Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

O Quarto de Jack

11.12.13Publicado por O Informador

O Quarto de JackJack, a criança que nasceu e viveu até aos cinco anos fechado num quarto onde aprendeu as primeiras leis da vida, achando que ali estava o mundo, conquistou-me. Emma Donoghue, a autora de O Quarto de Jack, bateu nos pontos fortes que esta obra poderia ter e não deixou nada de lado, tendo-me deixado rendido a esta pequena criança que mostrou como com pouco se pode ser feliz.

Este livro que há muito já me vinha a piscar o olho foi um dos melhores que li porque além da sua história, que consegue aproximar o coração de qualquer um, a forma como tudo é descrito e contado por um pequeno ser que vive bem com o que tem, sem conhecer a verdadeira realidade, marca. Jack nasceu preso e viveu os seus primeiros anos de vida dentro de um cubículo ao lado da mãe e tudo parece mágico aos olhos desta criança que brinca, desenha, conversa, sonha, pensa e tem noções acima da realidade para a sua idade. Depois e com a passagem para o mundo exterior, através da libertação, as descobertas acontecem e é tão bom imaginar como o desconhecido é visto aos olhos deste ser especial que todos passam a conhecer devido à sua trágica história. O mundo exterior ao do seu quarto é visto de uma forma soberba aos olhos de Jack que aos poucos vai perdendo o medo da entrega aos outros e perante os desafios que lhe vão sendo impostos socialmente.

Emma Donoghue conquistou-me do início ao fim com este seu livro e passou a ter um lugar de destaque nas minhas preferências literárias. O Quarto de Jack é um livro que prende, conquista, emociona e deixa qualquer um sonhar através de uma história de vida que podia ser bem real. Os maus existem e este Jack viveu com essa maldade por perto sem se aperceber!

Um livro raro e com um poder de conquista absoluto!

Sinopse: Original, poderoso e soberbo, Jack é inesquecível: a coragem e o imenso amor numa história perturbante contada pela voz da inocência.
Para Jack, de cinco anos, o quarto é o mundo todo. É onde ele e a Mamã comem, dormem, brincam e aprendem. Embora Jack não saiba, o sítio onde ele se sente completamente seguro e protegido, aquele quarto é também a prisão onde a mãe tem sido mantida contra a sua vontade. Contada na divertida e comovente voz de Jack, esta é uma história de um amor imenso que sobrevive a circunstâncias aterradoras, e da ligação umbilical que une mãe e filho.O quarto é um lugar que nunca vai esquecer; o mundo é um sítio que nunca mais olhará da mesma maneira.
 
Finalista do Man Booker Prize 2010Finalista do Orange PrizeNew York Times 10 Best Books 2010Washington Post Top 10 Books – 2010New York Times 100 Notable Books 2010Barnes & Noble Best Books – 2010Hudson Booksellers Best Fiction – 2010