Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

11
Nov17

Os jantares no Panteão


O Informador

panteão nacional.jpg

O Panteão Nacional está desde o dia 24 de Junho de 2014 ao abrigo do Despacho 8356/2014, onde foi aprovado o Regulamento de Utilização dos Espaços sob tutela da Direção Geral do Património Cultural e desde ai que o local é utilizado para receber várias comemorações, só que se até aqui tudo foi feito de forma bem recatada, com o jantar que foi organizado pela finalização do Web Summit a situação tomou proporções a nível nacional e a polémica ficou instalada com o Governo agora a querer proibir os jantares no Panteão.

panteão nacional mesas.jpg

Ao longo de três anos foi possível a empresas e entidades privadas e públicas utilizarem o salão central deste símbolo português para organizarem jantarem e eventos, só que agora, após a polémica, para António Costa, «é ofensivo utilizar deste modo um monumento nacional com as características e particularidades do Panteão Nacional», reforçando que «a utilização do Panteão Nacional para eventos festivos é absolutamente indigna do respeito devido à memória dos que aí honramos». A questão é se o senhor Primeiro-Ministro só agora teve conhecimento sobre este despacho ou se só falou após ver toda a polémica que o jantar do Web Summit tem causado junto da sociedade em geral e através das redes sociais.

Segundo consta através da comunicação social, o Ministério da Cultura quer agora proibir a realização de festas no Panteão Nacional e que o jantar da passada Sexta-feira, 10 de Novembro, no local só foi conhecido por Luís Filipe Castro Mendes, Ministro da Cultura, após a sua realização. Assim sendo, o Ministro em funções já determinou «a imediata revisão» do despacho de 2014 para que a «proibição de realização de eventos de natureza festiva no Corpo Central do Panteão Nacional» seja feita. Em comunicado foi ainda mencionado que «O Ministério da Cultura não permitirá que a utilização para eventos públicos dos monumentos nacionais possa pôr em causa o caráter e a dignidade próprias de cada um desses monumentos.» Agora pergunto... Será que o senhor Ministro e toda a sua equipa também desconheciam o despacho que deu luz verde à utilização destes espaços para celebrações e festividades?

03
Jul15

Entrada livre em Museus e Monumentos


O Informador

Sabias que os Museus e Monumentos da nossa capital no primeiro Domingo de cada mês estão com entrada livre? Ah pois é, não sabias e agora já estás a repensar os planos que tinhas para o fim-de-semana que se aproxima, não é?

Podes ficar a saber mais informações sobre a iniciativa pelas páginas que se seguem...

Casa-Museu Dr. Anastácio Gonçalves

Museu de Arte Popular

Museu do Chiado - Museu Nacional de Arte Contemporânea

Museu da Música

Museu Nacional de Arqueologia

Museu Nacional de Arte Antiga

Museu Nacional do Azulejo

Museu Nacional dos Coches

Museu Nacional de Etnologia

Museu Nacional do Teatro

Museu Nacional do Traje

Palácio Nacional da Ajuda

Mosteiro de Jerónimos

Panteão Nacional

Torre de Belém

11
Ago14

Passeio por Lisboa


O Informador

Panteão NacionalLisboa, a cidade portuguesa que está cheia de turistas é também um bom ponto do país para os portugueses visitarem quando existe um tempinho livre para percorrer alguns dos monumentos e locais históricos nacionais. Ontem foi dia de visitar o Panteão Nacional e o Mosteiro de São Vicente de Fora, num passeio entre mortos e vivos, a história e o presente!

Depois de almoço lá fomos nós até à zona da Graça e São Vicente para visitarmos o Panteão Nacional, onde os heróis de vários feitos nacionais estão sepultados ou somente homenageados como acontece com os descobridores e navegadores de outros tempos! O fado com Amália Rodrigues, a escrita de Sophia de Mello Breyner Andresen, o general sem medo Humberto Delgado e Sidónio Pais são alguns dos nomes presentes neste monumento nacional, feito para homenagear quem sempre defendeu e levou o nome de Portugal pelo Mundo, conquistando fronteiras e quebrando barreiras, nas lutas internas e externas a favor do bem do país. Fui pela primeira vez ao Panteão da história e valeu a pena poder conhecer um pouco mais do nosso passado num local bem conservado!

Panteão Nacional

Panteão Nacional

Panteão Nacional

Amália

Depois do Panteão foi altura de subir um pouco a calçada e entrar no espaço do Mosteiro de São Vicente de Fora! Aqui, e ao contrário da visita anterior, não existe ideia do que pode ser encontrado dentro deste Mosteiro marcado pelo tempo! As relíquias, imagens e túmulos de reis, príncipes, duques e condes estão lá e a arquitectura do espaço e o que pode ser visto de Lisboa através das suas varandas é excelentemente recompensador. Posso garantir que vale mesmo a pena querer conhecer um pouco mais da nossa capital que tanta vez nos passa ao lado pela ideia do que o que é dos outros é melhor do que o nosso!

Mosteiro de São Vicente de Fora

As visitas aos monumentos nacionais deixaram-nos cansados porque tanta escada deixa qualquer um de rastos e também com uma certa forme, como tal, foi tempo de ir lanchar e aproveitar para ver a passagem dos eléctricos que continuam a marcar a paisagem lisboeta todos os dias! Lisboa é linda e recomenda-se!

Panteão Nacional

Mais sobre mim

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários Recentes

  • O Informador

    Até agora estou a gostar da leitura que se torna b...

  • O Informador

    Irão sempre arranjar maneira de não fazerem a devo...

  • O Informador

    Euro a euro conseguirão lá chegar!

  • O Informador

    Não sei se a editora envia para o Brasil, mas pode...

  • Phocaontas

    Olaaa por acaso gosto mesmo muito de ler.. E amo r...

Mensagens

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Segue-me...

Facebook ___________________________________________________________ Instagram ___________________________________________________________ Twitter ___________________________________________________________ Pinterest Visita o perfil de O Informador no Pinterest. ___________________________________________________________ Goodreads
Envelhenescer
Três Homens Num Barco
Confissões de Inverno
O Templário Negro
Larga quem não te agarra
As Desaparecidas
Sentir
A Livraria
A Magia do Acaso
Hotel Vendôme
A Química
Não Gosto de Segundas Feiras
___________________________________________________________ BlogsPortugal
___________________________________________________________ Bloglovin Follow _____________________________________________________

 Subscreve O Informador