Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

29
Dez16

A falta das Meias


O Informador

O Natal já lá vai e acabo de me lembrar de uma coisa! Há uns anos, talvez uns quatro ou cinco, que deixei de receber roupa interior como presente. É verdade, isso aconteceu mesmo!

As prendas começaram a mudar e as meias e boxers deixaram aos poucos de aparecer no interior de embrulhos mal amanhados. Qual o motivo disto acontecer? Eu sei! Eu sei! É que os presenteadores deste estilo de ofertas foram falecendo e as gerações mais novas souberam aos poucos não seguir o caminho que vinha a ser feito! 

01
Mai16

Ofertas sem ideias


O Informador

Uma verdade existe! Quando não procuramos qualquer presente ou brinde para oferecer aos convidados num aniversário, festejos, casamentos ou batizados encontramos e aparecem-nos pela frente ideias fantásticas! Na hora necessária tudo se desvanece e o cérebro bloqueia sem surgir qualquer hipótese fácil de fazer e sem gastar muito dinheiro!

Será possível que todos os pompons, garrafinhas, rebuçados, potes, bonecos e flores desapareçam da nossa mente quando é necessário ter uma ideia engraçada para ajudar alguém a encontrar aquela lembrança ideal para num dia festivo poder oferecer aos convidados de um evento especial? Tanta coisa que nos vai passando na frente dos olhos no dia a dia pelos mais diversos locais por onde passamos e depois quando é realmente necessário parece que aquelas coisas engraçadas que vimos ou que nos lembramos em tempos ficam recalcadas num canto da mente para só aparecerem quando já não fazem falta.

06
Jan15

Bilhetes para Amor e Informação


O Informador

Amor e InformaçãoNos primeiros dias do ano fui até ao Teatro Aberto assistir à peça Amor e Informação. Agora e porque os bons espetáculos são para partilhar, eis que tenho dez bilhetes duplos para oferecer aos leitores do blogue!

Ana Guiomar, Carlos Malvarez, Cristóvão Campos, Francisco Pestana, Irene Cruz, João Vicente, Marta Dias, Marta Ribeiro, Melim Teixeira, Patrícia André, Paulo Oom, Rui Neto e Teresa Sobral são as estrelas da companhia que levam ao palco do Teatro Aberto mais de 50 cenas isoladas da autoria de Caryl Churchill. Este espetáculo faz a união entre as personagens em palco e vários momentos digitais que vão passando ao longo das quase duas horas de Amor e Informação.

Quem quiser ser um dos vencedores dos bilhetes que tenho para oferecer da sessão das 21h30 de dia 21 de Janeiro, Quarta-feira, só tem que copiar a frase que se segue, colocá-la como comentário a este texto, ser seguidor do blogue pelo Facebook, tal como da página do Teatro Aberto e partilhar o link do passatempo pelo seu mural da rede social! No momento da participação peço que o nome e email sejam colocados corretamente para uma melhor comunicação para com os vencedores!

«O Informador leva-me ao Teatro Aberto para ver Amor e Informação!»

Este passatempo começa pelas 19h30, de dia 06 de Janeiro, terminando no dia 19, pelas 18h00. Os vencedores serão sorteados através do sistema automático random.org, sendo revelados após o final do passatempo num novo texto e contactados via email.

Boas comentários e bastantes partilhas! Até já!

Amor e Informação 1

Amor e Informação, de Caryl Churchill

Sinopse: Ama-se e deixa-se de amar, perde-se a memória de quem se amou, recorda-se os tempos do amor, faz-se o luto, vai-se à procura da intensidade do sentir longe da civilização, tem-se uma paixão virtual difícil de explicar, idolatra-se uma estrela até à loucura. Quer-se saber mais, esconder o que se sabe, revelar segredos, não esquecer nada, conhecer o futuro, perceber a dor, o medo, o significado das palavras, o sentido da vida. Como num caleidoscópio ou num zapping de imagens, surgem mais de 100 personagens em mais de 50 peças curtas e outros tantos intermezzos, criados por esta encenação, numa proposta teatral invulgar que investiga sempre de novos pontos de vista os múltiplos aspectos da nossa infinita necessidade de amor e de conhecimento.

