Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

13
Abr16

O salto da Primark


O Informador

primark.jpg

Chegou de mansinho e logo na primeira abertura causou impacto junto dos consumidores. Os anos passaram e a Primark tem invadido o país e já conta com nove lojas abertas e uma a ser preparada para ser inaugurada brevemente. Sabe-se agora que a Primark ultrapassou o número de vendas da Zara em Portugal, destronando assim a marca de roupa espanhola.

Segundo Breege O'Donoghue, do concelho de administração da Primark, em declarações ao jornal Público, «No ano passado vendemos 405 milhões de pares de meias e mais de 260 milhões de t-shirts». Breege vai mais longe e revela que «Não gastamos dinheiro em patrocínios, fazemos publicidade apenas quando temos abertura de lojas, temos um sistema eficiente de apoio às lojas, [relações de] longevidade com os nossos 700 fornecedores, pagamos a tempo, compramos em volume e com o maior tempo de antecedência possível para dar tempo aos fornecedores de planearem a produção. Compramos o tecido o mais perto possível da fábrica e temos uma margem mais pequena do que a nossa concorrência. Temos auditorias, em 2015 fizemos 2412 auditorias nas fábricas. Verificamos se os salários são pagos, se as horas de trabalho são contabilizadas, se estão a ser cumpridas todas as condições de segurança laboral e se os trabalhadores têm a idade legal.»

Ou seja, a Primark tem os preços mais baixos dentro do género de lojas espalhadas pelas grandes superfícies comerciais, vende milhões de peças por ano, causa mossa na concorrência e veste os portugueses com artigos iguais e semelhantes a tantos outros apelidados por terem boa qualidade.

07
Set15

Uma verdade dos sexos


O Informador

Existe a ideia social que uma mulher fica derretida quando vê um homem a passear o seu filho sozinho! Não podemos ir mais longe porque até nas compras constatei tal facto a acontecer!

Aproveitei o dia de folga e fui até uma loja de roupa comprar o que me restava da prenda da afilhada que completa os seus sete anos amanhã. Entrei, primeiro fui à secção de homem e embora tenham oferecido ajuda tudo foi normal. Quando depois me mudei para a área de criança e perguntei se numa das determinadas peças não existia o número que queria, eis que logo o tratamento foi alterado, existindo ali motivo de conversa com não uma mas duas das empregadas a mostrarem-se tão atenciosas com a selecção das peças que estava a escolher.

Notou-se claramente que a ideia que todos temos de que o sexo feminino fica contagiado quando vê alguém do sexo masculino a cuidar de crianças as suas hormonas alteram-se aconteceu naquele momento. Não estava a cuidar de criança alguma, no entanto estava a comprar roupas de criança para oferecer e aquelas duas moças ficaram por ali a rondar para perceberem o que ia levar e se precisava de mais ajuda!

16
Dez14

Lacoste dos ricos


O Informador

A Lacoste chegou há Avenida da Liberdade e isso é uma mais valia da marca que chega agora a uma das artérias mais caras do nosso país. Com isto o que acabou por acontecer foi que a marca faz assumidamente a distinção entre o seu público remediado com o dos ricos.

Quem o afirmou foi o representante da marca no nosso país, Afonso Marques dos Santos, ao ter proferido o que passo a citar. «Esta é a primeira loja em Portugal com o novo conceito Premium que representa o posicionamento mais elevado da marca, reforçando a componente lifestyle da nossa coleção para o segmento de luxo».

O que se passa então aqui? Existe uma Lacoste que já não é acessível a todos e depois existe a de topo, aquela onde só alguns conseguem chegar no número 38H da mais cara avenida da nossa capital.

Distinções que nem sempre ficam bem a quem as pratica!

06
Ago14

Encomenda MiniInTheBox chegou!


O Informador

Capas IPhone4SHá três semanas encomendei três capas para o iPhone4S através da página MiniInTheBox, tendo ficado na expetativa depois de fazer o pagamento das mesmas se estas chegariam até mim ou não! Ao final de quase vinte dias úteis, eis que as compras apareceram e a loja online ficou aprovada para novas compras que já me andam a piscar o olho!

A cerveja, a máquina fotográfica e a bolacha são agora as capas do meu telemóvel, estando aqui por casa para quando quiser trocar o seu visual. Gostei das aquisições, tendo chegado o trio de artigos em bom estado, dentro de uma pequena caixa e prontos a serem usados.

Percebe-se, para quem visita o site de compras, que a maioria das capas e acessórios de telemóveis vendidos pelas lojas ambulantes que andam pelo meio dos centros comerciais do país são adquiridos através deste sistema, sendo vendidos depois a mais do dobro ou triplo do preço. Não há que ter medo deste portal que me deixou na expetativa durante vários dias mas que me surpreendeu com a chegada da encomenda, por isso qual a razão de pagar mais caro um artigo quando se pode ter o mesmo por um preço bem baixo?!

