Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

03
Dez16

O presente ideal!


O Informador

Na verdade quero ir direito à questão...

O que é para ti o presente (material) ideal para receber no Natal, sejas Homem ou Mulher?!

Confesso que tenho sempre dificuldades, enormes até, de escolher aqueles presentes para oferecer aos outros mas que também me consigam agradar, como tal gostaria que todos os que passarem por este post me consigam dar uma dica sobre o que gostam de receber nesta altura festiva dos que vos são mais próximos!

Sei que muitos pensam sempre que Amor, Paz, Saúde chegam, mas sejamos sinceros porque o resto também sabe sempre bem receber. Vá, contem lá qual aquele presente que gostariam de receber na noite mais natalícia do ano, sff!

22
Dez15

É Natal! É Natal!


O Informador

presentes-natal-620x310.jpg

Em menos de nada já estamos na semana mais natalícia do ano!

Presentes comprados, bacalhau na arca, batatas na caixa, couves a caminho (embora não me façam falta) e a galinha a fornecer os ovos, o serão de dia 24 está semi pronto por estes lados para ser passado em sossego como é costume. Sem os grandes alaridos da maioria das famílias nacionais, por aqui a tradição é ficarmos por casa, respeitarmos os costumes gastronómicos mais virados para o peixe e antes das doze badaladas ficarmos pela sala a conversar até que acabamos por trocar os presentes entre nós, abrimos os que nos chegam de outras paragens e passado um bocado já o serão natalício está passado. 

Há uns anos, quando a criança e posteriormente o adolescente cá de casa marcava presença ainda se aguentava para os presentes só serem abertos na hora marcada mas nos últimos anos esse hábito perdeu-se. Não ligamos muito a esta quadra especial do ano e as coisas são feitas talvez porque sim, não existindo um esforço para se seguir um calendário de forma rígida. As coisas vão acontecendo naqueles dois dias e pronto, nada de grandes festejos e felicidade!

19
Dez15

Anos ou Natal?!


O Informador

Momento em que no ato de compras natalícias se ouve um casal comentar... Leva-se este Nenuco um pouco mais caro porque é presente de anos também!

Não é triste as pessoas não conseguirem distinguir o aniversário e o Natal no momento de comprarem presentes para quem teve o azar de nascer no mês onde mais embrulhos e sacos todos bonitos chegam no sapatinho?

Pensamentos destes abundam demais nesta época, usando-se uma desculpa esfarrapada para se gastar o mesmo e fazer uma figura supostamente superior, saindo o presenteado, na maioria das vezes as crianças, que mais ligam a essas coisas, a perder pelas atitudes hipócritas de egoísmo dos adultos. 

16
Dez15

Presentes em segunda mão


O Informador

Existem mesmo pessoas capazes de tudo, até de atribuírem presentes em segunda, terceira ou quarta mão no Natal! Conheço quem o faça praticamente à descarada e quando fingem não perceber que isso acontece!

Ao longo do ano a moça pede tudo e mais alguma coisa aos outros que podem ter em casa o que não necessitam, dando a desculpa que é para oferecer a instituições e aos mais carenciados da sua zona. No Natal e aniversários essas mesmas coisas surgem embrulhadas dentro de um saco como oferta para alguém. O pior desta situação é quando a dita pedinchona que faz assim uma selecção do que lhe deram para os supostos actos de solidariedade se engana e oferece algo a um conhecido de quem lhe deu a peça. 

Sim, existem pessoas capazes disto e muito mais! Tantas coisas poderia contar sobre este tema, mas faço agora aqui um resumo rápido... Roupa antiga que se oferece no Natal, sem etiqueta de origem mas com uma etiqueta de outra marca presa na peça. Sais de banho que uma outra pessoa tinha oferecido, atribuindo o seu antigo presente a outro ser. Botas gastas mas dentro de uma caixa como se fossem novas. Bombons quase fora de prazo porque existiam muitos lá por casa. Cremes já com umas boas mexidas. Ui, tanta coisa poderia ainda acrescentar...

10
Dez15

Lá vem o Natal!


O Informador

Estamos a 10 de Dezembro, faltam catorze dias para a entrega dos presentes de Natal acontecer e não comprei um único. Falta comprar para a ... para o ... para a..., a ..., o ..., a ..., o ...

Na verdade ainda não fiz bem as contas do que tenho para comprar e nem pensei no que quero oferecer a cada pessoa! Os próximos dias terão serões virados para o espírito natalício, já que terei de enfrentar os centros comerciais, os supermercados e as multidões loucas que têm medo que o mundo esteja à beira do final e que aquele presente ideal fique por comprar!

21
Nov15

Já alguém fez compras de Natal?


