Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

01
Out17

O Prodígio [Emma Donoghue]


O Informador

o prodígio.jpg

Autor: Emma Donoghue

Editora: Porto Editora

Edição: 1ª Edição

Lançamento: Junho de 2017

Páginas: 328

ISBN: 978-972-0-04039-8

Classificação: 2 em 5

 

Sinopse: A jovem Anna recusa-se a comer e, apesar disso, sobrevive mês após mês, aparentemente sem graves consequências físicas. Um milagre, dizem.

Mas quando Lib, uma jovem e cética enfermeira, é contratada para vigiar a menina noite e dia, os acontecimentos seguem um diferente rumo: Anna começa a definhar perante a passividade de todos e a impotência de Lib. E assim se adensa o mistério à volta daquela pobre família de agricultores que parece envolta num cenário de mentiras, promessas e segredos.

Prisioneira da linguagem da fé, será Anna, afinal, vítima daqueles que mais ama?

 

Opinião: Acredito cada vez mais na teoria de que após um grande sucesso literário o autor não consegue atingir a capacidade de se suplantar e nem sequer igualar. Aconteceu isso com Emma Donoghue, autora do bestseller internacional O Quarto de Jack, que agora lançou O Prodígio e não me conseguiu atrair como havia acontecido com a história de Jack, o menino que vive aprisionado num quarto com a sua mãe e que segue feliz num mundo que foi criado em seu redor, num pequeno bloco de quatro paredes sem condições. 

Em O Prodígio encontrei a história da jovem Anna, uma jovem irlandesa, que se recusa a comer desde o dia em que celebrou o seu décimo primeiro aniversário. Passada em pleno século XIX e numa pequena aldeia, o mistério em torno da não alimentação de Anna começa a levantar inquietação junto da população que começa a sair em peregrinação para ver com os seus próprios olhos o que apelidam por milagre. A jovem não se alimenta mas ao mesmo tempo não perde as suas capacidades físicas e é necessário encontrar uma explicação para tal acontecimento. E é nesse ponto que surgem a Irmã Michael e a enfermeira Lib que juntas são contratadas para cuidar, em regime de horários rotativos, de Anna, para que ao longo de um período de tempo consigam perceber, de forma individual, o que se passará com a criança para não comer mas também não sentir a falta de alimento.

Uma mentira é desde logo o pensamento de Lib sobre todo este mistério, desenhando contornos sobre as atitudes familiares de quem rodeia Anna para que ganhem dinheiro em torno de toda esta situação que os próprios criaram e alimentam. Mas será que as várias ideias não comprovadas numa fase inicial de Lib conseguem chegar a um ponto certo para que o mistério seja desvendado?

13
Set17

Atual leitura... O Prodígio [Emma Donoghue]


O Informador

o prodígio.jpg

Após o sucesso mundial com O Quarto de Jack, que adorei ler nos finais de 2013, Emma Donoghue lança, uns bons anos depois, O Prodígio. Com uma história onde uma criança volta a estar no centro da narrativa, a autora do bestseller, que se tornou sucesso também no cinema, volta assim a tentar com a sua fórmula mágica cativar os leitores. 

Já li vários comentários sobre este novo romance de Emma e parece que o enredo não está elaborado de forma tão forte como o pequeno mundo onde Jack vivia, mas quero ter a minha própria opinião sobre O Prodígio e é por isso que vou iniciar a leitura deste romance para depois vos contar tudo. 

27
Mai17

TAG Feira do Livro


O Informador

A Mulher que Ama Livros lançou a TAG Feira do Livro e a Holly Reader foi uma das nomeadas para lhe seguirem o exemplo. Agora e porque as meninas não estavam contentes, eis que fui chamado a responder também às várias questões da TAG, mas desta vez ainda não irei fazer vídeo. Quem sabe numa próxima. 

Vamos lá então...

  1. Um livro que se passe em Lisboa - A Magia do Acaso, da autoria de Tiago Rebelo e lançado pela editora ASA. Podem saber um pouco mais sobre a obra e a opinião que tenho sobre a mesma aqui.

  2. Indica um livro para ler no Verão - Larga quem não te agarra, da autoria de Raul Minh'Alma e lançado pela Manuscrito. A razão desta escolha é simples e pode ser explicada com dois fatores. Primeiramente de leitura simples e depois também porque ao ser um livro de reflexão e já que os dias de férias, por exemplo, também servem para recarregar baterias, nada melhor do que pensar no ano que está um pouco em modo pausa para recomeçar de novo, dando novas oportunidades aos outros e a nós próprios. Podem saber um pouco sobre a obra e a opinião que tenho sobre a mesma aqui

