Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

Viagem como pendura

22.04.13Publicado por O Informador

Fazer viagens de longa duração sentado como pendura num carro já não é bem para mim. Antes não me incomodava, mas agora a paciência já não existe em tão grande quantidade como antes e para a próxima vez que tiver que ir para algum local mais longínquo o volante tem que ser meu porque ao lado do condutor perco a paciência e só faço é abrir a boca. 

Eu gosto de conduzir e não me importo nada de ir durante horas com o volante nas mãos, mas ir ao lado de quem vai a conduzir numa viagem de duas ou três horas cansa-me. É que pouco depois de sairmos do local de arranque já eu começo a arranjar coisas para fazer, a pegar no telemóvel, a abrir a janela, a tentar ler alguma revista ou livro. Enfim, tento arranjar mil e uma coisas para fazer nas viagens distantes mas não me consigo concentrar em nada. Fico cansado de ir ali ao lado sem nada para fazer e depois começam-me a surgir as dores pelo corpo todo.

Enfim, as viagens longas como pendura não são mesmo para mim. Vou começar a ser o condutor quando for para locais que tenham mais que uma hora de viagem.

1 Comentário

Comentar Post