Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

Vencedores de Mais Respeito Que Sou Tua Mãe [25-06-2017]

1000x1450.jpg

Joaquim Monchique enche as salas de espetáculos por onde passa e ao celebrar os seus 30 anos de carreira, o ator resolveu recuperar alguns dos seus êxitos do passado para os voltar a apresentar ao público que tem seguido o seu trabalho. Após uma temporada de sucesso no Auditório dos Oceanos do Casino Lisboa, que termina este fim-de-semana, o espetáculo Mais Respeito Que Sou Tua Mãe não perderá o contacto com o público e logo a partir de dia 30 iniciará uma nova temporada pelo Teatro Villaret.

Como o que é bom é para ser visto até ao final e porque uma temporada agora termina para logo começar outro, tivemos três convites duplos para oferecer aos leitores do blog. A Marina Frias, a Maria Baião e a Paula Carvalho foram as vencedores dos bilhetes e irão ser contactadas para saberem como proceder para que o levantamento do seu prémio aconteça nas melhores condições!

Bilhetes para Mais Respeito Que Sou Tua Mãe [25-06-2017]

mais respeito que sou tua mãe.png

Os 30 anos de carreira de Joaquim Monchique estão a ser celebrados junto do público pelos palcos nacionais ao longo de 2017 e nada melhor do que voltar a apresentar e recuperar alguns dos seus êxitos dos últimos anos para apresentar junto dos espetadores. Neste momento e desde o dia 29 de Março que se encontra, com sessões esgotadas, no Auditório dos Oceanos no Casino Lisboa, a comédia Mais Respeito Que Sou Tua Mãe e não é que tenho novamente convites duplos para te oferecer para o próximo Domingo?!

Após ter visto esta nova versão do espetáculo, a Força de Produção dá-me a hipótese de presentear os leitores do blog com bilhetes para a sessão das 16h30 de Domingo, 25. Como podes ser um dos vencedores e passar umas horas em boa disposição com Joaquim Monchique e companhia? Ora vê o que se segue!

Vencedores de Mais Respeito Que Sou Tua Mãe [18-06-2017]

A completar 30 anos de carreira, Joaquim Monchique convida todo o público a assistir ao regresso dos seus espetáculos de maior sucesso dos últimos anos ao longo de 2017. Como tal neste momento encontra-se no Auditório dos Oceanos do Casino Lisboa com a comédia Mais Respeito Que Sou Tua Mãe onde no elenco constam os nomes dos jovens Tiago Aldeia, Rui Andrade e Rita Tristão da Silva, entre outros. 

Como vi já por duas vezes este espetáculo e acho que está muito bem conseguido, resolvi, em parceria com a Força de Produção, deixar o convite aos leitores do blog para participarem no desafio de poderem ganhar convites duplos para a sessão das 16h30 do próximo Domingo, 18 de Junho. Os sorteados através do sistema random.org e que irão receber email com as informações necessárias para poderem fazer o levantamento dos seus bilhetes nas melhores condições são a Anabela Carvalho, Isabel Lourenço e Carlos Ribeiro.

Bilhetes para Mais Respeito Que Sou Tua Mãe [18-06-2017]

1000x1450.jpg

Joaquim Monchique completa 30 anos de carreira e para celebrar junto do público esse marco que nem todos os artistas conseguem alcançar com sucesso, o ator recuperou alguns dos seus êxitos pelos palcos nos últimos anos. Neste momento e desde o dia 29 de Março que se encontra, com sessões esgotadas, no Auditório dos Oceanos no Casino Lisboa, a comédia Mais Respeito Que Sou Tua Mãe e não é que tenho convites duplos para te oferecer para o próximo Domingo?!

Após ter visto esta nova versão do espetáculo, a Força de Produção dá-me a hipótese de presentear os leitores do blog com bilhetes para a sessão das 16h30 de Domingo, 18. Como podes ser um dos vencedores e passar umas horas em boa disposição com Joaquim Monchique e companhia? Ora vê o que se segue!

