Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

23
Ago16

Motivos para adorar Lisboa


O Informador

lisboa.jpg

Lisboa, a capital portuguesa, tem encanto e a revista Forbes elegeu com a ajuda dos critérios dos turistas mais de uma dezena de razões para visitar a nossa cidade. Todos sabemos que Lisboa está na moda, ou melhor, Portugal está na moda, e há que aproveitar todo este momento para criar novas condições que acompanhem o fascínio de quem nos visita. A História aliada à gastronomia, cultura, segurança, simpatia, arte e preços baixos dão o mote para que Lisboa seja adorada e aconselhada por quem passa. 

Com isto Ann Abel, jornalista e editora da revista norte-americana, afirma que além de segura e barata, a nossa capital encanta através das ruas pitorescas do centro histórico, da arquitetura dos edifícios lisboetas, dos palácios, da cultura, da melancolia e dos restaurantes do Chiado e do Príncipe Real que não passam despercebidos a quem por lá passa.

Eis os locais eleitos pela revista que não se deve deixar de visitar quando se viaja até à cidade alfacinha...

O recentemente inaugurado restaurante Bairro do Avillez e o Belcanto, ambos do tão bem conhecido e galardoado chef José Avillez que dispensa apresentações. Logo de seguida surge o bar do terraço do hotel Tivoli que provoca nos visitantes uma sensação única sobre a cidade de Lisboa. Ao mesmo tempo e porque a Cervejaria Ramiro tem obra feita, eis nova sugestão. O Chiado e o seu comércio tradicional continuam a mostrar que tudo pode persistir no tempo, basta baralhar, reciclar e servir de novo. É caso disso O Purista - Barbière, a barbearia dos tempos modernos e a loja A Vida Portuguesa com produtos tradicionais antigos à disposição do cliente. Quem anda por Lisboa não pode deixar de passar pelo Mercado da Ribeira, recentemente modernizado para acolher o negócio tradicional e atrair outro tipo de clientela.

05
Jun15

Lá vai Lisboa!


O Informador

Adoro ir para os santos em Lisboa de 12 para 13 de Junho! Houve uns anos em que consegui ir e depois por força do trabalho no dia seguinte, já que por Alenquer não é feriado municipal, acabei por ficar preso sem poder festejar na grande noite alfacinha pelos últimos tempos! O que é uma boa notícia desta vez é que no Sábado, 13, estarei de folga para logo depois entrar de férias! O que isso poderá significar?

Pois é isso mesmo! Se o dia de folga não tiver de ser trocado por ter a colega de férias nessa mesma semana, eis que poderei estar com entrada livre para as ruas e ruelas lisboetas na noite onde os santos saem há rua para as marchas passarem pela avenida mais conhecida do país e as sardinhas armam-se em vedetas pelos vários bairros da capital! 

Vamos fazer figas para que nada se altere até dia 12 e que possa ir para a borga? Vamos! Vamos! Vamos! Agora tenho é que pensar em convencer as companhias para também irem, já que nem todos gostam de tais ajuntamentos e festejos populares!

06
Set14

Made in Portugal


O Informador

João Santana, o diretor da revista GQ Portugal afirma no editorial da edição de Setembro da publicação que Lisboa está na moda e que o turismo tem vindo a crescer na nossa capital e consequentemente pelo país, o que tem sido visto por muitos e bem comentado pelos últimos tempos. Além disso o sr. Santana também fala de um aspecto importante e que está a ganhar proporções descontroladas, os novos produtos nacionais, de design artesanal, a que se juntam artigos impróprios! Com o crescimento e aparecimento de lojas desta especialidade em cada ponto da cidade, acaba-se por começar a comercializar gato por lebre através dos típicos souvenirs que são levados para terras internacionais para a família e amigos que por lá ficaram. O que sugere o diretor da GQ? A criação de um selo de qualidade para eleger as verdadeiras peças nacionais, valorizando os bons produtos nesta indústria que tem dado cada vez mais cartas pela nossa capital e não só!

