Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

31
Mai17

Boneca de Luxo [Truman Capote]


O Informador

boneca de luxo.jpg

Autor: Truman Capote

Editora: Dom Quixote

Edição: 1ª Edição

Lançamento: Junho de 2009

Páginas: 120

ISBN: 978-972-20-3132-5

Classificação: 4 em 5

 

Sinopse: Holly Golighly é mais do que uma boneca de luxo. Deslumbrante, espirituosa e ternamente vulnerável, inquietando as vidas dos que com ela se cruzam, é retratada por Truman Capote em Breakfast at Tiffany’s (Boneca de Luxo), um romance tocante e singelo sobre a amizade, que constitui uma autêntica história de sedução. 

Verdadeiro clássico da literatura americana contemporânea, nele se inspirou Blake Edwards para o filme homónimo protagonizado por Audrey Hepburn.

 

Opinião: Boneca de Luxo é um dos clássicos mundiais da autoria de Truman Capote que através da facilidade que conta a história conquista o leitor que se vê confrontado com a vida de Holly logo a partir das primeiras páginas, sem querer parar de saber o que terá acontecido a esta jovem mulher que vê desfilar todas as oportunidades para ficar bem na vida, mas é como acompanhante que consegue viver. 

Através de um narrador que vive no mesmo edifício de Holly e que a mesma batiza por Fred, o nome do seu irmão, vamos conhecendo o dia-a-dia desta jovem solitária, de horários trocados, dona de um certo mistério e detentora de uma sensualidade única. O que fará Holly para ter hábitos de vida diferentes dos restantes residentes do prédio onde habita em Nova Iorque? Aos poucos o leitor é convidado a conhecer os encontros ocasionais de Holly com o seu vizinho Fred que vai ganhando espaço e lugar na vida desta figura noturna que parece ter na solidão uma arma forte contra os que a rodeiam. 

Escrito nos finais de 1950, Boneca de Luxo retrata de forma perspicaz o sonho de jovens de todos os tempos em alcançar a fama e o êxito, mesmo que se comentam erros e se caia em perigosas mentiras que mudam uma vida. Incentivada por um agente de Hollywood para brilhar como atriz, Holly parte de um meio pequeno para a grande cidade com a finalidade de encontrar oportunidades para que aos poucos o seu nome se torne conhecido, só que o interesse pela vida e dinheiro fáceis tornam-se bem mais atraentes, o que aliado à sua beleza e juventude atrai os homens poderosos e influentes, só que nem tudo corre da maneira que a jovem deseja. 

09
Out14

Patrick Modiano, o Prémio Nobel da Literatura 2014


O Informador

Quinta-feira, 9 de Outubro de 2014, dia em que foi revelado o Prémio Nobel da Literatura atribuído pela Academia Sueca ao francês Patrick Modiano.

Tendo sido o décimo primeiro autor nascido em França a receber esta distinção, Patrick foi destacado pela Academia aos 69 anos «Pela arte da memória com a qual ele evocou os destinos humanos mais inatingíveis e descobriu a vida do mundo da ocupação [alemã]».

Tendo publicado o seu primeiro romance, La Place de l'Étoile, em 1968, desde aí não mais parou no mundo da literatura, tendo recebido várias distinções e prémios internacionais. Por cá são várias as suas obras já publicadas, destacando-se O Horizonte (Porto Editora, 2011), No Café da Juventude Perdida (ASA, 2009),  A Rua das Lojas Escuras (Relógio d'Água, 1988), Um Circo que Passa (Dom Quixote, 1994), Dora Bruder (ASA, 1998) e Domingos de Agosto (Dom Quixote, 1988).

Paris é praticamente sempre o seu cenário de eleição pelas narrativas que acolhem temas como a memória, o esquecimento, a identidade e a culpa. Os seus romances além de terem um toque autobiográfica transportam o leitor para a época da ocupação alemã.

O Prémio Nobel da Literatura tem o valor de 877 mil euros, além do reconhecimento público do vencedor que vê assim a sua obra valorizada.

Um nome a ter em atenção pelas minhas próximas compras literárias!

04
Out14

Curso de escrita pela Inês Pedrosa


O Informador

Inês Pedrosa, a autora de Fazes-me Falta e Dentro de Ti Ver o Mar vai, pela primeira vez, partilhar os seus métodos de criação literária. Será no espaço Leya na Buchholz, em Lisboa, que o Curso de Escrita Ficcional vai ter lugar, a partir de dia 13 de Outubro!

