Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

11
Set16

Dioguinho a desiludir!


O Informador

Dioguinho, o famoso site que todos nós conhecemos e a que recorremos para saber dos últimos escândalos sobre os concorrentes dos reality shows e não só tem vindo a desiludir pelos últimos dias!

Nos anos anteriores os dias que antecederam a estreia de reality shows eram recheados de notícias sobre os novos e possíveis, alguns certeiros, novos concorrentes, com polémicas a serem desvendadas antes mesmo dos novos pseudo famosos serem conhecidos. Desta vez e em plena semana de estreia da sexta edição do Secret Story nada é contado em primeira mão. Isto admite-se? Nada mesmo!

Anda uma pessoa a tentar saber o que irá acontecer e que concorrentes já conhecidos dos anteriores irão entrar e nada é revelado pelo site mais polémico que surgiu na altura da segunda edição da Casa dos Segredos, graças a Fanny que ficou rapidamente sem o seu Dioguinho através de um amor platónico criado ao longo da presença no programa.

04
Set16

A estreia de A Impostora


O Informador

aimpostora (1).jpg

A TVI estreou nova novela, A Impostora, e se no início do primeiro episódio as coisas poderiam parecer paradas e com uma história onde o arranque estava demorado, ao longo de quase duas horas tudo se adensou e esta nova produção da autoria de António Barreira acabou por ter uma das melhores estreias de sempre de uma novela do canal.

Um texto exemplar, imagem a um nível sem igual até ao momento numa novela portuguesa, interpretações de aplaudir de pé com um elenco de grandes estrelas onde se tem de destacar, sem dúvida alguma, Dalila Carmo que com duas personagens gémeas conseguiu diferenciar tão bem Verónica de Vitória, as duas guerreiras do início desta trama com tanto passado para ser contado e desfiado ao longo dos trezentos episódios já totalmente gravados. 

Uma novela que parte de Portugal para Santiago do Chile, Moçambique e Maputo, numa produção do Mundo e com uma história que tem muito para contar e onde nem foi preciso uma grande movimentação de personagens logo na estreia para que a trama conseguisse cativar!

13
Ago16

As Árvores Morrem de Pé


O Informador

IMG_6720.JPG

Filipe La Féria, Eunice Muñoz e Ruy de Carvalho sonharam levar a palco uma versão do espetáculo de Alejandro Casanova e o dia 11 de Agosto de 2016 simbolizou o arranque junto do público de um desejo de dois grandes atores e um encenador de excelência no panorama nacional. As Árvores Morrem de Pé é o novo espetáculo de Filipe La Féria para o Teatro Politeama e a estreia não poderia ter corrido melhor!

Com Manuela Maria, que divide a sua personagem com Eunice Muñoz, e Ruy de Carvalho nos comandos de um elenco bem conhecido dos espetáculos de La Féria, esta produção assinala o regresso aos grandes textos teatrais, quebrando o fio que vinha a ser feito através das várias revistas à portuguesa que subiram ao palco pelos últimos anos no Politeama. As Árvores Morrem de Pé é por si só um espetáculo que fala por si mas se lhe colocarmos os grandes da nossa representação a encabeçar o elenco acaba por ser perfeito. 

Plateia esgotada sem existir espaço para mais. Público bastante atento ao que ia ser feito. Encenador confiante. Equipa técnica alegre. O pano sobe e o palco mostra-nos que uma vez mais as Produções Filipe La Féria não falham no cenário e na caracterização dos personagens. O elenco começa a desfilar, uns com maior destaque que outros, como sempre, e rapidamente entra em palco Ruy de Carvalho que recebe os aplausos de um público que sabe perfeitamente a razão de estar naquela sala. A história começa a desenrolar-se e vamos sendo levados por atores que interpretam clandestinos atores até ao grande centro da ação, a casa onde está no momento a avó que poderia ser de todos nós.

