Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

01
Dez17

Vencedores dos convites duplos para A Bela e o Monstro [02.12.2017]


O Informador

a bela e o monstro.png

Recentemente estreada uma nova temporada do musical A Bela e o Monstro no Auditório do Casino Estoril, o público está assim de novo convidado a assistir a este espetáculo que tem agradado a miúdos e graúdos ao longo dos quatro anos em que já se encontra em cena e em digressão pelo país. Agora e porque é Natal, as personagens conhecidas de todos nós voltaram aos arredores da capital e aqui pelo blog estiveram dois convites duplos disponíveis para oferecer a quem se inscreveu no desafio que agora termina. 

Sorteados de forma aleatória através do sistema random.org, Liliana Sá e Susana Simões foram as vencedoras dos convites duplos destinados à sessão das 11h00 de Sábado, 02 de Dezembro. As vencedoras irão assim ter a oportunidade de assistir a este espetáculo que conta com a interpretação de Mara Prates, Luis Pacheco, Jorge Kapinha, Mafalda Teixeira, Patricia Candoso, Diogo Garcia, Anilson Eugénio, José Nuno e Júlio Mesquita num texto adaptado por Paulo Sousa Costa e encenado por João Didelet. 

25
Nov17

Convites duplos para A Bela e o Monstro [02.12.2017]


O Informador

a bela e o monstro.png

Miúdos e graúdos viajam pela fantasia dos contos de fadas e A Bela e o Monstro é um bom exemplo disso. Do ecrã para os palcos nacionais, chegou há uns anos a Portugal o musical que tem encantado o público ao longo de várias temporadas de sucesso com sessões esgotadas e neste final de 2017 tal sucesso continua. 

Em cena no Auditório do Casino Estoril, o musical A Bela e o Monstro já voltou a fazer as delícias do público que tem visto ou revisto este espetáculo onde a magia acontece. Com produção a cargo da Yellow Star Company, adaptação de Paulo Sousa Costa, encenação de João Didelet e com Mara Prates, Luis Pacheco, Jorge Kapinha, Mafalda Teixeira, Patricia Candoso, Diogo Garcia, Anilson Eugénio, José Nuno e Júlio Mesquita a comporem o elenco, todos estão convidados a assistir a este mega sucesso dos palcos nacionais onde ninguém fica indiferente. 

Para que todos tenham a oportunidade de assistir a esta produção, eis que tenho dois convites duplos para sortear, de forma aleatória através do sistema random.org, aos leitores do blog que tentarem a sua sorte, para a sessão de dia 02 de Dezembro, pelas 11h00. 

24
Nov17

Vencedores dos convites duplos para A Bela e o Monstro [26.10.2017]


O Informador

a bela e o monstro.png

O musical A Bela e o Monstro está de volta aos palcos nacionais após as últimas temporadas de sucesso com sessões esgotadas. Com a finalidade de encantar miúdos e graúdos, a Yellow Star Company volta assim a apostar nesta produção de sucesso, desta vez no Auditório do Casino Estoril e a magia acontece assim de novo para quem quiser ver ou rever este belo espetáculo que já vi e recomendo. 

O elenco desta nova temporada é composto por Mara Prates, Luis Pacheco, Jorge Kapinha, Mafalda Teixeira, Patricia Candoso, Diogo Garcia, Anilson Eugénio, José Nuno e Júlio Mesquita, estando a adaptação e encenação a cargo de Paulo Sousa Costa e João Didelet, respetivamente. 

De 23 de Novembro a 17 de Dezembro A Bela e o Monstro tem assim presença marcada pela sala já mencionada, mas foi para o próximo Domingo, 26 de Novembro, sessão das 11h00, que aqui pelo blog estiveram dois convites duplos em jogo para serem selecionados junto dos visitantes d' O Informador que tentaram a sua sorte e participaram neste passatempo. 

14
Nov17

Convites duplos para A Bela e o Monstro [26.10.2017]


O Informador

a bela e o monstro.png

Mais um ano e uma nova temporada do musical de sucesso A Bela e o Monstro estreia para alegrar pequenos e graúdos ao longo de várias sessões do espetáculo que encanta o público pela magia tão bem conhecida de uma das melhores histórias de sempre.

De novo através da Yellow Star Company, este espetáculo, que já vi, volta assim a enfeitiçar o público que se dirigir até ao Auditório do Casino Estoril de 23 de Novembro a 17 de Dezembro para aplaudir este conto de fadas. Uma história que já foi adaptada inúmeras vezes e que reflete o Amor transmitido e vivido pelos sentimentos, deixando as aparências de lado.

Jeanne-Maria LePrince de Beaumont editou em 1756 A Bela e o Monstro e em pleno 2017 Paulo Sousa Costa e João Didelet adaptam e encenam este sucesso onde contam com Mara Prates, Luis Pacheco, Jorge Kapinha, Mafalda Teixeira, Patricia Candoso, Diogo Garcia, Anilson Eugénio, José Nuno e Júlio Mesquita num elenco que pretende surpreender quem se quiser deixar conquistar por este musical memorável. 

Para vos abrir o apetite tenho dois convites duplos para vos oferecer destinados à sessão de dia 26 de Novembro, Domingo, pelas 11h00!

