Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

23
Dez16

Natal é concorrência!


O Informador

As cidades deste país estão inundadas de grandes árvores de Natal num concurso sem prémio para se perceber qual a maior de 2016. Na verdade em Portugal tudo tem valor consoante as medidas e luminosidade, entrando-se sempre em corridas e disputas porque, como diz o ditado, «a minha galinha é melhor que a tua». São os presépios, onde a minha vila, Alenquer, tem um dos mais antigos e conhecidos do país, são as majestosas árvores natalícias, os divertimentos, agora os mercados de Natal, os comboios de passeio pelas ruas. De há uns anos para cá o que é certo é que em época de Natal as vilas e cidades começaram a ganhar um novo ânimo, convidando miúdos e graúdos a saírem à rua antes, durante e após os dias festivos para comemorarem ao ar livre e de forma bastante comercial uma celebração cada vez mais consumista. 

Em que cidade está a maior árvore de Natal este ano? E o presépio majestoso de 2016 onde pode ser localizado? Já agora, o bolo rei é rei e senhor em que pastelaria nacional? E os filhoses arrebatadores por onde andam?

O Natal já entra nas disputas territoriais e a procissão iniciada às uns anos ainda vai a meio! Para o ano teremos talvez o Marcelo a fazer de Pai Natal a visitar as pequenas aldeias deste país e a ser bastante requisitado, a Cristina a pousar de lingerie na sua revista como Mãe Natal e em digressão nacional e comercial, a Rita a servir tapiocas natalícias de mercado em mercado, o Malato a cozinhar com as mães deste país os doces tradicionais de cada região numa verdadeira disputa, o Ronaldo a marcar um golo em tons de vermelho e branco e o Sócrates a meter os presentes no saco para os levar para casa e distribuir pelos amigos. 

30
Nov14

Alenquer, Presépio de Portugal


O Informador

Presépio de PortugalA vila de Alenquer entra agora na sua fase natalícia e este ano o evento apelidado por Presépio de Portugal tem uma programação de luxo! O Natal está à porta e o lema deste ano das iniciativas do município está em torno da solidariedade, história e tradição.

O Mercado de Presépios, as iluminações especiais, festas, ceias e jantares solidários, concertos, teatro, programas televisivos, uma grande concentração de reis magos, aventuras pelo presépio, exposições, contos de Natal. Tudo isto e muito mais tem vindo a ser preparado pelo Município de Alenquer para que as próximas semanas sejam bem festivas e levem a população alenquerense e visitantes da vila a presenciarem bons momentos com muita animação e festividades próprias da época. 

Alenquer Presépio de Portugal tem uma programação bem especial este ano! Sejam bem-vindos à vila solidária deste Natal!

Presépio de Portugal

27
Mai14

XXXII Feira da Ascensão


O Informador

Ascensão

Alenquer, a vila que sempre me acolheu, está em festa com a trigésima segunda edição da Feira da Ascenção, que sempre coincide com o fim-de-semana da quinta-feira da Espiga. Este ano conto andar pelas ruas da vila por alguns serões destes dias, ao contrário do que tem acontecido pelos últimos!

Deixo aqui a programação diária do evento para quem quiser dar um saltinho até Alenquer pelo próximo fim-de-semana para conhecerem a Feira da Ascensão, uma montra do que se anda a fazer culturalmente pelo concelho que há uns anos deixou a tradição de lado, entregando-a aos comerciantes locais para seguirem em frente com este fim-de-semana onde todos se conhecem e encontram pela zona da Romeira.

Exposições, dança, canto, diversão, comida e bebida prometem não faltar ao evento e mesmo não tendo convidados e atracções de topo, a feira de Alenquer será sempre a feira da minha vila!

Ascensão 2

07
Jan13

Presépio da mana Pa


O Informador

Presépio

Já conhecem a minha mana Pa, não já? Pois, não nos vimos nos dias antes de Natal, nem até à passagem de ano, mas ela não se esqueceu de mim e ofereceu-me uma prendinha, este presépio especial e cheio de pinta!

Foi no dia que fomos ver o filme Os Miseráveis, que a Pa me deu o presentinho de Natal de que gostei muito e que se encontra agora, como pode ser visto pela imagem, à frente dos meus livros.

Este presépio é tão giro, mas tão giro mesmo, que não o posso guardar, mesmo não estando em época de Natal já. Vai ficar no sítio onde está durante todo o ano e assim sempre que olhar para aquele local, lá está o presente da minha irmã do coração.

Nesta imagem natalícia existem algumas coisas engraçadas, não existem burro e vaca, tal como o senhor papa afirmou que tais figuras não fizeram parte desta histórica mágica. Depois, não dá para ver na imagem, mas por baixo das folhas das palmeiras existe uma luz que posso ligar sempre que quiser. Mas o que destaco mesmo é o facto de as três figuras serem tão redondinhas e fazerem-me lembrar que saíram de uma série de desenhos animados, daqueles que apetece apertar e levar para casa.

Adorei este presente da mana Pa! Tão giro e engraçado, que só podia vir mesmo daquela mente. Para quem quiser, contaram-me que foi comprado numa loja recheada de presépios, lá para os lados de Queluz!

14
Dez12

O encanto do Presépio de Alenquer


O Informador

As lembranças fazem-se sentir ao longo de todo o ano, mas nesta altura existem coisas que me mostram como cresci e como deixei de olhar para as coisas que me faziam feliz quando era pequeno.

Presépio de AlenquerLembro-me que há uns vinte e poucos anos atrás, os meus pais iam comigo, não de propósito, mas quase, ver o Presépio de Alenquer tal e qual como se pode ver na imagem. Paravam o carro e juntos víamos esta linda imagem de Natal que me alegrava, ano após ano, e onde eu via magia em todas as figuras e recantos da encosta.

Falávamos sempre das figuras que compõem este presépio, comentávamos quando estavam com as cores mais definidas, e ficávamos ali os três a contemplar este momento que faziam questão que eu visse todos os anos e várias vezes até.

Hoje, passo pelo local onde a magia acontecia e até me esqueço que o Presépio de Alenquer ali está! Já passaram vinte e seis anos desde o meu primeiro Natal e esta imagem tornou-se banal para mim. A lembrança da alegria familiar naquele local agora não passa disso mesmo...

Mais sobre mim

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários Recentes

Mensagens

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Segue-me...

Facebook ___________________________________________________________ Instagram ___________________________________________________________ Twitter ___________________________________________________________ Pinterest Visita o perfil de O Informador no Pinterest. ___________________________________________________________ Goodreads
Envelhenescer
Três Homens Num Barco
Confissões de Inverno
O Templário Negro
Larga quem não te agarra
As Desaparecidas
Sentir
A Livraria
A Magia do Acaso
Hotel Vendôme
A Química
Não Gosto de Segundas Feiras
___________________________________________________________ BlogsPortugal
___________________________________________________________ Bloglovin Follow _____________________________________________________

 Subscreve O Informador