Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

Reality shows: Anónimos ou Famosos

14.07.13Publicado por O Informador

O nosso país já viu vários reality shows serem transmitidos, seja pelos canais generalistas ou de cabo, e se uns levam os famosos, ou pelos menos conhecidos para dentro de uma casa, uma quinta ou para o deserto, também existem os mesmos formatos mas protagonizados por pessoas até então anónimas e desconhecidas do grande público. Quais os melhores concorrentes e quais as diferenças que famosos e anónimos podem ter para que os programas da vida real resultem melhor ou pior?

A minha escolha em termos de reality show é com anónimos. Nos primeiros dias do programa o público não adere tanto ao seu visionamento por não conhecer os concorrentes e por não existir tanto interesse para saber como a pessoa x ou y vive com os outros, mas aos poucos os programas que transformam pessoas comuns e sem destaque social em famosos começa a ganhar pontos porque este tipo de concorrentes não tem uma reputação a manter, como tal, eles podem discutir, beijarem-se, fazer birras, zangarem-se em alto e bom som porque não são cantores, não são atores e não têm uma carreira de destaque fora do jogo, mas pretendem ser conhecidos e dar nas vistas, como tal, tudo pode valer na prestação de um anónimo ao longo da sua estadia neste tipo de formatos porque não existe nada a esconder e tudo pode ser contado, revelado e ser feito para se ser o melhor.

Pelo contrário, os famosos, embora consigam conquistar mais rapidamente o público para ver o programa nos primeiros dias, depressa caiem no ridículo de não serem eles próprios porque existe uma imagem a manter, aquela que todos têm dessa pessoa até então e que não pode ser manchada com a sua entrada nestes programas. Os famosos não se revelam totalmente e escondem o que sentem e o que querem dizer para não se queimarem, tal como a produção que não passa tudo o que poderia passar porque os contratos assim o exigem. Os conhecidos têm que entrar e sair como estrelas e não podem sair machucados, ao contrário dos outros, onde se mostra tudo o que fazem e dizem.

Eu adoro ver programas da vida real e não escondo isso, como fazem muitos dos portugueses, no entanto, prefiro muito mais ver um reality show protagonizado por anónimos do que por famosos. Parece-me que são muito mais genuínos e não se escondem atrás de máscaras por tanto tempo, porque o que são revela-se rapidamente, ao contrário dos outros que além de mostrarem só um pouco de si, ainda têm a ajuda da produção para a sua protecção de imagem!