ciúmes e de situações mal resolvidas há umas semanas atrás. Sai Miguel do confronto e entra Bárbara para um frente-a-frente com Mafalda onde o apelidado por diabo louro continua no centro das atenções. Bárbara está cada vez mais próxima de Miguel, Mafalda já esteve próxima e afastou-se por vontade própria. Agora as duas não se entendem e têm o Miguel pelo meio com se estivessem a disputar a sua atenção num qualquer drama de adolescentes apaixonadas. O confronto das raparigas e as imagens mais carinhosas de Miguel com Bárbara em grande destaque na gala onde a apresentadora tentou empurrar os dois concorrentes um pouco mais para os braços um do outro.

Novo confronto, desta vez entre Mafalda e Diogo por entrarem em desacordo após serem convidados a assistirem ao jantar romântico do Miguel com Bárbara e por Mafalda revelar o que tinham provocado, as questões que foram feitas para o quarto secreto e afins. Diogo sentiu-se incomodado por Mafalda revelar o que haviam feito e dito e ao longo da semana acabaram por desatinar por Diogo se sentir traído no jogo numa semana em que esteve nomeado. Patrícia e Tatiana também tiveram as suas picardias ao longo da semana, a Patrícia por não deixar nada por dizer e a Tatiana por querer sobressair na semana em que esteve nomeada e precisou de aparecer um pouco mais, criando alguma troca de palavras desnecessária. Bernardo e Rúben também ficaram frente-a-frente por se atacarem nos últimos dias por não terem palavra e de nomearem quem diziam que não o iriam fazer. Isto dos confrontos podia ter sido muito bonito e criar algum impacto, como já aconteceu em edições de reality shows antigos, só que nos dias que correm este esquema da produção em tentar espicaçar os concorrentes já não pega de maneira nenhuma por todos estarem na defensiva com o que dizem e fazem, estando bem controlados, ao contrário do que acontecia no passado. 

Jéssica foi eleita de semana a mais invisível da casa e teve o papel na gala de escolher os cinco concorrentes mais ativos no jogo, Miguel, Mafalda, Bárbara, Patrícia e Miro, que ficaram assim no grupo dos protagonistas, já Jéssica, Tatiana, Rúben, Sónia, Bernardo e Diogo ficaram no grupo dos invisíveis. Os protagonistas foram ao cubo e tiveram de tomar decisões de forma rápida, tendo de expulsar o menos protagonista entre os cinco, optando pela Mafalda. Já os invisíveis na sala tiveram de expulsar um dos seus elementos, calhando o destino à Jéssica. Mafalda e Jéssica foram assim para a zona de perigo e Mafalda acabou por ganhar um voto extra para a ronda de nomeações. Para ser sincero, achei esta brincadeira tão mal feita que parecia que a consequência a ser dada dependia de qual o concorrente que fosse expulso pelo seu grupo. Como foi a Mafalda teve um voto a mais nas nomeações, mas se fosse um Miro, que é uma autêntica planta no jogo, poderia resultar numa nomeação direta, digo eu, numa onda de suposições. 

Curva da Vida esteve em votação entre Bárbara e Tatiana e o público escolheu que seria a Bárbara a mostrar a sua história. Afirma ter sido uma criança feliz, sem lhe faltar nada, praticando desporto desde cedo até aos dias que correm. Revela uma paixão enorme pelo irmão, mais velho, mostrou que teve pouco carinho dos pais, lembrando-se de poucos momentos carinhosos com os seus protagonistas, mas não lhes tirando o mérito de serem bons pais. Na adolescência sofreu algum bullying pelas redes sociais devido ao seu corpo sem formas femininas na altura, o que se esforçou para alterar e combater. Pelo caminho teve um namoro que não vingou e entrou na faculdade para estudar desporto . A entrada no Big Brother representa um momento de descoberta e confessa que a sua participação está a tomar um rumo que não estava pensado de início. 

Já tirei os casacos do armário

armario.jpg

Meio de Novembro e finalmente tirei os casacos dos porta-fatos onde foram guardados após o final do Inverno passado terem sido limpos e arrumados. Ao contrário de outros anos, neste nosso 2022 o tempo frio tem tardado a aparecer e somente os blusões mais finos têm andado ao serviço por não ter sentido qualquer necessidade de reforçar as roupas quentes até aqui.

Agora, a mês e meio do final do ano, senti a necessidade de pegar nos primeiros casacos, embora sem sentir grande frio, e já me comecei a fazer acompanhar de sobretudos nas saídas noturnas, já que de dia as temperaturas amenas continuam a fazer-se sentir.