Mais Respeito Que Sou Tua Mãe

mais respeito que sou tua mãe.png

Uns anos após a primeira temporada de sucesso de Mais Respeito que Sou Tua Mãe, Joaquim Monchique voltou a juntar o elenco onde aliou novos rostos para recuperar este espetáculo na altura em que completa 30 anos de carreira. Do Casino Estoril, onde mais de trinta e cinco mil espetadores assistiram, para o Auditório dos Oceanos do Casino Lisboa, Mais Respeito que Sou Tua Mãe voltou para reconquistar o público que continua a esgotar a sala sessão após sessão.

Numa renovada e reformulada versão, esta comédia familiar convida o espetador a divertir-se ao longo de duas horas com as peripécias de uma pobre família da Baixa da Banheira onde cada elemento tem as suas particularidades tão bem definidas que é impossível não gostar. Do avô que planta droga no quintal para consumir e vender aos netos adolescentes com ideias surreais sem esquecer o menino bonito da família e o pai benfiquista e conservador, encontramos-nos perante uma família onde a mãe Esmeralda é o centro da ação, onde tudo lhe cai em cima, dos problemas às notícias em primeira mão, sendo ao mesmo tempo a confidente e a fonte para resolver tudo o que acontece no seio familiar. 

Joaquim Monchique desempenha o papel de Esmeralda Bartolomeu e é assim o centro de toda esta divertida comédia que levou vários ajustes da versão de 2010 para esta renovada apresentação. Leve, descomplexada e critica, Mais Respeito Que Sou Tua Mãe é daqueles trabalhos que por muito que se veja, e eu vi a primeira temporada, não se deixa de querer voltar porque sempre dá para soltar umas boas gargalhadas graças a um texto bem preparado e a um elenco bem composto que consegue transformar uma conversa com piadas num momento bastante irreverente e que transmite ao público emoção. 

Antes da estreia assisti a uma entrevista de Monchique onde percebi que o ator e encenador viu o original na Argentina e não descansou enquanto não o conseguiu comprar no momento para o trazer até Portugal, tendo sido convidado a sair do teatro por estar a invadir áreas privadas. Mas o que é certo é que a adaptação foi conseguida naquele próprio dia e vários anos após a estreia nacional estamos de novo com a possibilidade de ver ou rever esta comédia que pode receber um público mais cabisbaixo mas tem o dom de colocar os ânimos para cima para que todos deixem a sala de espetáculos de sorriso no rosto. 

Bilhetes para A República das Bananas [29/04/2016]

a república das bananas.jpg

A República das Bananas invadiu o Teatro Politeama já uns meses e como o público adora os espetáculos com o selo de qualidade das Produções Filipe La Féria, a produção está para durar pelo palco lisboeta. Com o elenco composto por Rita Ribeiro, José Raposo, Anabela, Ricardo Castro, Paula Sá, Ricardo Soler, Bruna Andrade, João Duarte Costa, Patrícia Resende, Paulo Miguel e David Mesquita, esta é a revista à portuguesa de Filipe La Féria que marca a atualidade. Para que os leitores do blog possam assistir a esta verdadeira República das Bananas, eis um passatempo em dose bem alargada para todos! O Informador tem dez convites duplos para oferecer pelos próximos dias e num curto espaço de tempo aos participantes deste passatempo que queiram marcar presença na sessão de dia 29 de Abril, pelas 21h30!

É uma crítica mordaz e divertida ao Portugal de hoje. Pelo palco do Politeama serão passados em revista todos os acontecimentos deste ano, as figuras políticas e públicas mais engraçadas e controversas interpretadas por um elenco de estrelas onde La Féria junta actores consagrados à mais jovem e talentosa geração do novo teatro e musical português.

