Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

13
Nov13

Condutor sem álcool! Como?


O Informador

Jantar com festejos é também sinónimo de beber uns copos a mais, ainda por cima quando se segue uma saída entre amigos! Pelo caminho e quase a chegar a casa, a brigada de trânsito manda parar e soprar o balão! O que aconteceu depois? A surpresa!

Quando vi o sinal luminoso na mão do senhor guarda logo percebi que ia ser mandado parar, tal como aconteceu! Parei o veículo, foram-me pedidos os documentos, saí do carro, soprei o balão e foi-me perguntado se tinha ingerido bebidas alcoólicas, respondi com a verdade e disse que sim, que há um bocado tinha bebido um pouco. Com isto, o guarda que me fez soprar o balão virou o aparelho para mim e... 0,00!

Pediu-me a carta de condução para anotar os dados para as estatísticas, desejo-me boa viagem e segui caminho!

Já tinha sido mandado parar várias vezes, sempre soprando o balão, mas sem álcool no sangue! Desta vez foi diferente, mas tudo aconteceu como se não tivesse bebido!

Ou o aparelho estava avariado ou então tive os meus minutos de sorte! Yupi!

17
Jul13

Curiosidades de uma imagem


O Informador

A Vida no CéuExistem imagens e imagens, não é verdade? Esta, que foi tirada e depois preparada por mim sobre o livro A Vida no Céu de José Eduardo Agualusa fez-me perceber que existem coisas que não acontecem por acaso e que se unem por si só.

Passo a explicar, e aqui não falo da história do livro, mas sim só do que pode ser visto na capa e através do seu título. As palavras Vida e Céu aparecem nesta capa e assim do nada decidi colocar o livro encostado a este boneco de louça que me foi oferecido pelos meus avós maternos e que tenho no quarto. Eles já não estão entre nós com Vida, estando ambos juntos no Céu a olhar por quem mais amaram ao longo das suas passagens por aqui. Encostei este livro a uma peça que me foi oferecida por quem sei que me amou por ser seu neto. Não o fiz de todo com intenção e só percebi este acaso quando estava a trabalhar esta imagem e a passá-la para o computador.

Depois e já mais tarde ao olhar para a capa do livro lembrei-me... Há dias lancei os meus primeiros balões de São João e qual a imagem que aparece por aqui? Um rapaz a olhar para o céu para balões de ar, não são os dos Santos Populares, mas são balões que andam por aí!

Não, ainda não contei tudo! Este livro foi escolhido para ser lido ao longo deste mês porque decidi integrar um Clube de Leitura e sabem quantos somos neste primeiro encontro? Três pessoas! Quantos balões aparecem na imagem? Isso mesmo!

Tanta coincidência numa só imagem que até parece que não existem mesmo coincidências!

01
Jul13

Balão de São João


O Informador

São João em AlenquerO São João já passou, mas os festejos acontecem quando uma ou mais pessoas querem e como tal, em dia de aniversário, a menina de amarelo decidiu lançar balões de São João e todos tivemos direito a pedir os nossos desejos para os próximos tempos.

Os balões de São João são conhecidos por serem um dos atrativos de celebração da zona Norte do nosso país e como todos gostamos de experimentar as tradições dos outros, desta vez calhou-nos a nós recorrer ao belo do balão. Eu pedi o meu desejo que espero que se concretize e sei que todos tiveram em mente os seus.

Nunca tinha feito este lançamento e foi engraçado ver as nossas reacções quando os balões foram pelos ares fazendo com que andássemos a correr para sabermos até onde o vento levava os nossos balões de São João, existindo até o momento dos aplausos na hora do voo.

Os nossos festejos populares acontecerem desta forma, juntando-se a um aniversário caseiro! Gostei!

Umas curiosidades...

Eram quatro balões e só os dois últimos conseguiram sobreviver pelos céus de Alenquer.

Esta imagem é a do último balão que foi, imagine-se, lançado perto do portão do cemitério. O balão voou e entrou pela área religiosa, mas algo fez voltar a sua direcção no outro sentido e lá foi ele à sua vida.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Segue-me...

Facebook ___________________________________________________________ Instagram ___________________________________________________________ Twitter ___________________________________________________________ Pinterest Visita o perfil de O Informador no Pinterest. ___________________________________________________________ Goodreads
Envelhenescer
Três Homens Num Barco
Confissões de Inverno
O Templário Negro
Larga quem não te agarra
As Desaparecidas
Sentir
A Livraria
A Magia do Acaso
Hotel Vendôme
A Química
Não Gosto de Segundas Feiras
___________________________________________________________ BlogsPortugal
___________________________________________________________ Bloglovin Follow _____________________________________________________

 Subscreve O Informador

Mensagens

Comentários Recentes

Atual Leitura

_________________________________________________________

Parceiros Literários

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Espaço Cultural

_______________________________________________