Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

Radar da vizinha

03.06.13Publicado por O Informador

E lá está! Eu vou a sair ou a entrar em casa e tenho que ver sempre a minha vizinha que dá conta de tudo o que se passa por este prédio e pelas suas redondezas. Ela não deixa escapar nada e sei que se lhe for perguntar se X ou Y estão em casa ela tem a resposta na ponta da língua, pelo menos em relação a mim ela sabe bem se estou ou não dentro da minha habitação.

Isto é que me mete uns nervos! Saio de manhã para ir trabalhar e lá tenho que lhe dar os «bons dias» porque ela já anda de regador na mão a rondar as suas plantas. Chego há hora a que chegar ao longo do dia e lá anda ela pelo quintal a cuidar dos seus pássaros, a estender a roupa ou a olhar simplesmente pelo vazio que é a sua vida.

Não há volta a dar e sei que só me vou livrar deste radar ambulante quando mudar de casa ou ela o resolver fazer, mas não me parece que esta hipótese esteja em cima da mesa, por isso tenho que me mudar eu. Ela dá fé de tudo e se acha que algo está a fugir do normal vai logo ao café mais próximo contar as movimentações estranhas que se passam por aqui ou por acolá.

Irra que não existe vida própria por aquelas bandas e depois teima em ser o agente de controlo aqui da malta!