Encenação: João Lourenço

Com: Ana Guiomar | Carlos Malvarez | Cristóvão Campos | Francisco Pestana | Irene Cruz | João Vicente | Marta Dias | Marta Ribeiro | Melim Teixeira | Patrícia André | Paulo Oom | Rui Neto | Teresa Sobral

23
Dez14

Presentes complicados!


O Informador

Como é complicado encontrar o presente ideal para uma criança que aceita tudo mas que nós, os adultos, achamos que a maioria dos brinquedos, roupas e acessórios não são bem a sua cara! Quando chega o momento das compras para a criançada da família e amigos existe sempre o dilema sobre o que oferecer! Passo horas a pensar, outras tantas pelos centros comerciais e supermercados e geralmente não aparece qualquer luz sobre o que seria o presente ideal naquela altura do campeonato! Se é uma menina só consigo encontrar algo de jeito para rapazes! Se acontece o presente ser para um menino só as raparigas parecem ter as escolhas ideias pelas lojas! Que coisa complicada, a compra dos presentes para crianças!

Sou sempre atrapalhado na hora de escolher algo para oferecer a alguém, quer seja aos adultos ou aos mais pequenos, mas neste campo parece que as escolhas tornam-se mais complicadas! Olho e revejo tudo e parece não existir o artigo ideal, aquele que me encha o olho e que pode fazer magia em quem o irá receber passados uns dias! Vejo milhares de coisas, penso e esqueço-me no que durante o ano me fui lembrando que poderia oferecer a determinada pessoa na altura certa!

Um presente é sempre algo pessoal e que tem de ser escolhido consoante os gostos de quem o dá e recebe! Pensar que irei comprar algo de que não gosto ou oferecer uma coisa que aprecie e pensar que não vai ser do agrado da outra parte não faz parte da minha forma de pensar em ofertas! Para mim oferecer tem de fazer sentido para as duas partes e é por isso que sou tão complicado em elaborar no pensamento o que irei ter no dia das oferendas porque nada me agrada e quando posso apreciar penso que quem irá receber as felicitações pode não ficar totalmente feliz com o que lhe calhou na rifa!

Um presente é sempre algo que tem de ser escolhido a dedo e sou tão mau a fazer as escolhas certas de forma repentina! Comprar presentes é algo que gosto de fazer com tempo para poder ver, pensar, rever e voltar a pensar, andar para a frente e para trás e finalmente cruzar-me com o que vejo ser o presente ideal, aquele a que foi complicado chegar!

20
Abr14

Vencedor do Passatempo – Grande Revista à Portuguesa [20ªEdição]


O Informador

As Produções Filipe La Féria apresentam a Grande Revista à Portuguesa no Teatro Politeama e em parceria com O Informador lançaram mais um passatempo com a finalidade de atribuir bilhetes duplos para o espetáculo. Chegou agora a altura de revelar o único nome que irá poder ver, no dia de hoje, 20 de Abril, pelas 17h00, esta produção e passar em boa companhia a tarde de Domingo de Páscoa. 

Infelizmente e acredito que por ser um dia especial onde todos querem estar com a família, este passatempo não teve a adesão de outros semelhantes, como tal só uma pessoa tentou a sua sorte, estando o seu lugar já reservado pela sala lisboeta onde irá assistir ao espetáculo de Filipe La Féria no palco do Teatro Politeama, nesta que será uma das suas últimas exibições.

Maria Baptista

Parabéns à vencedora que irá poder ver as interpretações de Marina Mota, João Baião, Maria Vieira, Vanessa Silva, Ricardo Castro, Rui Andrade, Patrícia Resende, Bruna Andrade, Filipe Albuquerque e Adriana Faria neste excelente espetáculo!