  3. Indica um livro doce - Feliz Aniversário, da autoria de Danielle Steel e lançado pela Bertrand Editora. A escolha desta sugestão é simples. Algo mais doce do que a união familiar? Este é um romance simples e onde o amor acontece. Quando pensei em doçuras logo pensei em Danielle Steel e dentro das opções, nada melhor que este título que nos transporta por um bom ambiente familiar, como se estivéssemos a percorrer um percurso recheado de coisas boas para ir saboreando ao longo da vida. Podem saber um pouco mais sobre a obra e a opinião que tenho sobre a mesma aqui

     

  4. Qual o autor que deveria ir à Feira do Livro - Danielle Steel, que sabem que é uma das minhas autoras de romance preferidas. J. K. Rowling seria interessantíssimo ouvir falar sobre os seus mundos fantásticos junto dos fãs. 
  5. Elege as tuas três editoras preferidas - Não criando um top mas sim enumerando de forma aleatória. Editorial Presença e Bertrand Editora pelo facto de serem as editoras de sempre e com as obras com que mais me tenho identificado ao longo dos anos. Seja no romance, no suspense, estas duas editoras têm nomes fortes, com capas que dão nas vistas e que me conseguem prender. Mais recentemente tenho ficado fã da Topseller dentro do estilo thriller e até agora nenhuma outra me conseguiu conquistar dentro deste estilo como a editora do grupo 20|20.
  6. Indica um livro muito bom com mais de 18 meses - O Quarto de Jack, da autoria de Emma Donoghue. Posso parecer cliché com esta escolha, mas este é um dos meus livros de coração e que aconselho vivamente por mostrar a perseverança e vontade de vencer na vida. 

  7. Já pediste autógrafos? Mostra - Não sou de pedir autógrafos por vergonha talvez de me dirigir às pessoas de forma a lhes roubar um pouco do seu tempo quando todos temos direito ao nosso espaço de forma livre. Existem as sessões de autógrafos mas mesmo ai não sou de ficar em espera em busca de uma assinatura e um comentário igual por vezes a tantos outros. Tenho um livro do NunoNepomuceno ainda por ler que o autor me enviou autografado e sei que existem mais uns que foram enviados também já com o autografo dos seus autores, mas nada pedido por mim ou por me ter dirigido à pessoa com a finalidade de pedir a sua assinatura numa das suas obras. Já agora Obrigado Nuno!

    autografo nuno nepomuceno.jpg

  8. Dois livros que compraste nos anos anteriores e ainda não leste - Neste campo vale mais recorrer ao provérbio... «Vale mais uma imagem que mil palavras.» Não sei quais foram comprados na Feira do Livro ou oferecidos no Natal e assim, mas sei que já por cá andam há uns meses e mesmo anos em espera para serem lidos!

    livros em espera.jpg

  9. Revela dois livros que pretendas comprar este ano - Escrito na Água de Paula Hawkins, a autora de A Rapariga no Comboio que lançou assim o seu segundothriller. E tentar completar a coleção já extensa das obras de Danielle Steel que sei que me faltam uns lançamentos antigos pela biblioteca cá de casa e que ainda não li. 

01
Jul14

Alma social


O Informador

«A alma escolhe a sua própria sociedade. Depois fecha a porta.»

Emma Donoghue em O Quarto de Jack

Encontrar um caminho nem sempre é tarefa fácil, no entanto ao longo de um percurso, seja ele feito de umas maneiras ou outras, cada ser vai escolhendo os seus bens essenciais, os seus parceiros, a sua cultura e a sua localização privilegiada. Ao longo de uma vida vários são os confrontos, barreiras e obrigações que vão sendo colocados pela frente desse ser, porém, é a conquista, a teimosia e as escolhas que ajudam o sentido das opções a tornarem-se reais e concretas.

Definindo as crenças e as rejeições sem hesitações, a alma vai seleccionando a sua sociedade, o seu local, as suas presenças e os seres que quer ter perto de si. Ao longo de vários percursos são várias as metas que vão sendo estabelecidas, sendo sempre necessário abrir e fechar portas ou optar por espreitar por uma janela, sem querer voltar a dar as oportunidades a erros do passado. Quando as certezas existem assinam-se contratos, estabelecem-se ligações, enfrentam-se adversários, mas acima de tudo, protege-se o que se quer ter por perto por bons períodos de tempo.

A escolha é unilateral e a continuação perante a sua aproximação só depende de cada ser, se consegue auto conquistar-se a si para ter o que mais quer e deseja do seu lado.

01
Jan14

Leituras de Dezembro


O Informador

O mês de Dezembro, ao contrário dos anteriores, não foi lá muito propício a leituras aqui para os meus lados, como tal só dois livros me fizeram companhia ao longo destes 31 dias, só que só um foi lido até ao final, o outro ainda me anda a fazer companhia e terá o seu comentário feito em Janeiro. 