Manuela Maria dispensa qualquer tipo de apresentações e confesso que é a grande surpresa desta estreia. Gosto e sempre gostei desta atriz que ao longo da sua vida tem feito história na representação, mas não pensei que estivesse tão bem e me conseguisse levar rapidamente do riso ao choro de forma perfeita e sem que tenha tido tempo para pensar nas alterações repentinas de uma personagem que lhe encaixa na perfeição. Seriedade, serenidade, calma, humana, profissional... Tanta coisa que tinha agora para contar sobre o que senti com a prestação de Manuela Maria pelas tábuas do Politeama. Emoção é acima de tudo o que esta grande atriz, tal como Ruy de Carvalho, conseguem passar para quem assiste a este grande espetáculo que irá ficar certamente em cena durante uma grande temporada. 

O talento em As Árvores Morrem de Pé não se coloca em questão porque dos jovens aos seniores, todos têm e revelam grande experiência. O texto está lá, tendo um grande contraste entre o bem e o mal que se atropela de forma positiva entre si. O cenário perfeito, o guarda-roupa perfeito, a iluminação perfeita. Enfim, tudo perfeito num sucesso que ainda agora começou!

11
Ago16

Estreia hoje... As Árvores Morrem de Pé


O Informador

 As Árvores Morrem de Pé é o novo espetáculo que Filipe La Féria coloca em cena no Teatro Politeama a partir de hoje e com nomes bem sonantes da nossa representação! Eunice Muñoz, Ruy de Carvalho, Manuela Maria, Carlos Paulo, Maria João Abreu, João D’Ávila, Hugo Rendas, Ricardo Castro, Paula Fonseca, Rosa Areia, João Duarte Costa, Patrícia Resende e os jovens actores João Sá Coelho, Pedro Goulão e Francisco Magalhães compõem um elenco que fala por si e que irá brilhar a partir de agora pela sala de espetáculos lisboeta que certamente irá ficar esgotada sessão após sessão de hoje em diante!

Um verdadeiro grupo de grande talento foi reunido por La Féria nesta sua nova aposta que passa também por resultar numa homenagem a Eunice Muñoz, Ruy de Carvalho, Manuela Maria e João D' Ávila que já contam com décadas de palcos com carreiras recheadas de sucessos, aplausos e muito carinho junto do público. 

As Árvores Morrem de Pé, um espetáculo que ninguém deve perder!

4F7A0098T1.jpg

21
Set15

A Quinta estreia ao Sábado


O Informador

Quando tudo fazia prever que o próximo reality show da TVI estreasse no dia das eleições ou no Domingo seguinte, eis que a direcção do canal surpreende e irá estrear o seu programa ao Sábado, 3 de Outubro.

Qual a razão de escolherem um Sábado para estrearem uma aposta em termos de reality shows que terá diários transmitidos ao final da tarde e em final de serão e ainda com estreia num dia que geralmente é de menor consumo?

Será que as galas desta vez do programa da vida rural serão ao Sábado e não ao Domingo como tem acontecido na história dos reality shows em Portugal desde que o Big Brother estreou?

Deveras muito estranho este dia de estreia mas também é sempre bom perceber que existem mudanças e que os Domingos podem quem sabe ter um outro formato há sua espera para os próximos meses se Teresa Guilherme ficar a tomar conta dos serões de Sábado com a sua quintinha de famosos e anónimos!

01
Jun15

O Principezinho chega em Dezembro!


O Informador

O Principezinho.jpeg

 

Acabei de saber que O Principezinho já conta com uma versão cinematográfica que estreará pelo nosso país a 3 de Dezembro! No Dia da Criança isto é uma boa notícia para pequenos e graúdos ou não?

Quero e irei ver porque tudo o que remete para o universo animado que me marcou a infância é para ser revisitado!

23
Mar15

Vamos dançar?...


O Informador

Dança com as Estrelas 1.jpg

A terceira edição do Dança com as Estrelas começou e os serões de Domingo voltam assim a apelar aos corpos em movimento, taco a taco e com a sintonia perfeita.

