Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

Pega monstros

pega monstros.jpg

Quem, na sua próxima ou distante infância, não teve vários pega monstros? Tive vários ao longo dos anos e pouco tempo duravam sem terem um destino obrigatório. Pois é, o caixote do lixo transformava-se rapidamente no lar predileto deste gelatinoso entretenimento quando se começavam a encher de partículas que ficavam coladas e transformavam os pega monstros num autêntico pega lixo, pó e tudo o que apanhassem quando eram atirados num autêntico vai e vem. 

Em miúdo achava graça a este nojento brinquedo do estica e encolhe mas na verdade não lhe vejo hoje em dia grande atracão para ter assim tanta piada em andar a atirar aquela nojenta mão a quem passava como forma de assustar ou simplesmente irritar.

Não consigo fazer doces

Parece-me que é caso para desistir! Falo da minha parte de doceiro que tem corrido sempre mal, aquando das várias tentativas que fiz. Só existe mesmo uma coisa que faço e que fica em condições... Gelatina!

Semi-frio, mousse, baba de camelo... Não sei o que se passa entre mim e as receitas que aparecem nas embalagens, mas o que é certo é que passadas algumas horas do doce ser feito e de estar no frigorífico, para que se torne no produto final, nada acontece e o que já deveria estar sólido mantém-se líquido. Respeito as quantidades e acho que sigo as instruções tal e qual como são aconselhadas pela Preparação, mas o produto final não aparece como desejado! Onde anda o mal? Só pode estar em mim, porque se com os outros tudo sai bem...

Com algumas tentativas e com a percepção que as mesmas correm sempre mal, parece-me que não vou dar novas chances à minha parte doceira!

Um pormenor... Vou continuar a saborear os bons doces que os outros fazem!

Fiz gelatina pela primeira vez

GelatinaFiz gelatina pela primeira vez. Isto talvez não devesse ser contado por ter 26 anos, mas é a verdade e não há que esconder.

Ananás foi o sabor escolhido para me aventurar neste tão fácil doce que gosto de comer e que nunca tinha feito com as minhas próprias mãos. Agora lá perdi uns minutos e tive o prazer de fazer esta bela gelatina.

Fiz e já o comi. Tendo dado para três refeições, esta minha primeira gelatina de ananás só foi comida por mim e parece-me que passei no teste. Segui as indicações da quantidade de água quente e fria, juntei o pó mágico e está feito. Horas depois já me estava a servir do meu auto presente.

Enfim, agora parece-me que vai aí mousse de café, será?

Mais sobre mim

foto do autor

Pesquisar

 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Segue-me...

Facebook ___________________________________________________________ Instagram ___________________________________________________________ Twitter ___________________________________________________________ Pinterest Visita o perfil de O Informador no Pinterest. ___________________________________________________________ Goodreads
Envelhenescer
Três Homens Num Barco
Confissões de Inverno
O Templário Negro
Larga quem não te agarra
As Desaparecidas
Sentir
A Livraria
A Magia do Acaso
Hotel Vendôme
A Química
Não Gosto de Segundas Feiras
___________________________________________________________ BlogsPortugal
___________________________________________________________ Bloglovin Follow _____________________________________________________

 Subscreve O Informador

Mensagens

Comentários recentes

  • Juca

    Para mim essa é a ideia mais errada... Jesus Crist...

  • Juca

    A base da fé da religião católica é acreditar nos ...

  • Juca

    Tenho a dizer que se na igreja que frequenta não e...

  • Cláudia - Mulher XL

    Tanta coisa que a Igreja podia fazer com toda a fo...

  • Cláudia - Mulher XL

    Ora aí está uma grande questão! É o eterno síndrom...

Posts mais comentados

Atual Leitura

_________________________________________________________

Parceiros Literários

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Espaço Cultural

_______________________________________________