Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

O livro de Fernanda Serrano

19.05.13Publicado por O Informador

Fernanda Serrano lançou um livro sobre o que passou na fase em que teve cancro da mama e como o ultrapassou, mostrando o que lhe deu forças para lutar contra a doença e para estar hoje feliz ao lado da sua família que sempre a apoio. Os autores de seu nome, que não gostam de ver pessoas famosas intrometerem-se na literatura, depressa surgiram com as suas críticas, para mim, mais viradas para a inveja sobre o sucesso que Também Há Finais Felizes tem vindo a ter junto do público.

Pelas redes sociais de várias escritores nacionais tem sido possível verem-se várias críticas diretas, e quando não o fazem, lançam a questão sobre como o que Fernanda Serrano escreveu tem estado no top das escolhas dos leitores nacionais desde que foi publicado, para que os seus seguidores falem e defendam estes autores incompreendidos.

Fernanda é conhecida do público, falou de um caso pessoal que enfrentou e que todo o público que a vê na televisão foi acompanhando pela imprensa e tocou num assunto que incomoda sentimentalmente muitas pessoas porque nunca se sabe se um dia não se vai enfrentar situação semelhante há da atriz.

O que os ditos autores têm estado a fazer com estas críticas invejosas só mostra que como não conseguem atingir os lugares cimeiros assim tão facilmente com o seu trabalho, tudo o que lá chega vindo de fora é mau. Lembro-me que quando foi publicado com sucesso o livro O Céu Existe Mesmo também existiram tantas críticas que não percebiam como aquele livro estava na preferência dos leitores, perguntando-se indirectamente porque os seus não estavam nessas escolhas...

Fernanda Serrano escreveu, lançou o seu livro com o apoio da Oficina do Livro, a TVI, canal para o qual trabalha, tem ajudado na promoção do mesmo, e tudo tem sido feito para que esteja a ser um sucesso de vendas. Eu não comprei e não o deverei comprar porque não entra dentro das minhas preferências literárias, mas compreendo este sucesso, não percebendo é a inveja de quem escreve que tem estado com tanta comichão alérgica a estas vendas e aos tops das livrarias.

1 Comentário

Comentar Post