Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

Mais Respeito Que Sou Tua Mãe

mais respeito que sou tua mãe.png

Uns anos após a primeira temporada de sucesso de Mais Respeito que Sou Tua Mãe, Joaquim Monchique voltou a juntar o elenco onde aliou novos rostos para recuperar este espetáculo na altura em que completa 30 anos de carreira. Do Casino Estoril, onde mais de trinta e cinco mil espetadores assistiram, para o Auditório dos Oceanos do Casino Lisboa, Mais Respeito que Sou Tua Mãe voltou para reconquistar o público que continua a esgotar a sala sessão após sessão.

Numa renovada e reformulada versão, esta comédia familiar convida o espetador a divertir-se ao longo de duas horas com as peripécias de uma pobre família da Baixa da Banheira onde cada elemento tem as suas particularidades tão bem definidas que é impossível não gostar. Do avô que planta droga no quintal para consumir e vender aos netos adolescentes com ideias surreais sem esquecer o menino bonito da família e o pai benfiquista e conservador, encontramos-nos perante uma família onde a mãe Esmeralda é o centro da ação, onde tudo lhe cai em cima, dos problemas às notícias em primeira mão, sendo ao mesmo tempo a confidente e a fonte para resolver tudo o que acontece no seio familiar. 

Joaquim Monchique desempenha o papel de Esmeralda Bartolomeu e é assim o centro de toda esta divertida comédia que levou vários ajustes da versão de 2010 para esta renovada apresentação. Leve, descomplexada e critica, Mais Respeito Que Sou Tua Mãe é daqueles trabalhos que por muito que se veja, e eu vi a primeira temporada, não se deixa de querer voltar porque sempre dá para soltar umas boas gargalhadas graças a um texto bem preparado e a um elenco bem composto que consegue transformar uma conversa com piadas num momento bastante irreverente e que transmite ao público emoção. 

Antes da estreia assisti a uma entrevista de Monchique onde percebi que o ator e encenador viu o original na Argentina e não descansou enquanto não o conseguiu comprar no momento para o trazer até Portugal, tendo sido convidado a sair do teatro por estar a invadir áreas privadas. Mas o que é certo é que a adaptação foi conseguida naquele próprio dia e vários anos após a estreia nacional estamos de novo com a possibilidade de ver ou rever esta comédia que pode receber um público mais cabisbaixo mas tem o dom de colocar os ânimos para cima para que todos deixem a sala de espetáculos de sorriso no rosto. 

Vencedores de A Bela e o Monstro

Em cena no Teatro da Trindade, o musical A Bela e o Monstro tem esgotado as sessões na sala lisboeta. Como vi pelo ano passado esta fantástica produção e fiquei com uma verdadeira paixão pelo trabalho, este ano em colaboração com a Yellow Star Company lançamos um passatempo com a finalidade de atribuir cinco convites duplos para o espetáculo. Com o terminar do prazo de participação no passatempo, eis chegado o momento de revelar a lista dos vencedores seleccionados através do sistema random.org para a sessão de amanhã, 05 de Dezembro, pelas 11h00.

  • Isabel Costa
  • Maria Batista
  • Celeste Bernardo
  • Ana Filipa Pacheco
  • Carlos José Ribeiro

Obrigado a todos os participantes e bom espetáculo aos vencedores! Já agora e antes que me esqueça, depois se tiverem um tempinho passem por aqui para contarem o que acharam de A Bela e o Monstro!

Bilhetes para A Bela e o Monstro

A época natalícia está ai e a magia do momento faz-se sentir! Para acompanhar estas semanas que antecedem o Natal a Yellow Star Company volta a apostar, e muito bem, numa nova temporada do espetáculo musical A Bela e o Monstro que regressa assim ao palco do Teatro da Trindade para de 20 de Novembro a 27 de Dezembro voltar a esgotar sessão após sessão a sala que pelo ano passado recebeu o público que vibrou com esta história que agrada a miúdos e graúdos. 

Em 2014 vi, adorei, recomendei e hoje volto a fazê-lo, reforçando ainda a ideia com um passatempo onde cinco convites duplos estão em sorteio. Sendo assim, quem quiser assistir a este maravilhoso conto com a ajuda d' O Informador tem aqui a sua oportunidade. Para se habilitarem a um dos convites para a sessão de 5 de Dezembro, pelas 11h00, de A Bela e o Monstro só têm de continuar a ler o que se segue e perceber como participar neste passatempo é fácil.

 a bela e o monstro.jpg

A Bela e o Monstro

A Bela e o MonstroAdorei! Adorei! Adorei!