O Quarto de JackO Quarto de Jack

Uma criança de cinco anos nasceu e viveu até aos seus cinco anos dentro de um barracão transformado em quarto onde a sua mãe foi presa por um raptor. O pequeno Jack descobriu o mundo através de histórias que foi ouvindo a mãe contar e imagens vistas através do pequeno televisor que possuíam, aprendendo aos poucos que os dois não estavam sozinhos no mundo, existindo todo um universo cheio de magia e mistério no exterior. O Quarto de Jack é um livro inspirador, cheio de poder e sabedoria que conseguiu conquistar a minha preferência. Emma Donoghue, a sua autora, observou o espaço na perspectiva de uma criança e mostrou o que era visto e sentido dentro daquelas paredes e posteriormente com o contacto com o mundo exterior. Um livro arrebatador, descritivo e real que transforma a triste realidade de uma história que podia ser verídica em momentos fantásticos de luta e crença. Eu adoptei o pequeno Jack por ser um pequeno adulto cheio de poder no interior de um livro raro! Aconselho!

11
Dez13

O Quarto de Jack


O Informador

O Quarto de JackJack, a criança que nasceu e viveu até aos cinco anos fechado num quarto onde aprendeu as primeiras leis da vida, achando que ali estava o mundo, conquistou-me. Emma Donoghue, a autora de O Quarto de Jack, bateu nos pontos fortes que esta obra poderia ter e não deixou nada de lado, tendo-me deixado rendido a esta pequena criança que mostrou como com pouco se pode ser feliz.

Este livro que há muito já me vinha a piscar o olho foi um dos melhores que li porque além da sua história, que consegue aproximar o coração de qualquer um, a forma como tudo é descrito e contado por um pequeno ser que vive bem com o que tem, sem conhecer a verdadeira realidade, marca. Jack nasceu preso e viveu os seus primeiros anos de vida dentro de um cubículo ao lado da mãe e tudo parece mágico aos olhos desta criança que brinca, desenha, conversa, sonha, pensa e tem noções acima da realidade para a sua idade. Depois e com a passagem para o mundo exterior, através da libertação, as descobertas acontecem e é tão bom imaginar como o desconhecido é visto aos olhos deste ser especial que todos passam a conhecer devido à sua trágica história. O mundo exterior ao do seu quarto é visto de uma forma soberba aos olhos de Jack que aos poucos vai perdendo o medo da entrega aos outros e perante os desafios que lhe vão sendo impostos socialmente.

Emma Donoghue conquistou-me do início ao fim com este seu livro e passou a ter um lugar de destaque nas minhas preferências literárias. O Quarto de Jack é um livro que prende, conquista, emociona e deixa qualquer um sonhar através de uma história de vida que podia ser bem real. Os maus existem e este Jack viveu com essa maldade por perto sem se aperceber!

Um livro raro e com um poder de conquista absoluto!

Sinopse: Original, poderoso e soberbo, Jack é inesquecível: a coragem e o imenso amor numa história perturbante contada pela voz da inocência.
Para Jack, de cinco anos, o quarto é o mundo todo. É onde ele e a Mamã comem, dormem, brincam e aprendem. Embora Jack não saiba, o sítio onde ele se sente completamente seguro e protegido, aquele quarto é também a prisão onde a mãe tem sido mantida contra a sua vontade. Contada na divertida e comovente voz de Jack, esta é uma história de um amor imenso que sobrevive a circunstâncias aterradoras, e da ligação umbilical que une mãe e filho.O quarto é um lugar que nunca vai esquecer; o mundo é um sítio que nunca mais olhará da mesma maneira.
 
Finalista do Man Booker Prize 2010Finalista do Orange PrizeNew York Times 10 Best Books 2010Washington Post Top 10 Books – 2010New York Times 100 Notable Books 2010Barnes & Noble Best Books – 2010Hudson Booksellers Best Fiction – 2010

Mais sobre mim

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários Recentes

  • O Informador

    Geralmente oito horas não consigo, nem ao Sábado e...

  • Moralez

    Acredito pois 😂 😂 😂 eu tenho de dormir 8h00

  • O Informador

    Mesmo quando me deito antes das 00h00 acordar às 0...

  • Moralez

    E não havia de ter sono...

  • O Informador

    Excepcionalmente ontem, por motivos de agenda cult...

Mensagens

Mais Comentados

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Segue-me...

Facebook ___________________________________________________________ Instagram ___________________________________________________________ Twitter ___________________________________________________________ Pinterest Visita o perfil de O Informador no Pinterest. ___________________________________________________________ Goodreads
Envelhenescer
Três Homens Num Barco
Confissões de Inverno
O Templário Negro
Larga quem não te agarra
As Desaparecidas
Sentir
A Livraria
A Magia do Acaso
Hotel Vendôme
A Química
Não Gosto de Segundas Feiras
___________________________________________________________ BlogsPortugal
___________________________________________________________ Bloglovin Follow _____________________________________________________

 Subscreve O Informador