Fiquei fã do portal MiniInTheBox e pelos próximos dias irei fazer nova encomenda porque não são só acessórios de telemóvel que por lá estão à venda...

21
Jul14

A nova Pull & Bear


O Informador

Pull & Bear As lojas Pull & Bear estão a mudar e pode-se mesmo dizer que é das melhores mudanças que já vi acontecerem pelas marcas do género nos últimos anos! Já havia reparado que a loja do Centro Comercial Vasco da Gama estava fechada há uns dias atrás e que iria ficar maior, mas ontem no Colombo percebi que a mudança que irá acontecer pelo espaço do outro lado da cidade de Lisboa já tinha acontecido por ali e fiquei positivamente surpreendido!

Além de estar num espaço bastante maior, com muito mais artigos e com um jogo de cores formidável, a loja está extremamente bem decorada, tendo sido criado um ambiente bem jovem, existindo uma grande aproximação para com o público alvo da Pull & Bear.

Assim que entrei pela nova loja logo fiquei com vontade de contar a novidade, porque a mudança é mesmo total e aliando a isso o facto da época de saldos já ter começado, ir até às novas lojas Pull & Bear só se pode revelar um momento positivo. Neste novo espaço do Colombo ainda fiz algumas compras com cheiro a Verão e fiquei com vontade de tirar mil e uma fotografias, mas os seguranças podiam não achar lá muita graça e deixei-me ficar por este trio assim meio à socapa.

Pull & BearPull & Bear
11
Jul14

MiniInTheBox


O Informador

Há umas semanas apareceu-me pelo perfil de Facebook um daqueles anúncios pagos onde várias marcas conhecidas colocam a sua publicidade só que dessa vez foi o portal MiniInTheBox que aparecia em destaque, o que acabou por chamar a minha atenção. Na altura visitei o portal, vi algumas das suas ofertas mas optei por não fazer nenhuma encomenda por não saber se o sítio era de confiança com os pagamentos e essas coisas do género. Agora optei por fazer uma encomenda e só no dia em que tiver os artigos em casa é que saberei se esta loja virtual é mesmo cumpridora das regras.

Fiz uma tripla encomenda de capas para o iPhone4S por o preço de uma ou nem isso! Nos últimos dias andei a ver em algumas lojas capas para o telemóvel e não encontrei nada que me agradasse e a um preço que gostasse, como tal optei por enfrentar o desconhecido e fiz esta encomenda pelo MiniInTheBox pelo preço de 5,93€, o que com o seguro de viagem no valor de 0,91, fez com que a minha compra ficasse pelo valor de 6,84€.

Havia vários estilos e cores de capas, tal como vários preços, mas optei por ficar por algo mais barato podendo assim testar o funcionamento do portal que só aceita pagamentos em PayPal ou por Cartão de Crédito.

A partir do momento em que recebi o email com a informação de que a encomenda já foi enviada terei que esperar de 10 a 20 dias até a receber por casa. Vamos lá ver como a minha primeira vez com a MiniInTheBox vai correr!

Depois mostro as compras, prometo!

20
Out13

Estreia na Primark do Colombo


O Informador

primarkÉ verdade que em tempos critiquei a loja Primark que visitei no Dolce Vita Tejo, falando da sua futura abertura no Centro Comercial Colombo por este espaço comercial não ser dos mais apaziguadores em termos de clientela. Agora e porque fui ao cinema, visitei o novo espaço Primark e além de ter tido sorte com o horário em que fui, porque apanhei menos pessoas do que as centenas que têm sido noticiadas e comentadas por frequentarem a loja, ainda encontrei algo que queria, consegui experimentar, pagar e sem qualquer tipo de problema!

Não existiu qualquer inconveniente na Primark do Colombo como outrora aconteceu no Dolce Vita. As pessoas andavam civilizadas, esperavam que saísse do local para onde queriam ir para poderem ver o mesmo artigo, vi bastantes empregados sempre com o cuidado de manter a desarrumação organizada, nada de roupas pelo chão, nada de empurrões e complicações e no final uma fila de pagamento que fluiu super rápido.

Nesta primeira ida à Primark do centro de Lisboa comprei uma camisola estampada com capuz por 12€ e um lenço no valor de 5€! Da forma como tudo se processou dentro da loja parece-me bem que em breve voltarei ao local porque até se encontram artigos engraçados e a um óptimo preço!

20
Set13

Atendimento de caracol


O Informador

Não tenho paciência para ir a uma loja e ter de esperar que um empregado lento como um caracol me atenda. Como é que me explicam ver pessoas bem lentas nas caixas de pagamento de grandes e conhecidas lojas dos centros comerciais? Com a falta de emprego que anda por aí e com tantas pessoas à procura de um lugar, conseguem arranjar empregados mais rápidos e competentes e sem procurarem muito.