Isto é absolutamente verdade! Há uns anos, quando apareceu, por exemplo, a loja de Catarina Portas, A Vida Portuguesa, poucos eram os locais especializados na tradição, onde os antigos artigos estavam de novo à disposição de todos, com velhas ou remodeladas roupagens. Agora e talvez em pouco mais de cinco anos, as zonas centrais de Lisboa estão repletas de muitas vidas portuguesas, com produtos originais, de criadores nacionais, unindo o recente com o antigo, tudo em busca da conquista dos milhares de turistas nacionais e internacionais que passam pelas ruas da capital diariamente. É certo que existem muitos bons locais com a dita qualidade e cuidados com as escolhas do que comercializam, mas ao mesmo tempo também se começa a perceber que outros produtos de qualidade duvidosa e já muitas vezes produzidos longe das linhas portuguesas começam a infiltrar-se com o made in Portugal, não existindo o controlo por parte das entidades responsáveis para o que é servido como sendo nacional.

Os negócios de produtos portugueses apareceram em grande quantidade de um momento para o outro mas a inexistência de cuidado e a busca das vendas rápidas poderão acabar com muitos pontos já de referência. O que é demais acaba por não sobreviver e se não existir um controlo daqui a uns tempos as agora lojas onde o design, rigor e características produzidas por autores lusos acabarão por seguirem outros caminhos, perdendo a verdadeira essência para as quais foram criadas!

O Made in Portugal tem que ser levado com muita atenção pelo país porque a continuar assim as outrora infindáveis lojas chinesas podem dar lugar às lojas dos portuguesas com bandeiras, símbolos e histórias nacionais que nada têm haver com a verdadeira essência para a qual foram criadas... Levar Portugal pelo Mundo de forma original!

22
Abr14

Buracos de Lisboa


O Informador

BuracoLisboa e Portugal em geral tem destas coisas! Os buracos pelas calçadas e estradas estão por todo o lado onde podemos passar e esbarrar pelo local que está a descoberto sabe-se lá com culpa de quem!

Numa calçada da capital, onde diariamente passam centenas de pessoas, bem perto da entrada de um conceituado museu, quase que deixei o pé entrar neste espaço roto do chão que pela aparência mostrada do seu interior revela estar assim há algum tempo. Esta falta de pedras encontra-se mesmo no centro da calçada, sem qualquer sinalização e bem perto de uma passadeira. O que aconteceria se tivesse tropeçado e deixado o pé e consequentemente parte da perna neste espaço, sofrido algum acidente e ficasse assim magoado?

Será que os serviços municipais iriam estar do meu lado para pagar a despesa do incidente ou tinha que me ajeitar à minha maneira porque aquele local é público e eu é que devia ter cuidado? É certo que todos temos de andar com atenção onde quer que seja, mas existem situações em que a balança não está ao mesmo nível... Poderia muito bem ir na conversa e tropeçar, pisar um papel que estava por cima do buraco levando-me a cair assim, e outras situações do género!

Estes buracos não podem andar por aí como se de uma poça de água se tratassem! Pelo que se ouve falar existem funcionários camarários a mais, existem dias e dias com estas situações a descoberto e existe o bem-estar da comunidade que gosta de andar descansada pelas ruas e avenidas nacionais com tudo o que há para desfrutar das mesmas, sem preocupações pelas roturas e peças fora do sítio pelo desleixo dos serviços.

Há com cada buraco desnecessário por aí que só visto!

29
Dez13

Lixo de Lisboa


O Informador

LixoDuas semanas são o tempo estimado para que as ruas da nossa capital se encham de lixo porque a greve dos cantoneiros continua e o caos dos contentores lutados, sacos e caixas cheias de entulho do dia-a-dia continua através da acumulação pelas calçadas e bermas das estradas. Isto sim é uma vergonha para o país que em plena época festiva tem Lisboa com lixo espalhado por todo o lado!