Tendo sido elaborado para atrair quem gosta de ler e escrever e para quem quer começar um trabalho de escrita mais elaborado, a autora vai através de seis sessões de hora e meia, em todas as segundas-feiras, orientar este curso. Dando uma oportunidade de aprendizagem e de aprofundamento individual dos participantes, nestas sessões existirá também um apoio na selecção das leituras pessoais, ajudando ao desenvolvimento das capacidades de pensamento e escrita de cada um.

As inscrições já estão a decorrer em www.inespedrosa.com ou na livraria onde o curso vai ser leccionado, tendo um valor de 250 euros, com desconto para quem se inscrever até dia 6 de Outubro. Os participantes do curso receberão como oferta um exemplar do livro Novas Cartas Portuguesas, de Maria Teresa Horta, Maria Isabel Barreno e Maria Velho da Costa, com organização e anotações de Ana Luísa Amaral, numa edição Dom Quixote.

Ao longo do curso, Inês Pedrosa abordará obras de referência como Dom Quixote de La Mancha, Anna Karenina , Madame Bovary, Os Maias, A Queda de Um Anjo, Livro do Desassossego, O Delfim e O Amor nos Tempos de Cólera, entre outras. A escritora colocará ainda temas como o estilo, a busca de uma voz, as potenciais fontes da ficção, a construção de personagens, a acção, a intriga e o suspense, os géneros e trans-géneros em análise ao longo das sessões. No final será atribuído um certificado de participação assinado pela sua organizadora e responsável.

Uma iniciativa interessante e que ainda pensei frequentar, no entanto deixarei passar esta oportunidade e esperarei pela próxima que após o término desta primeira fase não deverá tardar!

Boas aprendizagens para todos e que este tipo de cursos comecem a ganhar destaque nas livrarias e pontos de referência para que o futuro seja construído com maiores bases culturais!

21
Nov13

Barroco Tropical


O Informador

Barroco TropicaJosé Eduardo Agualusa voltou a surpreender-me através do seu Barroco Tropical! Por vezes parece que a sua imaginação ultrapassa os limites apurados da realidade, no entanto e porque as lendas existem, a sua sabedoria para com estas histórias está toda presente através das suas palavras!

Em Barroco Tropical existem várias personagens que poderiam ser retiradas sem se dar conta, porém todos parecem ter algum sentido, desde Núbia de Matos, a mulher que caiu do céu, a Bartolomeu Falcato, o personagem central da história que parece ser uma parte que Agualusa quer revelar de si próprio de forma indirecta. Com duas histórias a serem contadas, existe pelo meio Kianda, a grande diva deste romance, uma cantora que arrasa corações e arrasta multidões através da sua voz e forma de estar.

Com uma escrita absorvente e translúcida, Agualusa convida o leitor a sonhar e a viajar através das suas aventuras onde os altos e baixos se cruzam no emocionante mar de conflitos pela paz interior de cada um.

A alegria e a felicidade no amor são dois estados diferentes e com significados que se podem opor quando necessário, segundo o autor...

«A alegria não se parece com a felicidade, a não ser na medida em que um mar agitado se parece com um mar plácido. A água é a mesma, apenas isso. A alegria resulta de um entorpecimento do espírito, a felicidade de uma iluminação momentânea. O álcool pode levar-nos à alegria - ou um cigarro de liamba, ou um novo amor - porque nos obscurece temporariamente a inteligência. A alegria pode, pois, ser burra. A felicidade é outra coisa. Não ri às gargalhadas. Não se anuncia com fogo de artifício. Não faz estremecer estádios. Raras são as vezes em que nos apercebemos da felicidade no instante em que somos felizes.»

Agualusa é um autor intemporal que sonha e realiza, faz e refaz, quebrando regras e reescrevendo a história como se fosse a primeira vez que esta é contada. Um mundo existente onde a imaginação se cruza com as lendas, o passado e o futuro! Aconselhável!