Quanto aos leitores que também queriam ter tal oportunidade, num outro dia, fiquem atentos porque novos passatempos teatrais irão surgir!

09
Abr14

Vencedores do Passatempo – Grande Revista à Portuguesa [18ªEdição]


O Informador

Pela décima oitava vez O Informador juntou-se às Produções Filipe La Féria para ser lançado um passatempo com a finalidade de atribuir bilhetes duplos para o espetáculo Grande Revista à Portuguesa, em cena no Teatro Politeama há vários meses e com o final marcado para os últimos dias deste mês. Chegou agora a altura de revelar a lista dos vencedores que irão poder ver, no dia de hoje, 9, pelas 21h30, esta produção e passar em boa companhia o serão.

Eis os nomes dos comentadores mais rápidos e que agarraram assim a oportunidade de poderem estar na sala lisboeta a assistirem ao espetáculo encabeçado por João Baião, Marina Mota, Ricardo Castro, Rui Andrade, Vanessa Silva e Maria Vieira no palco do Politeama, nesta que será uma das últimas exibições pela sala lisboeta.

Fernando Monteiro

Paulo Santos

Ana Mafalda Cardoso

Mariana Cardoso

Alexandre Santos Silva

Maria Eunice

Pedro Costa

Telma Nunes

Kelly Mendes Ferreira

Ana Ribeiro Malho

Parabéns aos vencedores e um bom espetáculo a todos! Quanto aos leitores que também queriam ter tal oportunidade, fiquem atentos porque em breve novos passatempos teatrais irão surgir!

26
Mar14

Passatempo - A Publicidade Segundo o Meu Tio Olavo


O Informador

A Publicidade SegundoO Informador e a Chiado Editora juntaram-se para uma parceria que visa presentear os amantes de boa literatura. Neste passatempo temos para oferecer aos leitores do blogue um exemplar do livro A Publicidade Segundo o Meu Tio Olavo, da autoria de Edson Athayde!

O autor entrou no mundo publicitário e revelou de forma descontraída neste livro de ensaio como tudo se tem transformado ao longo dos últimos anos. Lançado em Portugal em Fevereiro pela Chiado Editora, A Publicidade Segundo o Meu Tio Olavo está incorporado na colecção Compendium e tem mostrado interesse junto dos profissionais da comunicação e publicidade que todos os dias enfrentam os desafios de um mundo cada vez mais complexo e exigente.

Quem quiser habilitar-se e ser o vencedor do exemplar que tenho para oferecer, basta copiar a frase que se segue e colocá-la como comentário a este mesmo texto. Os candidatos à vitória terão também que fazer Gosto nas páginas de Facebook d’ O Informador e da Chiado Editora.

«O Informador e a Chiado Editora juntaram-se para oferecer o livro A Publicidade Segundo o Meu Tio Olavo!»

Depois e através do sistema random.org encontrarei o número do vencedor. A ordem dos comentários traduzir-se-à em números e colocarei a imagem do número que saiu, revelando assim o vencedor num novo texto.

O passatempo inicia-se no dia 26 de Março e terminará a 5 de Abril, pelas 19h00. O vencedor será revelado por aqui – dia 6 -, como tal, peço a todos os participantes que fiquem atentos e que coloquem corretamente o seu email no momento do comentário, já que posteriormente o vencedor terá de fornecer os seus dados para que o envio do prémio aconteça.

Bons comentários e já agora… Boas leituras!