Com os restos de comida pelas ruas, papéis dos embrulhos de Natal e com o mau tempo a fazer-se sentir com ventos e chuvadas, o que esperar até ao final da primeira semana do ano quando a situação já está vergonhosa? A Câmara pede para que os residentes da capital deixem o lixo reciclado no interior das suas residências para só em 2014 os deitarem nos devidos lugares, mas será que se esquecem que nem todas as pessoas vivem em grandes mansões com espaço para deixarem o que não querem no seu interior? E o resto, aquele lixo indesejado que começa a ganhar cheiro e que já anda espalhado como esta bela imagem mostra? Será que é possível que isto dure e que só lá para dia 10 esteja resolvido?

Um problema de higiene pública está instalado neste momento no maior centro populacional do país e ainda estamos no início dos dias de paralisação. Quero ver quando os animais de rua começarem a residir e a remexer ainda mais estes restos dos humanos! Que bela imagem que Lisboa está a passar em plena época festiva e com os turistas a andarem pelas suas avenidas a transformarem-se em pequenas lixeiras ao ar livre!

02
Mai13

Passeio ribeirinho de Lisboa


O Informador

Lisboa já tem um novo passeio ribeirinho, também apelidado como sendo a nova versão da Avenida Ribeira das Naus. Eu já passei por lá e gostei do espaço!

O Cais do Sodré e o Terreiro do Paço nunca tiveram tão bem unidos como o estão agora, isto porque além do novo passeio ribeirinho que une os dois locais, os visitantes podem ainda passar uns bons momentos na nova praia fluvial que foi criada. 

Eu, num dia reflectivo, passei por este novo passeio, onde também me sentei a olhar o horizonte para me ajudar nos pensamentos e gostei mesmo de estar em plena capital a sentir o cheiro marítimo, ouvir as pequenas ondas feitas através da passagem dos barcos e a observar as pessoas que por mim passavam nas suas vidas.

Sabe-se que estas mudanças para melhoria da zona ribeirinha de Lisboa vão continuar com as suas obras e depois da ligação do Cais do Sodré ao Terreiro do Paço, já se começaram a fazer alterações até Santa Apolónia.

Lisboa tem cada vez mais encanto e é pena os portugueses não darem valor ao que existe de tão bom e belo no nosso próprio país.

30
Dez12

Lisboa é linda!


O Informador

Sou português e vivo perto de Lisboa, como tal esqueço-me que a nossa capital é uma cidade linda que mete inveja a muitos europeus! A nossa Lisboa é linda!

As ruas e ruelas, os passeios e travessas, as igrejas e monumentos, os jardins e praças, o dia e noite, todo um conjunto de história do passado e do presente se reúne ao longo de Lisboa para nos dar, a nós portugueses, uma cidade linda que muitas vezes não sabemos apreciar.

Num passeio de tarde onde andei pela zona do Chiado, do Bairro Alto e Príncipe Real, comecei a olhar através de outro prisma, como bela é a nossa cidade mãe. Tudo é bonito, tudo se torna belo quando é visto como se de uma novidade se tratasse e não como se todos os dias víssemos tais locais. 

Internacionalmente gabam bem a nossa cidade lisboeta, enquanto nós só nos queixamos que tudo está mal e deixamos passar o que de bom existe no nosso próprio país. Damos muito mais destaque ao que é dos outros, do que ao nosso património e território que é tão ou mais belo que o de outrem.

Lisboa é linda e só tem que ser apreciada por quem passa pelas suas terras, através das suas ruas cheias de pessoas apressadas, estrangeiros dos descobrimentos e sem terra à procura de um refúgio.

Lisboa é linda e pronto!

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Segue-me...

Facebook ___________________________________________________________ Instagram ___________________________________________________________ Twitter ___________________________________________________________ Pinterest Visita o perfil de O Informador no Pinterest. ___________________________________________________________ Goodreads
Envelhenescer
Três Homens Num Barco
Confissões de Inverno
O Templário Negro
Larga quem não te agarra
As Desaparecidas
Sentir
A Livraria
A Magia do Acaso
Hotel Vendôme
A Química
Não Gosto de Segundas Feiras
___________________________________________________________ BlogsPortugal
___________________________________________________________ Bloglovin Follow _____________________________________________________

 Subscreve O Informador

Mensagens

Comentários Recentes

Atual Leitura

_________________________________________________________

Parceiros Literários

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Espaço Cultural

_______________________________________________