Cristina Ferreira dispensa apresentações, os jurados a mesma coisa, bailarinos de excelência e um elenco de concorrentes aparentemente abaixo das edições anteriores mas capaz de surpreender. Confesso que à partida quando vi os dez escolhidos apontei dois nomes como os elos mais fracos, Kátia Aveiro e António Raminhos. Depois de ver as suas prestações percebi que a ideia da irmã de Ronaldo estava completamente errada, no entanto o público português volta a mostrar que não gosta do clã Aveiro e retira Kátia da competição logo na primeira oportunidade. Quanto ao comediante que não sabe dançar, está ali para dar um toque de boa disposição ao formato, fazendo até um trabalho dentro do estilo que tem apresentado no que bem sabe fazer, mas longe do que o programa exige. No geral os concorrentes, mesmo não sendo figuras de topo do canal, estão dentro dos que os anteriores fizeram na estreia e agora é semana após semana que a evolução acontece e se irá fazer notar.

Sim este é um bom programa de dança, é daquelas apostas que sempre tem corrido bem ao canal ao longo de três anos seguidos e muda completamente o estilo e também o público base do que vinha a ser feito pelos últimos meses nos serões de Domingo. 

15
Mar15

Estreia de A Única Mulher


O Informador

A nova novela da autoria de Maria João Mira e André Ramalho para a TVI foi preparada com uma grande produção e anunciada com toda a pompa e circunstância de uma grande obra de ficção. Agora que estreou não defradou em nada as expetativas no seu primeiro episódio e conseguiu até surpreender depois de tanto mistério e curiosidade!

Uma imagem excelente, um elenco acima do bom, a banda sonora desejada e capaz de chamar um outro tipo de público que não é habitual e uma forte história de amor, não fosse a autora uma romântica quando escreve, são os pratos fortes desta trama que envolve Portugal com Angola num clima bem hostil de preconceitos, amores e poder. 

Gostei da primeira impressão de A Única Mulher! Aqui está a prova que quando antes as coisas correm mal depois aparece um novo produto com um outro cuidado e rigor, não querendo deixar a herança de boa ficção nacional de anos que o canal tem para trás assim de mão beijada. Esta novela tem qualidade, agora é não deixar que as coisas descambem, continuando a apostar no que foi feito com este episódio de estreia que acabou por surpreender e colocou as redes sociais em polvorosa com comentários e opiniões bem risonhos com poucos a afirmarem o contrário, o que não é muito comum neste tipo de coisas.

12
Fev15

Aguardo as boas-vindas ao Sapo!


O Informador

Upa! Upa! Agora sim, posso afirmar que estou no universo dos blogues Sapo, aquele onde muitos mas não todos estão inseridos. Andei quase dois anos e meio por aí a vaguear sozinho, num espaço que não estava sincronizado com os seus semelhantes. No entanto, ao fim deste tempo pensei que tudo poderá ser melhor se pertencer ao núcleo dos outros, aqueles que também partilham o mesmo gosto pela escrita e partilha social!

O Informador aproximou-se assim dos seus semelhantes pelas últimas horas e esta entrada no mundo da sapiência só poderá correr bem! Aguardo agora as boas-vindas da vossa parte! Até já!

23
Jan15

The Strain


O Informador

The StrainUma nova série chegou ao universo FOX Portugal. Por aqui não perdi o primeiro episódio e fica a promessa que os próximos já estão a aguardar pela gravação automática!

The Strain conta a história do Dr. Ephraim Goodwaether, o chefe da equipa do Centro de Controlo de Doenças na cidade de Nova Iorque. Com a sua equipa enfrenta a investigação de um misterioso vírus semelhante ao vampirismo onde certos factos remetem a situações passadas. Como enfrentar este mistério e salvar o futuro da humanidade?

Pessoas que são atacadas e sofrem a transformação de um vírus que não é mortal mas que é temido por quem o enfrenta, unindo-se esse universo com o mote principal de The Walking Dead e com o universo da investigação criminal num só produto, mostrando que as velhas fórmulas do sucesso televisivo não estão ultrapassadas, só têm de ser reformuladas para baralhar e voltar a dar de novo.