Autor: Edson AthaydeColecção: CompendiumPáginas: 252Data de publicação: Fevereiro de 2014Género: EnsaioISBN: 978-989-51-0889-3

Um descontraído manual de como se faz e se vive a publicidade, escrito por um criativo que escolheu Portugal e foi reconhecido pelo mundo.“Em Portugal, a publicidade divide-se em antes do Edson e depois do Edson. Existe o Edson e os outros. Sejam eles quem forem”.Luís Silva Dias – Chief Creative Oficcer da DraftFCB Europe“O Edson é um dos grandes profissionais da profissão publicitária. Voltou o caminho de Cabral, levando algumas sementes criativas que muito influenciaram a flora publicitária em Portugal”.Marcello Serpa – Sócio e Director Geral Criativo da AlmapBBDO (Brasil)"Sou admirador do trabalho do Edson. Aliás, o nome que mãe colocou nele foi uma premonição. Edson é nome de inventor".Nizan Guanaes – Presidente da agência África (Brasil)“Edson es, sin ninguna duda, uno de los talentos más rigorosos que conosco”.Rafa Esteves – Presidente Young & Rubicam (Espanha)“Convivi profissionalmente com os mais renomados profissionais da publicidade brasileira. O Edson, sem dúvida, está entre eles”.Roberto Medina – Criador e Produtor do Rock’n Rio"Saben lo que cuesta que un publicitário español mire a Portugal para aprender algo? Edson lo consiguió".Toni Segarra – Sócio e Director Geral Criativo da S,C,P,F (Espanha)PREFÁCIO DE WASHINGTON OLIVETTO
22
Fev14

As promoções dos supermercados


O Informador

Ir a um supermercado e perceber que as famosas promoções, que tanto são apregoadas, não estão correctas não é perceptível a qualquer um, estando só os que estão habituados a mexerem com preços a par do que é feito quando um desconto é oferecido dentro de um período de tempo.

O consumidor comum caí na maioria das vezes no engano das % de desconto direto ou em cartão que é promovido junto do preço ou em folheto, no entanto esse dito desconto não passa na maioria das vezes de um engano, mas o que é certo é que grande parte dos clientes caí no erro, a empresa fica a ganhar e o stock acumulado desaparece num ápice. Um produto que pode custar em média 5€, no dia em que entra em promoção é anunciado como tendo o preço base de 7€, sendo que depois ao ter 50% de desconto passará para 3,5€ e não para os 2,5€ como seria previsto. A promoção acontece na realidade e o preço baixa alguns cêntimos, no entanto o cliente não lucra o que pensa que está a poupar porque ao adquirir estes produtos é bem enganado e muitas vezes de forma descarada.

Lembro-me de ver um artigo que horas antes tinha visto a menos de 2€ a ser vendido depois a mais de 5€ porque tinha desconto em cartão de 50%. Sim, o seu preço foi inflacionado acima do dobro para que ninguém ficasse a perder e o que é certo é que a prateleira já estava a ficar vazia, isto porque as palavras promoções, descontos e ofertas têm um poder único sobre o consumidor.

Que campanhas tão enganosas que os supermercados praticam!

23
Dez13

Passatempo - Grande Revista à Portuguesa [2ªEdição]


O Informador

MUPI NATALO Informador não quer deixar de presentear os seus leitores no Natal, como tal juntou-se mais uma vez às Produções Filipe La Féria para poder atribuir cinco bilhetes duplos para uma sessão bem especial no dia 25 de Dezembro, quarta-feira, pelas 17h00, do espetáculo Grande Revista à Portuguesa.

Com o elenco composto por Marina MotaJoão BaiãoMaria VieiraVanessa SilvaRicardo CastroRui AndradePatrícia ResendeBruna AndradeFilipe Albuquerque e Adriana Faria, esta é a mais recente produção do produtor Filipe La Féria que celebra assim o centenário do Teatro Politeama, vinte anos depois do sucesso que foi Passa Por Mim No Rossio.

Quem quiser ser um dos vencedores de um dos cinco bilhetes duplos que tenho para oferecer só tem que copiar a frase que se segue e colocá-la como comentário a este mesmo texto, colocando o seu email correctamente para que posteriormente possa ser contactado, já que precisarei de outros dados dos vencedores logo de seguida.

«O Informador leva-me ao Teatro Politeama para ver o espetáculo Grande Revista à Portuguesa no dia de Natal!»