É verdade que por vezes a pressa é inimiga da perfeição mas também não exageremos. Ir a uma loja bem frequentada e levar entre cinco e dez minutos com o pagamento de duas peças só porque a rapariga da caixa demora eternidades para mexer os braços é demais. Não consigo perceber como é que os responsáveis por aquela empregada a deixam estar naquela função, sujeitos a terem filas enormes e sem necessidade alguma.

Será que aquela moça quando vai a algum lado fazer compras não se sente incomodada se quem a está a atender demora horas para fazer o seu trabalho? Na volta estar numa fila de pagamento é algo que lhe dá prazer. Hum, que delícia!

03
Set13

Fábrica Portuguesa


O Informador

Fábrica PortuguesaConheci a Fábrica Portuguesa através do Facebook desta loja online de tshirts e logo fiquei curioso sobre o que esta recente empresa está a fazer no mercado nacional através da recriação do clássico e da história nacional nas roupagens dos nossos dias. 

FP2

Com um bom toque de nostalgia à mistura, encomendei esta tshirt e assim que a recebi o que pensei foi... Vou ter mais peças da Fábrica Portuguesa aqui por casa! É que fiquei mesmo rendido à compra, isto porque além de uma peça em 100% de algodão com uma óptima suavidade e fabricada em Portugal, toda a harmonia do tamanho S, o meu, que fica entre o comprimento e a largura, é fantástico porque não me fica curto, tendo até um comprimento que adorei e depois fica-me justa como gosto.

FP1

Uma nova marca nacional que nasceu em Janeiro deste ano e que surgiu através das questões de vários turistas sobre a razão do nosso país não ter um maior número de marcas de roupa nacional por os produtos portugueses serem de qualidade. Eu aconselho e a partir de agora mais peças com a marca Fábrica Portuguesa vão chegar até mim porque fiquei rendido a esta originalidade e à boa qualidade do produto que agora começa a fazer sucesso!

01
Jan13

As faturas de 2013


O Informador

E agora não nos podemos esquecer, vamos beber um café, temos que trazer a fatura, não precisamos de pedir, se os proprietários tiverem a cumprir as regras das finanças. E pronto, agora é que vou acumular ainda mais lixo na minha carteira!

A partir de agora tudo o que adquirimos tem que vir acompanhado do pequeno papel do comprovativo de compra. Acho bem que isto aconteça porque muitos dos pequenos negócios fugiam e bem aos impostos, mas por um lado, se nós nos esquecemos de pedir e as pessoas não nos entregam os talões, que culpa temos?

Estou para ver nestes primeiros tempos quantas vezes vou comprar coisas e não me vão dar a fatura comprovativa da minha compra. Estou para ver se ainda apanho um fiscal à porta de algum estabelecimento em busca de uma multa de início de ano. Estou para ver como vão controlar os negócios das feiras, dos mercados e os vendedores ambulantes. Estou para ver quanto tempo esta transição vai durar, porque isto não vai correr nada bem nestes primeiros meses.

Por mim, que no trabalho pouco muda com este sistema e que só me tenho que habituar enquanto consumidor, não deverá causar grandes problemas, a não ser o de acumular mais papéis na carteira porque me esqueço sempre que os posso deitar fora e não os tenho que guardar religiosamente.

2013 será um ano de mudanças de faturação e terei que andar a receber os papelinhos das novas máquinas registadoras, talvez tenha que arranjar um saco para acumular o lixo.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Segue-me...

Facebook ___________________________________________________________ Instagram ___________________________________________________________ Twitter ___________________________________________________________ Pinterest Visita o perfil de O Informador no Pinterest. ___________________________________________________________ Goodreads
Envelhenescer
Três Homens Num Barco
Confissões de Inverno
O Templário Negro
Larga quem não te agarra
As Desaparecidas
Sentir
A Livraria
A Magia do Acaso
Hotel Vendôme
A Química
Não Gosto de Segundas Feiras
___________________________________________________________ BlogsPortugal
___________________________________________________________ Bloglovin Follow _____________________________________________________

 Subscreve O Informador

Mensagens

Comentários Recentes

  • O Informador

    Deveríamos convidar os nossos queridos deputados a...

  • O Informador

    Um Primeiro-Ministro a fazer figura de parvo ao te...

  • Anónimo

    Com todo o respeito que tenho pelos animais, que é...

  • Maria

    Concordo em absoluto contigo!Fartei-me de refilar ...

  • O Informador

    Esperemos assim que os proprietários dos estabelec...

Atual Leitura

_________________________________________________________

Parceiros Literários

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Espaço Cultural