O Informador

A pouco mais de um mês para o Natal ainda não fiz qualquer compra natalícia, nem pensei sequer no que poderá ser uma hipótese de presente! Vá, não quero deixar tudo para a última da hora, embora tenha uns dias de férias na semana natalícia, mas também não me quero antecipar porque ainda estamos em Novembro!

Por ai, já alguém fez as suas primeiras compras de Natal?

29
Ago15

Brinde perdido


O Informador

Vou à MultiOpticas comprar líquido para as lentes de contacto. Pego num suposto cartão de pontos que vai dando direito a descontos e ofertas em modo de brinde. Só que no momento do pagamento e de receber o brinde, eis que a balconista diz que não tem brindes na loja naquele momento, só que a mesma situação já tinha acontecido anteriormente.

Será que no quadrado utilizado, se dissesse desconto de 25% ou 2 por 1 também me diziam que não seria possível realizar tal promoção por erros do sistema? Afinal para que serve aquele cartão se depois no momento exato para ser utilizado não existem os supostos presentes para os clientes?

25
Dez14

Presentes de Natal


O Informador

Livros, doces, roupa, doces, relógios, doces, dinheiro, doces, perfumes, doces... Os presentes do Natal 2014 foram assim! Desembrulhando prenda a prenda, intercalando com os meus pais, lá fui rasgando papéis, desagrafando sacos e os mimos foram sendo revelados um a um!

Alguns já eram esperados, outros foram surpresas de bilheteira, como é o caso do relógio que nem tinha pensado sequer que podia ser uma das escolhas deste ano! Gostei de ter adivinhado que iria receber o novo romance de José Rodrigues dos Santos, A Chave de Salomão, tal como vários pacotes de bombons e dinheiro! O resto apareceu de pessoas que estava à espera mas que raramente consigo saber o que será a oferta!

Obrigado a todos os que me presentearam em mais um Natal! Desejo a todos um Feliz Natal, recheado de felicidade e bons mimos de alegria, desejando que para o ano estejamos todos por cá, festejando e celebrando mais um aniversário do nascimento de Jesus!

30
Nov14

Onde andam as correrias?


O Informador

Nesta época do ano o mundo parece andar louco, com as correrias natalícias pelos centros comerciais, sempre em busca do presente ideal para um familiar ou amigo próximo. Em 2014 o ambiente natalício parece estar resfriado e a confusão que costuma iniciar-se a meio de Novembro ainda não tomou lugar!

O dinheiro é pouco e embora não se fale tanto como há uns tempos da crise, o que é certo é que ela existe e muitos daqueles que têm direito ao subsídio de Natal ainda não o receberam. No entanto no passado isso também acontecia e o entusiasmo nas lojas e superfícies comerciais sempre foi existindo. O que se passará desta vez para se estar com um maior receio e a deixar tudo para a última da hora?

As grandes marcas estão com fortes campanhas publicitárias de forma a atrair o consumo! As promoções estão lançadas, os apelos chegam por todos os lados e mesmo assim as coisas parecem estar frouxas e bem mornas. Compras de Natal este ano parecem estar reservadas para os últimos dias e ai será ver tudo o que é estabelecimento conhecido e com qualidade a encher-se para servir não só para comprar os últimos presentes mas sim todos aqueles que não foram comprados com a antecedência de outros tempos. 

O que se passa para as correrias natalícias ainda não terem começado? Será que agora a partir do início do mês tudo mudará e as confusões aparecerão? Acredito que a massa populacional se comece a fazer sentir com uma maior intensidade, no entanto existe desta vez bastante vergonha, talvez derivada do mau tempo que se tem feito sentir, de apostar e levar para casa os sacos recheados com poucos ou muitos mimos para os mais próximos!

Bom início de Natal para todos é o desejo por aqui! Vamos às compras ou preferimos os presentes que não têm preço?!

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Segue-me...

Facebook ___________________________________________________________ Instagram ___________________________________________________________ Twitter ___________________________________________________________ Pinterest Visita o perfil de O Informador no Pinterest. ___________________________________________________________ Goodreads
Envelhenescer
Três Homens Num Barco
Confissões de Inverno
O Templário Negro
Larga quem não te agarra
As Desaparecidas
Sentir
A Livraria
A Magia do Acaso
Hotel Vendôme
A Química
Não Gosto de Segundas Feiras
___________________________________________________________ BlogsPortugal
___________________________________________________________ Bloglovin Follow _____________________________________________________

 Subscreve O Informador

Mensagens

Comentários Recentes

Atual Leitura

_________________________________________________________

Parceiros Literários

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Espaço Cultural

_______________________________________________