Este passatempo decorrerá até às 18h00 de 28 de Abril, Quinta-feira, e para se habilitarem a um dos bilhetes duplos que tenho para sortear só têm de:

  • Fazer Gosto na página de Facebook d' O Informador.
  • Partilhar este post, mencionando dois amigos nessa mesma partilha.
  • Preencher o formulário que se segue onde só é permitida uma participação por endereço de e-mail.

Bilhetes para A República das Bananas [06/04/2016]

a república das bananas.jpg

A República das Bananas invadiu o Teatro Politeama já uns meses e como o público adora os espetáculos com o selo de qualidade das Produções Filipe La Féria, a produção está para durar pelo palco lisboeta. Com o elenco composto por Rita Ribeiro, José Raposo, Anabela, Ricardo Castro, Paula Sá, Ricardo Soler, Bruna Andrade, João Duarte Costa, Patrícia Resende, Paulo Miguel e David Mesquita, esta é a revista à portuguesa de Filipe La Féria que marca a atualidade. Para que os leitores do blog possam assistir a esta verdadeira República das Bananas, eis um passatempo em dose bem alargada para todos! O Informador tem dez convites duplos para oferecer pelos próximos dias e num curto espaço de tempo aos participantes deste passatempo que queiram marcar presença na sessão do próximo dia 6, pelas 21h30!

É uma crítica mordaz e divertida ao Portugal de hoje. Pelo palco do Politeama serão passados em revista todos os acontecimentos deste ano, as figuras políticas e públicas mais engraçadas e controversas interpretadas por um elenco de estrelas onde La Féria junta actores consagrados à mais jovem e talentosa geração do novo teatro e musical português.

Este passatempo decorrerá até às 20h00 de 04 de Abril, Segunda-feira, e para se habilitarem a um dos bilhetes duplos que tenho para sortear só têm de:

  • Fazer Gosto na página de Facebook d' O Informador.
  • Partilhar este post, mencionando dois amigos nessa mesma partilha.
  • Preencher o formulário que se segue onde só é permitida uma participação por endereço de e-mail.

A República das Bananas

a república das bananas.jpg

As Produções Filipe La Féria voltam a encher a sala do Teatro Politeama com a revista A República das Bananas que há praticamente seis meses esgota cada sessão com o público que continua a vibrar com os espetáculos de um dos melhores produtores e encenadores nacionais. Repescando o género revisteiro há uns anos, La Féria entrou no espirito e parece não o querer largar tão cedo, visto o sucesso alcançando pelas últimas produções que pegam em rótulos sociais, política, desporto, temas atuais e história para elaborar o presente perfeito que é oferecido sessão após sessão pelo palco da sala de espetáculos lisboeta. 

Com um elenco encabeçado por Rita Ribeiro, José Raposo, Anabela e Ricardo Castro, em A República das Bananas atores, cantores e bailarinos cruzam-se cena a cena num formato que une a tradição da revista com o toque musical de que o produtor tanto gosta e bem. Com um texto prático e virado em diversos atos para o humor fácil e brejeiro que o público de La Féria gosta, a crítica e comentário social atual não são esquecidos para que a aproximação realidade/espetáculo exista. 

Do riso fácil às cenas pesadas misturadas com vários e talvez um pouco de mais momentos de canto, nesta recente produção existe espaço para tudo e todos. Dos portugueses que lideram o país à rainha mais popular do mundo, sem esquecer a líder da Alemanha e Jorge Jesus, são vários os rostos conhecidos retratados em cada ato para que o humor mordaz, ligeiramente ousado, eleve os aplausos do público que adora uma boa picada nos supostamente maus da fita da nação. 

