Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

Lixo acumulado

Dez anos após ter iniciado as andanças com o velho Opel Corsa tive de retirar tudo o que tinha no interior do carro para me desfazer dele pelos próximos dias. Nas limpezas percebe-se que ao longo deste tempo fui acumulando lixo e mais lixo completamente desnecessário na mala, no porta luvas e junto das portas. 

Conclusão da limpeza... Um saco cheio de pequenos objetos desnecessários e que partem assim para a lixeira mais próxima. Na verdade não percebo a razão de ter acumulado tantas coisas, várias até que nem me lembrava que por lá andavam. Quase uma dezena de canetas, blocos, lanterna, três mapas, panfletos, porta-chaves, faturas... Ou seja, tudo e mais alguma coisa!

Meias no lixo

No lugar de colocar as mini meias no cesto da roupa para lavar o que decidi fazer inconscientemente? Lixo com elas! 

Depois fui colocar a mão para as rebuscar e percebi que existiam restos de comida pelo interior do saco! Qual a razão de não ter ligado a luz ou aberto a portada da janela com a finalidade de entrar alguma claridade que me ajudasse a perceber onde raio estava mesmo a colocar os dedos?

Os novos acessórios do Tomé

Mala e Transportador de Saco do LixoAos poucos os acessórios do Tomé vão sendo adquiridos, uns através de compras e outros por saírem como oferta com a sua comida e passatempos, tal como foi o caso do saco de transporte e do transportador dos sacos do lixo, respectivamente!

Ao comprar o segundo saco de ração desde que o Tomé chegou a Portugal, ganhei também o saco de transporte às bolinhas da Science Plan, a marca de comida que me foi aconselhada pela veterinária. Tenho a sensação que este saco não irá dar para a sua fase adulta, isto por ter visto que alguns cães da mesma raça conseguem ficar um pouco maiores que o normal, no entanto enquanto for pequeno poderei passeá-lo dentro deste acessório portador de cachorros! Para ser sincero tenho que confessar que não me estou a ver a andar com esta mala pela rua com o Tomé a espreitar, mas também foi uma oferta e não a ia enviar para trás, não é verdade?

Além disso, também já tenho o transportador dos sacos do lixo para quando o cachorro puder ir fazer as suas necessidades à rua, a partir de finais de Setembro. Por agora tem sido habituado a fazer tudo por casa, no jornal, mas também queremos que se habitue a ir à rua ao longo do dia. Foi na exposição canina do Estoril, que decorreu no passado fim-de-semana, que fui até à tenda da Royal Canin, lancei-me à roda da sorte, respondi a uma questão e lá trouxe este pequeno mimo. 

Ter um cão não é só dar-lhe comer, arranjar-lhe uma cama, uns brinquedos e está feito! Ter um cão envolve todo um mundo de despesas com refeições, brinquedos, acessórios de viagem e acima de tudo muito tempo para lhe poder dar atenção, embora tenha um Tomé bem mole e danado para dormir, sem gostar de chatear e estando já com os seus hábitos de horários definidos. A atenção e paciência são pontos fundamentais para a educação de qualquer ser e este não é excepção!

Lixo de Lisboa

LixoDuas semanas são o tempo estimado para que as ruas da nossa capital se encham de lixo porque a greve dos cantoneiros continua e o caos dos contentores lutados, sacos e caixas cheias de entulho do dia-a-dia continua através da acumulação pelas calçadas e bermas das estradas. Isto sim é uma vergonha para o país que em plena época festiva tem Lisboa com lixo espalhado por todo o lado!

Com os restos de comida pelas ruas, papéis dos embrulhos de Natal e com o mau tempo a fazer-se sentir com ventos e chuvadas, o que esperar até ao final da primeira semana do ano quando a situação já está vergonhosa? A Câmara pede para que os residentes da capital deixem o lixo reciclado no interior das suas residências para só em 2014 os deitarem nos devidos lugares, mas será que se esquecem que nem todas as pessoas vivem em grandes mansões com espaço para deixarem o que não querem no seu interior? E o resto, aquele lixo indesejado que começa a ganhar cheiro e que já anda espalhado como esta bela imagem mostra? Será que é possível que isto dure e que só lá para dia 10 esteja resolvido?

Um problema de higiene pública está instalado neste momento no maior centro populacional do país e ainda estamos no início dos dias de paralisação. Quero ver quando os animais de rua começarem a residir e a remexer ainda mais estes restos dos humanos! Que bela imagem que Lisboa está a passar em plena época festiva e com os turistas a andarem pelas suas avenidas a transformarem-se em pequenas lixeiras ao ar livre!

Videojogos: Lixo ou Venda

Tenho, talvez, mais de cem videojogos de PC dentro de um dos móveis do meu quarto. Muitos saíram-me em oferta com as revistas da especialidade e poucos foram comprados a solo e por os querer mesmo. Não são atuais, nada disso, e não me são úteis, sendo que muitos nem saíram da caixa. Hoje também não os tenciono usar porque não sou lá grande adepto de jogos de computador. O que fazer então com aqueles empecilhos? Tenho talvez duas soluções para me livrar de todos de uma ou várias vezes!

Uma das soluções é abrir o móvel, pegar em vários sacos do lixo e deixá-los num ecoponto destinado ao plástico, terminando aí as suas vidas, a não ser que sejam aproveitados por alguém que faça a separação do conteúdo dos ecopontos. A segunda opção é colocá-los à venda num site da especialidade por um preço baixíssimo e só para poder ganhar uns euros com a sua partida!

O que fazer? Deitar fora ou tentar vender? É que já têm todos mais de cinco anos e não me servem rigorosamente para nada, só estando mesmo a ocupar espaço! Alguém interessado?