No passado fim-de-semana acordei mais cedo que o normal e fui até Lisboa. Destino Teatro da Trindade, onde às 11h00 estava sentado a assistir ao musical infantil A Bela e o Monstro. O que posso dizer que não sejam boas palavras sobre este espetáculo da Yellow Star Company? Completamente nada porque tudo em palco transportou-me para a história de amor que li, vi e revi vezes sem conta sobre a Bela e o seu Príncipe de forma perfeita!

Com Marta Andrino a encabeçar o elenco composto por Ruben Madureira, Joel Branco, Carla Salgueiro, Sissi Martins, Carlos Martins, David Fernandes, Pedro Jorge Ribeiro, Júlio Mesquita, José Henrique Neto, Soraia Tavares e João Hydalgo, este musical mágico consegue levar miúdos e graúdos à emoção, tendo que confessar que em várias partes verti uma ou outra lágrima talvez de recordação e nostalgia sobre tão belas histórias do imaginário de todos nós.

A produtora de Paulo Sousa Costa fez um excelente trabalho com esta adaptação de A Bela e o Monstro e isso é tão notório quando ao longo de hora e meia o público aplaude sucessivas vezes as performances dos atores em palco e no final tudo fica de pé a agradecer o desempenho de quem deu corpo às personagens e a toda a equipa. Com um texto bem elaborado, cenários e imagem cuidados e um elenco perspicaz, este musical não é simplesmente mais um destinado a levar pais e familiares a convidarem os mais pequenos a encherem a sala do Teatro da Trindade. Em A Bela e o Monstro todos saem de sorriso rasgado do espaço lisboeta porque a sensação de satisfação existe e o sucesso está à vista.

Com sessões esgotadas desde que estreou e com vários especiais encaixados para que um maior número de pessoas pudesse assistir a este espetáculo só posso dizer que vale mesmo a pena passar um tempinho a ver esta história de amor tocante e que já foi adaptada e encenada inúmeras vezes por todo o mundo.

O que é bom vale a pena e merece ter o público do seu lado! Aqui está um caso que merecerá aplausos ao longo de muito tempo!

A Bela e o Monstro no Teatro da Trindade

A Bela e o MonstroA Yellow Star Company está de regresso ao Teatro da Trindade com um grande musical, A Bela e o Monstro. Em cena a partir de 14 de Novembro e até 28 de Dezembro, a produtora reuniu vários nomes conhecidos da representação num casting que reuniu mais de 300 candidaturas e 250 audições.

Com sessões pelas 11h e 14h de Terça a Sexta-feira, aos Sábados pelas 16h e aos Domingos pelas 15h, A Bela deste espetáculo será interpretada por Marta Andrino, que encabeça assim um elenco composto por Ruben Madureira, Joel Branco, Carla Salgueiro, Sissi Martins, Carlos Martins, David Fernandes, Pedro Jorge Ribeiro, Júlio Mesquita, José Henrique Neto, Soraia Tavares e João Hydalgo. Neste Natal pequenos e graúdos terão esta apaixonante história de amor para poder ser apreciada pelo teatro lisboeta, numa encenação de Paulo Sousa Costa e João Didelet.

A Bela e o Monstro é um tradicional conto de fadas francês que foi adaptado, filmado e encenado inúmeras vezes, inscrevendo-se como uma das mais tocantes histórias de amor. Com uma produção de excelência, como tem vindo a ser hábito pelos últimos tempos através da produtora Yellow Star Company, esta é uma adaptação de Paulo Sousa Costa do texto de Jeanne-Marie LePrince de Beaumont editado em 1756.

A partir de 15 de Novembro no Teatro da Trindade, com bilhetes a partir dos 8€, não deixes de entrar no mundo encantado de A Bela e o Monstro, num espetáculo único que não vou querer perder.

Mais sobre mim

foto do autor

Pesquisar

 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Segue-me...

Facebook ___________________________________________________________ Instagram ___________________________________________________________ Twitter ___________________________________________________________ Pinterest Visita o perfil de O Informador no Pinterest. ___________________________________________________________ Goodreads
Envelhenescer
Três Homens Num Barco
Confissões de Inverno
O Templário Negro
Larga quem não te agarra
As Desaparecidas
Sentir
A Livraria
A Magia do Acaso
Hotel Vendôme
A Química
Não Gosto de Segundas Feiras
___________________________________________________________ BlogsPortugal
___________________________________________________________ Bloglovin Follow _____________________________________________________

 Subscreve O Informador

Mensagens

Comentários recentes

  • O Informador

    Há que procurar e numa fase inicial perceber o que...

  • Mula

    Olha que bom! Fico muito feliz!Eu também estive tr...

  • O Informador

    Este cansaço enquanto blogger porque funciono bem ...

  • Vanessa

    É mesmo isso. Dias não são dias e há alguns em que...

  • O Informador

    Obrigado! Espero que me consiga habituar bem à nov...

Atual Leitura

_________________________________________________________

Parceiros Literários

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Espaço Cultural

_______________________________________________