Confesso que este não era de todo um dos meus géneros favoritos de ficção, no entanto e tal como tem acontecido com outros produtos, os gostos no que toca a séries têm sofrido alterações e o primeiro episódio desta produção assinada pela FX para o mundo conquistou-me!

28
Nov14

Alexandre e o Terrível, Horrível, Nada Bom, Péssimo Dia


O Informador

https://www.youtube.com/watch?v=5T-mnVVxtT4

Alexandre é um menino prestes a completar 11 anos de idade que sente que tudo está contra si no mundo. Num filme sobre a chancela Disney, Alexandre e o Terrível, Horrível, Nada Bom, Péssimo Dia é mostrado como um hipotético dia de aniversário se pode transformar numa catástrofe familiar onde todos correm riscos de serem mal sucedidos e o aniversariante fica de mãos a abanar no seu dia especial.

Tudo corre mal a Alexandre, os seus amigos não querem aparecer na sua simples festa de aniversário, a família encontra-se ocupada com tantos problemas que se esquece de si, mas eis que no meio de tanta confusão tudo acaba por se compor, levando o jovem a acabar o dia animado, ao lado das pessoas de quem gosta e com uma grande festa celebrativa que por pouco não termina com uma nova tragédia hilariante. Será que tudo acontece à personagem interpretada por Ed Oxenbould para que este sinta que as coisas más só lhe acontecem a ele?

Um filme para ver e descontrair, sem os grandes alaridos de um texto elaborado e das películas que deixam a sala a pensar. A Disney sabe bem como entreter o público com os seus filmes de animação e quando toca em atores reais não desafina e consegue seguir a mesma linha das películas animadas, surpreendendo e ajudando a passar o tempo.

Vale a pena descontrair um pouco com Alexandre e o Terrível, Horrível, Nada Bom, Péssimo Dia!

27
Set14

Guerra dos Pratos


O Informador

Já estreou a mais recente aposta nacional do canal FOX Life, o programa Guerra dos Pratos! Já assisti ao episódio de estreia e confesso que fiquei surpreendido pela qualidade do mesmo, sendo produzido por um canal de cabo com orçamentos mais baixos que os grandes generalistas para este tipo de apostas!

Não se pode comparar o Guerra dos Pratos com o MasterChef que a TVI apresentou aos seus telespetadores há uns meses atrás, no entanto neste tipo de formatos arrisco a dizer que esta aposta do canal do universo FOX está bem consistente e com pernas para andar. Apresentado por Cláudia Semedo e com o Chef Alexandre Silva como co-apresentador e principal jurado, este concurso culinário é totalmente dedicado à comida tradicional portuguesa.

Percorrendo as várias regiões do país, a equipa de Guerra dos Pratos seleccionou 24 cozinheiros amadores para mostrarem os seus dotes culinários, passando as várias fases do programa até à grande final, sempre confeccionando pratos tradicionais da sua zona. Com dois candidatos por programa nesta fase inicial, só um passa à etapa seguinte do formato, disputando até ao fim o seu lugar. 

Um programa leve que se consegue destacar entre a programação internacional do canal onde é transmitido e que também ajuda à demonstração do que de bom se consegue fazer pelo nosso país pelas tradições gastronómicas. Dos pratos principais aos doces, na Guerra dos Pratos fica-se com água na boca!

Um programa para continuar a acompanhar pelas próximas semanas!

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Segue-me...

Facebook ___________________________________________________________ Instagram ___________________________________________________________ Twitter ___________________________________________________________ Pinterest Visita o perfil de O Informador no Pinterest. ___________________________________________________________ Goodreads
Envelhenescer
Três Homens Num Barco
Confissões de Inverno
O Templário Negro
Larga quem não te agarra
As Desaparecidas
Sentir
A Livraria
A Magia do Acaso
Hotel Vendôme
A Química
Não Gosto de Segundas Feiras
___________________________________________________________ BlogsPortugal
___________________________________________________________ Bloglovin Follow _____________________________________________________

 Subscreve O Informador

Mensagens

Comentários Recentes

Atual Leitura

_________________________________________________________

Parceiros Literários

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Espaço Cultural

_______________________________________________