Bilhetes para A República das Bananas [11/02/2016]

a república das bananas.jpg

As Produções Filipe La Féria enchem ano após ano a sala do Teatro Politeama e em 2016 a continuação dos sucessos em palco está para continuar pela mão do encenador dos grandes musicais e revistas à portuguesa. Em cena estão atualmente Tarzan e A República das Bananas há alguns meses, estando o público a aderir em massa aos dois espetáculos. Para que os leitores do blog possam ficar satisfeitos e possam assistir a um bom espetáculo, eis um passatempo que vos irá deixar com as bananas no pensamento durante uns dias! Quem quiser candidatar-se a um dos bilhetes duplos que tenho para oferecer da sessão de Quinta-feira, 11 de Fevereiro, pelas 21h30, para a produção que conta com Rita Ribeiro, José Raposo, Anabela, Ricardo Castro, Paula Sá, Ricardo Soler, Bruna Andrade, João Duarte Costa, Patrícia Resende, Paulo Miguel e David Mesquita no elenco, só tem de continuar a ler o que se segue...

É uma crítica mordaz e divertida ao Portugal de hoje. Pelo palco do Politeama serão passados em revista todos os acontecimentos deste ano, as figuras políticas e públicas mais engraçadas e controversas interpretadas por um elenco de estrelas onde La Féria junta actores consagrados à mais jovem e talentosa geração do novo teatro e musical português.

Este passatempo decorrerá até às 19h00 de 10 de Fevereiro, Quarta-feira, e para se habilitarem a um dos bilhetes duplos que tenho para sortear só têm de:

  • Fazer Gosto na página de Facebook d' O Informador.
  • Partilhar este post, mencionando dois amigos nessa mesma partilha.
  • Preencher o formulário que se segue onde só é permitida uma participação por endereço de e-mail.

Portugal à Gargalhada

Portugal à GargalhadaPortugal à Gargalhada é a nova revista de Filipe La Féria e pela sua primeira apresentação ao público tudo indica que o novo sucesso do Teatro Politeama está encontrado! Com um elenco com provas dadas pelo palco lisboeta pelos espetáculos anteriores e com texto de Helena Rocha e de La Féria, Portugal à Gargalhada está pronto para continuar o legado deixado pela Grande Revista à Portuguesa, o anterior espetáculo do encenador que esteve em cena.

Com Marina Mota, Joaquim Monchique, José Raposo e Maria João Abreu a encabeçarem um elenco composto também por Bruna Andrade, Filipe Albuquerque, David Mesquita, Paula Sá, Ricardo Soler e Paulo Miguel, em palco atores, cantores e bailarinos cruzam-se em variadas cenas de humor e sátira social. De Lisboa à Nazaré, os estilistas e os turistas, Portugal à Gargalhada tem o toque certo que o público fiel da sala gosta. Lembrando os nomes que deixaram marca em Portugal e que agora descansam pelo Panteão, passando pelos problemas da Troika e das Finanças nacionais e até falando do adeus que João Tordo fez ao país, La Féria optou por continuar com o formato de revista pelo espaço numa altura em que é necessário não arriscar para manter a boa adesão dos espetadores.

No total posso dizer que gostei, não tanto como tinha apreciado a Grande Revista à Portuguesa, no entanto e como assisti à primeira apresentação ao público, vejo que existem arestas para serem limadas pelos próximos tempos e que um ou outro ato têm, pelo menos deviam, de ser alterados por não conseguirem agarrar a atenção do público. Adorei a presença em palco de todo o elenco, principalmente a de Marina Mota que mostra que é a estrela da companhia, sempre com os pontos máximos do espetáculo entregues às suas interpretações que podiam não ter grande destaque, mas com o talento que lhes é imprimido, conseguem destacar-se sobre tudo o resto. Mas lá está, até aí existem arestas a serem limadas porque em determinados momentos existem muitas falas mortas e mal interpretadas pelo espetadores que não conseguem ficar agradados com o que é visto.

Portugal à Gargalhada terá um longo caminho pela frente pelo Teatro Politeama, sendo a típica revista à portuguesa, próxima dos tempos áureos dos espetáculos de Filipe La Féria onde os brilhantes, as plumas e os efeitos de palco faziam as delícias do público.

Em média gostei, podia estar melhor porque tenho assistido às produções do encenador e tenho que confessar que esta é das mais fracas, tendo um bom elenco, um guarda-roupa que surpreende pelas suas cores, mas falta algo pelo texto...