Os primeiros cinco comentadores do texto serão os vencedores deste passatempo e serão contactados posteriormente. A lista final de vencedores será publicada horas depois do apuramento dos mesmos através de um novo texto que publicarei.

Passe o Natal no Teatro Politeama em boa companhia porque a Grande Revista à Portuguesa é um espetáculo para ser visto em família e um óptimo presente para a época festiva que atravessamos!

Apresentação de Grande Revista à Portuguesa…

No ano do centenário do Teatro Politeama, vinte anos depois de “Passa Por Mim No Rossio”, La Féria volta à Revista numa homenagem ao Teatro mais popular e da preferência dos portugueses. Com texto, música, encenação e cenografia de Filipe La Féria, figurinos de José Costa Reis, direcção musical do Maestro Mário Rui, coreografia de Marco Mercier e direcção vocal de Tiago Isidro a “Grande Revista à Portuguesa” reúne um elenco de primeiras figuras muito queridas do público. Marina Mota, a Rainha da revista à portuguesa, regressa ao teatro em números que ficarão históricos pela sua graça e talento ao lado de João Baião que irá mostrar a sua versatilidade numa exibição das suas multifacetadas qualidades de actor, cantor e bailarino. Outro regresso ao Teatro é o de Maria Vieira, após uma ausência no Brasil de três anos e que reaparece no auge do seu talento de cómica. Vanessa, a grande revelação do último Rock in Rio e a vencedora de “A Tua Cara Não Me É Estranha” tem a oportunidade de interpretar os momentos mais emocionantes da Revista. Ricardo Castro revela-se um cómico de primeira com caricaturas dos mais conhecidos políticos portugueses. Rui Andrade, Patrícia Resende, Bruna Andrade, Filipe Albuquerque, Adriana Faria encabeçam um grande elenco de bailarinos, músicos, acrobatas e modelos desta mega produção de La Féria.

23
Jul13

Roubo da Oferta da Maxim


O Informador

Comprei a Maxim, aquela que tem a Marisa Cruz como estrela de capa, e já tinha visto na página de Facebook da revista que esta trazia um oferta consigo. Quando a retirei da prateleira do posto Galp e a levei até ao balcão para fazer o pagamento não me lembrei da informação que tinha adquirido. Cheguei a casa e lembrei-me... Então onde anda a minha oferta da Maxim? Pois, não anda!

Já não é a primeira vez que reparo que nos postos de abastecimento costumam retirar as ofertas das revistas e depois quando nos dirigimos ao balcão e fazemos o pagamento, se não pedirmos fazem-se de esquecidos e não nos dão nada.

É certo que na capa da publicação e no seu interior não falam, neste caso, da bebida que oferecem este mês com a revista, mas em todos os lados que tenho visto a mesma edição à venda, lá está a nova bebida que acaba de chegar ao mercado e eu nem tive direito a fazer a sua prova.

Acho que é uma falta de respeito que retirem os presentes que as direcções mandam colocar com os seus trabalhos e depois ficam com essas ofertas para os seus funcionários ou enviam-os para trás sem os darem aos clientes como é pretendido.

Sinto-me roubado, não pela Maxim, mas sim pela Galp, que além dos preços do combustível ainda nos fica com as ofertas das revistas!

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Segue-me...

Facebook ___________________________________________________________ Instagram ___________________________________________________________ Twitter ___________________________________________________________ Pinterest Visita o perfil de O Informador no Pinterest. ___________________________________________________________ Goodreads
Envelhenescer
Três Homens Num Barco
Confissões de Inverno
O Templário Negro
Larga quem não te agarra
As Desaparecidas
Sentir
A Livraria
A Magia do Acaso
Hotel Vendôme
A Química
Não Gosto de Segundas Feiras
___________________________________________________________ BlogsPortugal
___________________________________________________________ Bloglovin Follow _____________________________________________________

 Subscreve O Informador

Mensagens

Comentários Recentes

Atual Leitura

_________________________________________________________

Parceiros Literários

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Espaço Cultural

_______________________________________________