Lixo na carteira

Papéis ou LixoÉ incrível o que faço com a minha carteira! Existem dias em que parece que os papéis, a que chamo de lixo, aparecem no interior da carteira por sua livre e espontânea vontade! Como posso ter acumulado tanta coisa desde o início do mês sem necessidade alguma?

Cada vez que vou ao multibanco, seja levantar dinheiro, carregar o telemóvel ou fazer pagamentos, não consigo deitar o talão para o pequeno recipiente que geralmente se encontra ao lado da caixa para depositar os papéis que não queremos. Faço o que tenho a fazer, recebo o talão e guardo-o na carteira por algum motivo que não compreendo, só o podendo explicar através da palavra «hábito»! Além disto, ainda me deixo seduzir pelos talões das lojas que vão fazendo companhia aos do multibanco!

Acabo por estragar as carteiras com o lixo desnecessário que vou acumulando durante dias e dias e depois aparece-me este monte na hora da limpeza!

Escadas, arrecadação ou lixo?!

Felizmente que vivo num apartamento num prédio só com rés-do-chão e primeiro andar e somente com quatro habitações! Não que não conseguisse e talvez preferisse viver num local mais movimentado e com um maior número de vizinhos. Só que as chatices nesses lugares também acontecem com uma maior regularidade e uma das coisas que não entendo e que acontece cada vez mais pelos prédios com vários moradores é o de colocarem nos arredores da porta ou nas escadas, que são pouco usadas devido ao elevador, os seus lixos e bens da casa que já não lhes fazem falta! As escadas são uma arrecadação ou um caixote do lixo para essas pessoas? Um nojo é o que me parece, porque para mim nem uma coisa nem outra!

Não percebo e não consigo encaixar o que leva os moradores de um apartamento, que já não precisam de um móvel no seu interior, a deixá-lo durante semanas ou mesmo meses nas suas escadas, perto da porta, como se aquele espaço fosse uma arrecadação privada que ninguém frequenta. Além de móveis, e por vezes até sapatos durante dias e dias à mercê de qualquer um, ainda existe quem deixe o seu lixo por ali, seguramente com a esperança que o contentor da sua rua entre no prédio, suba as escadas e leve a sua comida.

Será que esses preguiçosos e um pouco porcos não conseguem perceber que as escadas são de todos porque ninguém é obrigado a andar de elevador e fica mal os seus vizinhos terem de passar por móveis que outrora já foram belos, calçado com mau cheiro e lixo mais que azedo, até conseguirem chegar à sua porta que gostam de manter limpa e cheirosa?!

A falta de bom senso é cada vez mais comum nos dias que correm!

Lixo de Lisboa

A nossa capital nos últimos tempos tem andado para trás no que toca ao lixo que é colocado pelos moradores às suas portas. Tenho notado cada vez mais que o cuidado que existia na recolha do lixo em Lisboa já não é mais o mesmo e as coisas acumulam-se durante mais tempo pelas ruas, o que dá um mau aspecto tremendo.

Além de ser em Lisboa o único local em que vejo o lixo ser deixado em sacos e caixas pelo chão ao longo das ruas, ainda tenho que lamentar a falta de cuidado que tem existido na sua recolha. O que me tem dado a parecer é que os carros do lixo já não passam com tanta assiduidade como antes nos locais e as coisas acumulam-se por mais horas, o que é lamentável acontecer nos dias que correm e numa cidade que se quer limpa.

Além disso, quero comentar o facto de os senhores do lixo passarem em certas ruas na hora em que se pode dizer que é a de ponta. Passo a explicar... Pela zona do Bairro Alto não seria mais fácil o lixo ser retirado antes das 20h00 ou depois das 04h00? É que por volta das 00h00 aquela zona está mais movimentada que nos outros horários e as carrinhas andam por ali de um lado para o outro no meio de quem se quer divertir, estar a beber uns copos e na conversa e tem que se andar a desviar de um lado para o outro para os senhores do lixo passarem e não levarem ninguém à sua frente!

Lisboa fica tão feia com aqueles sacos cheios do que já não presta, sacos esses que depois se rompem e espalham o seu mau conteúdo que fica à vista de todos e pronto para ser levado pelos animais de rua que andam por aí!

A Câmara Municipal de Lisboa tem que ter isto em atenção porque as eleições estão ai a chegar e há que ter argumentos fortes junto da população que vai votar. E não me parece que com lixo acumulado se chegue a um bom porto!

Mais sobre mim

foto do autor

Pesquisar

 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Segue-me...

Facebook ___________________________________________________________ Instagram ___________________________________________________________ Twitter ___________________________________________________________ Pinterest Visita o perfil de O Informador no Pinterest. ___________________________________________________________ Goodreads
Envelhenescer
Três Homens Num Barco
Confissões de Inverno
O Templário Negro
Larga quem não te agarra
As Desaparecidas
Sentir
A Livraria
A Magia do Acaso
Hotel Vendôme
A Química
Não Gosto de Segundas Feiras
___________________________________________________________ BlogsPortugal
___________________________________________________________ Bloglovin Follow _____________________________________________________

 Subscreve O Informador

Mensagens

Comentários recentes

  • O Informador

    Há que procurar e numa fase inicial perceber o que...

  • Mula

    Olha que bom! Fico muito feliz!Eu também estive tr...

  • O Informador

    Este cansaço enquanto blogger porque funciono bem ...

  • Vanessa

    É mesmo isso. Dias não são dias e há alguns em que...

  • O Informador

    Obrigado! Espero que me consiga habituar bem à nov...

Atual Leitura

_________________________________________________________

Parceiros Literários

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Espaço Cultural

_______________________________________________