O que importa mesmo é que «venham à revista do Teatro Politeama» porque o espetáculo compensa e a magia da tradição nacional está à vista de todos!

O que vou ver hoje? Portugal à Gargalhada

Portugal à GargalhadaFilipe La Féria volta a abrir as portas do Teatro Politeama a partir de dia 23 com Portugal à Gargalhada, a nova loucura do produtor que sobe ao palco da sala lisboeta num espetáculo que une a grande revista à portuguesa com a sofisticação dos grandes musicais. Música, bailado, representação e humor estão de mãos dadas em Portugal à Gargalhada, o espetáculo que une várias estrelas dos palcos nacionais num só lugar. Eu não vou perder o sucessor de Grande Revista à Portuguesa e marcarei hoje presença na sua antestreia!

Da autoria de Helena Rocha e Filipe La Féria, que também encena e tratou da parte musical da sua nova aposta, este espetáculo que prenderá durante duas horas e meia o seu público às cadeiras da sala conta com Marina Mota, Joaquim Monchique, José Raposo e Maria João Abreu nos principais papéis, encabeçando um elenco já conhecido dos espetadores habituais do Politeama. Com Paula Sá, Ricardo Soler, Filipe Albuquerque, Bruna Andrade, David Mesquita e Paulo Miguel, todos jovens cantores e atores com provas dadas pelos palcos nacionais, Portugal à Gargalhada tem ainda Marco Mercier como responsável pela coreografia, o maestro Mário Rui como diretor musical, Nuno Guerreiro como assistente de encenação e Tiago Isidro como diretor vocal do espetáculo.

Hoje marcarei presença na grande sala da baixa de Lisboa e logo que possível revelarei a minha opinião sobre o espetáculo que vai colocar Portugal a gargalhar pelos próximos tempos.

Vencedores do Passatempo – Grande Revista à Portuguesa [10ªEdição]

O Informador lançou pela décima vez um passatempo para atribuir bilhetes duplos do espetáculo Grande Revista à Portuguesa, em cena no Teatro Politeama há vários meses e com estadia prolongada pelo mês de Fevereiro. Chegou agora a altura de revelar a lista dos vencedores que irão poder ver, no dia de hoje, 6, pelas 21h30, esta produção de Filipe La Féria.

Eis os nomes dos cinco comentadores mais rápidos e que agarraram assim a oportunidade de poderem estar na sala lisboeta a assistirem ao espetáculo encabeçado por João Baião, Marina Mota, Ricardo Castro, Rui Andrade e Vanessa Silva, estando Maria Vieira afastada por tempo indeterminado do palco do Politeama devido a um acidente rodoviário onde partiu duas costelas.

Lucia Amaro

Vanda Dias

Joana Louro

Helena Isabel

Tiago Pina

Parabéns aos quinteto vencedor e um bom espetáculo a todos! Quanto aos leitores que também queriam ter tal oportunidade, fiquem atentos porque em breve novos passatempos teatrais, e não só, irão surgir!

Mais sobre mim

foto do autor

Pesquisar

 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Segue-me...

Facebook ___________________________________________________________ Instagram ___________________________________________________________ Twitter ___________________________________________________________ Pinterest Visita o perfil de O Informador no Pinterest. ___________________________________________________________ Goodreads
Envelhenescer
Três Homens Num Barco
Confissões de Inverno
O Templário Negro
Larga quem não te agarra
As Desaparecidas
Sentir
A Livraria
A Magia do Acaso
Hotel Vendôme
A Química
Não Gosto de Segundas Feiras
___________________________________________________________ BlogsPortugal
___________________________________________________________ Bloglovin Follow _____________________________________________________

 Subscreve O Informador

Mensagens

Comentários recentes

Atual Leitura

_________________________________________________________

Parceiros Literários

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Espaço Cultural

_______________________________________________