Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

20
Mai17

A Chiado Editora na Feira do Livro de Lisboa


O Informador

feira do livro de lisboa 2017.png

A 87º Feira do Livro de Lisboa 2017 está prestes a começar e as editoras nacionais estão a preparar-se para não defraudarem os seus leitores no maior evento nacional de literatura. 

A Chiado Editora marcará mais uma vez presença no certame que decorrerá de 1 a 18 de Junho, no Parque Eduardo VII, em Lisboa, contando com um dos maiores espaços e também variadíssimos eventos de sempre da editora.

Além dos seis pavilhões e mais de trezentas sessões de autógrafos diárias, numa área de autores alargada este ano, a presença da Chiado Editora cresce na Feira do Livro de Lisboa para reforçar a oferta cultural junto de leitores e curiosos que visitem o espaço.

 

06
Mar17

Feira do Livro de Lisboa já com data


O Informador

A 87ª Feira do Livro de Lisboa já tem data afixada para abrir e fechar as suas portas pelo Parque Eduardo VII. Este ano o certame decorrerá de 1 a 18 de Junho e espera-se que tenha ainda mais participantes que os 123 inscritos pelo ano passado, o que correspondeu a 277 pavilhões. 

Sem ainda terem sido reveladas as novidades para a edição deste ano, o que se sabe até ao momento é que a aplicação gratuita para Android e iOS criada e lançada o ano passado terá nova atualização para abranger outro tipo de conteúdos para todos os que quiserem visitar e saber um pouco mais acerca da Feira do Livro. 

Neste momento ainda nos encontramos a cerca de três meses da abertura do evento mas os amantes literários ficam já em alerta para que comecem a poupar com a finalidade de passarem as primeiras semanas de Junho a circular de sacos cheios de boas e baratas obras pela 87ª Feira do Livro de Lisboa.

27
Jun15

Todas para o Parque Eduardo VII


O Informador

Neste momento as estradas e ruelas do centro da nossa capital devem estar inundadas de carros e mais carros, pessoas atrás de pessoas com crianças atreladas e maridos contrariados. Hoje é o concerto de Tony Carreira pelo Parque Eduardo VII com a Festa Continente, aquela que já foi Piqueniques e Arraias nos anos transatos. 

Dizem que o Continente faz 30 anos, está com loucas promoções e isso é verdade porque já o constatei. Para mostrarem que estão em festa convocaram TVI e o chamativo Tony que arrasta consigo as loucas fãs que pelo final da tarde irão estar coladas ao palco central do evento para poderem gritar «Tony! Tony! Tony!» ou como manda a tradição «Tony, faz-me um filho!».

Vá, vão lá para o Parque de transportes públicos porque o trânsito não deve estar muito risonho a esta hora pela zona. Quando chegarem comecem a preparar as gargantas para ao final da tarde poderem gritar com garra pelo cantor que vos deixa húmidas!

12
Abr15

Feira do Livro de Lisboa, quase a chegar!


O Informador

Feiro do Livro de Lisboa 2015.png

 

A Feira do Livro de Lisboa 2015 já está a ser preparada para que de 28 de Maio a 14 de Junho possa abrir portas a alfacinhas e visitantes que esperam por este evento para adquirirem obras que acabaram de ser lançadas e também aproveitar as boas promoções que sempre vão aparecendo ao longo dos dias de feira com determinadas editoras a colocarem os seus sucessos a preços abaixo dos que geralmente são praticados ao longo do ano. 

A 85ª edição da montra literária lisboeta contará com perto de cem mil títulos distribuídos por mais de duas centenas de pavilhões e centenas de editores, chancelas, alfarrabistas e livreiros que prometem dar continuidade a toda a festa dos livros que tem sido mantida ano após ano pelo Parque Eduardo VII. 

03
Jun14

Feira do Livro Lisboa 2014


O Informador

imageA Feira do Livro Lisboa 2014 já começou e O Informador já lhe fez a sua primeira visita de reconhecimento e observação do espaço! O que dizer sobre o primeiro impacto? Está mais fraca que nos anos anteriores, mesmo existindo uma forte tentativa da organização em modificar o espaço e as atracções que o envolvem.

No geral dá para perceber que existe uma boa tentativa de renovação ano após ano e que além dos agrupamentos de destaque das editoras existe também uma maior oferta de restauração e entretenimento, mas isso não chega para atrair amantes literários ao espaço onde os livros são os grandes protagonistas. Nesta feira os grandes grupos têm o seu lugar reservado e estão rodeados pelas editoras mais pequenas e que não estão concentradas nos espaços principais. A apresentação que a feira mantém onde só as cores e as obras de destaque mudam de ano para ano e uma menor, pelo menos aparentemente, quantidade de expositores literários é notável. 

A Feira do Livro Lisboa tem sempre um encanto e uma atracção que me leva a visitar o Parque Eduardo VII nesta altura do ano, mas noto a falta de atracção, aquela que existia há anos atrás. Geralmente visito o certame ao serão, recorrendo ao uso da Hora H para fazer as compras, e é nesse horário que noto um desequilíbrio entre o que é feito hoje e foi feito no passado. Não existem grandes sessões de autógrafos ao serão, algumas editoras não aderem ao horário especial de promoções, os vendedores por vezes não sabem o que estão a fazer, passando o seu tempo na conversa ou dedicados às novas tecnologias portáteis, esquecendo os compradores... Onde andam as novidades? Onde andam os livros digitais com destaque? Onde andam as tertúlias a toda a hora para incentivar um maior número de visitas? Onde estão as ofertas? As imagens, cores, letras e vendas já não são como antes e esta edição da Feira do Livro da nossa capital tem que ser a última antes de uma verdadeira renovação que pode contar com um maior número de atracções, unindo a literatura às artes, aliando a música e o teatro ao que de bom se escreve pelo mundo.

Na primeira visita à Feira do Livro Lisboa 2014 não fiz qualquer compra, no entanto, pelos próximos dias irei voltar ao certame para aproveitar o horário especial e poder comprar alguns dos livros que já contam com mais de um ano após o seu lançamento e que já entram assim na famosa Hora H, que ocorre sempre das 22h00 às 23h00 de Domingo a Quinta-feira.

Parque Eduardo VII

Sobre mim

foto do autor

Ganha

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • O Informador

    Acho que as atividades que acontecem nos dias de s...

  • P. P.

    Eu já tive alunos com toda a tarde de sábado ocupa...

  • Ricardo Trindade

    Duas horas semanais no máximo de catequese achas q...

  • P. P.

    Respeito e gostava de ser portador de tal fé/ espe...

  • O Informador

    Combinado! Quanto ao Catequista diz-te alguma cois...

Mensagens

Pesquisar

Segue-me...

Facebook ___________________________________________________________ Instagram ___________________________________________________________ Twitter ___________________________________________________________ Pinterest Visita o perfil de O Informador no Pinterest. ___________________________________________________________ Goodreads
Envelhenescer
Três Homens Num Barco
Confissões de Inverno
O Templário Negro
Larga quem não te agarra
As Desaparecidas
Sentir
A Livraria
A Magia do Acaso
Hotel Vendôme
A Química
Não Gosto de Segundas Feiras
___________________________________________________________ BlogsPortugal
___________________________________________________________ Bloglovin Follow _____________________________________________________

 Subscreve O Informador