11
Ago17

À Conversa com… Diogo Garcia


O Informador

diogo garcia 1.jpg

Diogo Garcia já fez cinema e televisão mas é no teatro onde pode ser visto com maior frequência, fruto do amor pela arte e das oportunidades que têm surgido na sua carreira. Com espetáculos para miúdos e graúdos no processo de crescimento enquanto ator, este jovem ainda tem muito para percorrer no mundo da representação onde cada momento serve para ajudar a ganhar conhecimento e criar laços que ficam para a vida.

Convido-vos a conhecer um pouco do seu percurso e dos projetos que mais marcaram o Aladino dos palcos nacionais!

diogo garcia.jpg

Gostaria que o Diogo se apresentasse ao público em geral que ainda não teve contacto com o seu trabalho.

Ora bem... Então o Diogo é um rapaz cheio de sonhos, um ator com uma maluqueira saudável em palco e na vida, por vezes em excesso, que preza a verdade em cena e fora dela.

 

Atualmente tem sido uma presença assídua dos palcos nacionais, mas até atingir o início de um sonho, que caminhos foram percorridos?

(Assídua acho exagerado) Foram audições em cima de audições, muitos "não", trabalhos fora da área, muito estudo, muitas alegrias e pouco choro, mesmo em situações de maior aperto. A persistência é o fator essencial e a sorte dá trabalho. Não tive medo de "bater à porta" e dizer "Olá, sou ator e estou disponível para trabalhar". Com o tempo aprendi a ter "lata".

06
Abr17

A Bela e o Monstro


O Informador

a bela e o monstro

Um clássico Disney que agora ganhou um remake onde atores reais se encontram envolvidos com a criação perfeita de cenas e personagens computorizadas tão reais que levam esta nova película a quase atingir a magia do primeiro amor que o público tem para com A Bela e o Monstro. Costuma-se dizer que não há amor como o primeiro e neste caso e por muito bem feita que esta nova versão esteja, obedecendo bastante ao original, não consegue chegar aos encantos a que assisti em pequeno. 

Uma história intemporal e que ultrapassa gerações volta a espalhar magia convidando os espetadores a circularem pelas escadarias e salas do castelo para (re)viverem uma grande história de amor entre uma jovem inspiradora e apaixonada por literatura e um príncipe amaldiçoado. Este é daqueles contos que em livro, em filme animado, teatro ou agora em versão cinematográfica real consegue sempre emocionar, dado o envolvimento que A Bela e o Monstro vão criando ao longo de todos os desafios que lhes vão sendo colocados. A capacidade de transformação de um ser magoado para com os cuidados de outro para que se consigam criar elos de ligação, primeiro para se descobrir quem está do outro lado e depois porque o coração fala mais alto e percebe que a paixão não surge por um rosto bonito, mas sim pela demonstração do carácter que está tanta vezes por detrás de um corpo que nada nos diz e que com o tempo se mostra um ser encantador e perfeito. 

Emma Watson pelas primeiras cenas parece ausente da personagem mas assim que se vê confrontada com o Mostro protagonizado por Dan Stevens consegue mostrar que agarrou a sua Bela como era pedido, tendo uma presença ascendente ao longo de toda a história. Já no que toca a Stevens, acredito que teriam conseguido ter um outro rosto a dar vida a este príncipe que em formato Monstro convence bastante mas depois os poucos minutos em que fica de rosto limpo acaba por desiludir pela ingenuidade que acabou por dar à personagem. De resto, não existem oscilações de casting e nota-se que a intenção era mesmo surpreender com o trabalho de equipa onde os mágicos cenários e as personagens não humanas criam a verdadeira ilusão para a fantasia que depois acontece no final quando todo o elenco surge a celebrar o amor. 

Um filme com maior duração que o original para explicar o passado familiar de ambas as personagens e também pormenores que na versão animada e mais virada para o público infantil passam despercebidos mas que agora já deixariam dúvidas acerca de determinadas atitudes, dando também para perceber o cuidado com vários problemas sociais, como é o caso da homossexualidade e do racismo, com a presença de personagens que mostram que a realidade existe e não há que ser omitida no cinema. 

Um filme para ver ou na maioria dos casos rever mas que não consegue tirar a magia do verdadeiro, do original, aquele que nos ficará para sempre na memória e que os mais novos que só estão a ter o seu primeiro contacto com A Bela e o Monstro agora devem ver porque não se conseguirá fazer melhor, por muito que se tente, do encanto que foi criado com aquela película animada.

Sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • O Informador

    Preferem sempre fazer mais do mesmo do que criar a...

  • marta-omeucanto

    Tendo como exemplo a minha mãe que, passando as ta...

  • O Informador

    Nunca apanhaste um “sem filtro” a passar pelo teu ...

  • David Marinho

    Eu recebo os posts por email. Acabo por filtrar e ...

  • O Informador

    Nem mais! O problema é que no dia-a-dia essas pess...

Mensagens

Pesquisar

Segue-me...

Facebook ___________________________________________________________ Instagram ___________________________________________________________ Twitter ___________________________________________________________ Pinterest Visita o perfil de O Informador no Pinterest. ___________________________________________________________ Goodreads
Envelhenescer
Três Homens Num Barco
Confissões de Inverno
O Templário Negro
Larga quem não te agarra
As Desaparecidas
Sentir
A Livraria
A Magia do Acaso
Hotel Vendôme
A Química
Não Gosto de Segundas Feiras
___________________________________________________________ BlogsPortugal
___________________________________________________________ Bloglovin Follow _____________________________________________________

 Subscreve O Informador