Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

Presentes em segunda mão

Existem mesmo pessoas capazes de tudo, até de atribuírem presentes em segunda, terceira ou quarta mão no Natal! Conheço quem o faça praticamente à descarada e quando fingem não perceber que isso acontece!

Ao longo do ano a moça pede tudo e mais alguma coisa aos outros que podem ter em casa o que não necessitam, dando a desculpa que é para oferecer a instituições e aos mais carenciados da sua zona. No Natal e aniversários essas mesmas coisas surgem embrulhadas dentro de um saco como oferta para alguém. O pior desta situação é quando a dita pedinchona que faz assim uma selecção do que lhe deram para os supostos actos de solidariedade se engana e oferece algo a um conhecido de quem lhe deu a peça. 

Sim, existem pessoas capazes disto e muito mais! Tantas coisas poderia contar sobre este tema, mas faço agora aqui um resumo rápido... Roupa antiga que se oferece no Natal, sem etiqueta de origem mas com uma etiqueta de outra marca presa na peça. Sais de banho que uma outra pessoa tinha oferecido, atribuindo o seu antigo presente a outro ser. Botas gastas mas dentro de uma caixa como se fossem novas. Bombons quase fora de prazo porque existiam muitos lá por casa. Cremes já com umas boas mexidas. Ui, tanta coisa poderia ainda acrescentar...

O cúmulo disto é que essa mesma pessoa consegue nas semanas antes do seu aniversário e do Natal fazer um peditório sobre o que gostava de receber como presente, uma coisa nova, claro. As burras que sabem de tudo caem na esparrela e compram o que lhes é pedido de forma indirecta. Será isto normal? Não é de nenhuma das partes, mas acaba por ser um bom assunto de conversa e diversão por existirem bons momentos de gozo por detrás de todas estas histórias infelizes de alguém que quer ter tanta atenção dos outros que acaba por cair no ridículo em menos de nada!

8 Comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Pesquisar

 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Segue-me...

Facebook ___________________________________________________________ Instagram ___________________________________________________________ Twitter ___________________________________________________________ Pinterest Visita o perfil de O Informador no Pinterest. ___________________________________________________________ Goodreads
Envelhenescer
Três Homens Num Barco
Confissões de Inverno
O Templário Negro
Larga quem não te agarra
As Desaparecidas
Sentir
A Livraria
A Magia do Acaso
Hotel Vendôme
A Química
Não Gosto de Segundas Feiras
___________________________________________________________ BlogsPortugal
___________________________________________________________ Bloglovin Follow _____________________________________________________

 Subscreve O Informador

Mensagens

Comentários recentes

Atual Leitura

_________________________________________________________

Parceiros Literários

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Espaço Cultural

_______________________________________________