Sinopse: Uma mulher cai do céu durante uma tempestade tropical. As únicas testemunhas do acontecimento são Bartolomeu Falcato, escritor e cineasta, e a sua amante, Kianda, cantora com uma carreira internacional de grande sucesso. Bartolomeu esforça-se por desvendar o mistério enquanto ao seu redor tudo parece ruir. Depressa compreende que ele será a próxima vítima. Um traficante de armas em busca do poder total, um curandeiro ambicioso, um antigo terrorista das Brigadas Vermelhas, um ex-sapador cego, que esconde a ausência de rosto atrás de uma máscara do Rato Mickey, um jovem pintor autista, um anjo negro (ou a sua sombra) e dezenas de outros personagens cruzam-se com Bartolomeu, entre um crepúsculo e o seguinte, nas ruas de uma cidade em convulsão: Luanda, 2020.
11
Nov13

Vou ler... Barroco Tropical


O Informador

Barroco TropicaJosé Eduardo Agualusa encantou-me com A Vida no Céu, um livro mais sonhador e que apela à imaginação do leitor. Agora e porque quero continuar a experimentar a leitura de Agualusa, vou-me envolver com o seu Barroco Tropical.

Sinopse: Uma mulher cai do céu durante uma tempestade tropical. As únicas testemunhas do acontecimento são Bartolomeu Falcato, escritor e cineasta, e a sua amante, Kianda, cantora com uma carreira internacional de grande sucesso. Bartolomeu esforça-se por desvendar o mistério enquanto ao seu redor tudo parece ruir. Depressa compreende que ele será a próxima vítima. Um traficante de armas em busca do poder total, um curandeiro ambicioso, um antigo terrorista das Brigadas Vermelhas, um ex-sapador cego, que esconde a ausência de rosto atrás de uma máscara do Rato Mickey, um jovem pintor autista, um anjo negro (ou a sua sombra) e dezenas de outros personagens cruzam-se com Bartolomeu, entre um crepúsculo e o seguinte, nas ruas de uma cidade em convulsão: Luanda, 2020.

Este livro foi comprado numa promoção do site da FNAC e custou-me 8,45€ em detrimento dos 16,90€, o seu preço normal.

16
Dez12

Dentro De Ti Não Vejo o Mar


O Informador

E já terminei de ler o livro de Inês Pedrosa, Dentro De Ti Ver o Mar, e confesso que o livro não me conquistou, fazendo com que coloque esta autora na lista do que não quero ler nos próximos tempos.

Pois é, ao longo de menos de duas semanas li esta última obra da autora e mesmo tendo percebido parte da trama, revelo que não percebi o contexto da irrealidade de uma história em que a narradora acaba por interagir com os personagens, dando-lhes um final pelo que as suas criações foram fazendo ao longo do livro.

Várias histórias de amor entre apaixonados, entre pais e filhos e de e para amigos são contadas nesta obra, de forma exemplar e com uma escrita bem organizada e das melhores que já li de um autor português, mas é pena que as minhas dúvidas sobre estas mais de trezentas páginas não tenham sido esclarecidas.

Desde o início que comecei a sentir algumas questões que nunca foram solucionadas e esperei que o final desse todas essas respostas, mas pelo contrário, ainda mais duvidas me apareceram, com uma história cheia de trocas e baldrocas e, para mim, sem nexo.

Ainda pensei que poderei ter sido eu a não entrar perfeitamente nestas vidas, mas já reli algumas partes do livro e continuo sem perceber certas atitudes das personagens criadas por Inês Pedrosa.

Dentro de Ti Ver o Mar é um romance que não aconselho devido às questões que me ficaram por ser respondidas, mas é algo bom para quem gosta de histórias de amor bem escritas!

Mais sobre mim

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários Recentes

  • marta-omeucanto

    Em termos de operadora de telemóvel, continuo com ...

  • O Informador

    Até agora estou a gostar da leitura que se torna b...

  • O Informador

    Irão sempre arranjar maneira de não fazerem a devo...

  • O Informador

    Euro a euro conseguirão lá chegar!

  • O Informador

    Não sei se a editora envia para o Brasil, mas pode...

Mensagens

Mais Comentados

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Segue-me...

Facebook ___________________________________________________________ Instagram ___________________________________________________________ Twitter ___________________________________________________________ Pinterest Visita o perfil de O Informador no Pinterest. ___________________________________________________________ Goodreads
Envelhenescer
Três Homens Num Barco
Confissões de Inverno
O Templário Negro
Larga quem não te agarra
As Desaparecidas
Sentir
A Livraria
A Magia do Acaso
Hotel Vendôme
A Química
Não Gosto de Segundas Feiras
___________________________________________________________ BlogsPortugal
___________________________________________________________ Bloglovin Follow _____________________________________________________

 Subscreve O Informador