Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

01
Fev13

Bruno Nogueira, és o elo mais fraco!


O Informador

Alguns dos humoristas em Portugal têm feito a sua carreira através do gozo e da laracha fácil sobre os outros, mas por vezes o feitiço vira-se contra o feiticeiro para com essas mentes que se dizem brilhantes.

Apetece-me falar de Bruno Nogueira, o fantástico cérebro do programa da RTP, Odisseia, isto porque depois de andar a fazer vários programas onde acrescenta rótulos aos outros e de atirar piadas fáceis para o seu público fiel, agora parece que o feitiço se virou contra o feiticeiro. 

Com a criação de Odisseia, que só podia ter mesmo aparecido de um cérebro que se acha brilhante e que nunca achei piada, as criticas têm surgido. O formato é uma série sem nexo, onde o seu protagonista se quer mostrar como o conquistador com piada. Neste formato, que a RTP deu luz verde e autonomia para ser criado e colocado no lugar do desvalorizado pela direcção do canal, Estado de Graça, Bruno Nogueira convidou alguns amigos para partirem à aventura. Mas as coisas são tão más, mas tão más neste programa que acabam por afugentar quem passa por esta mistura de cenas, textos e gente rídicula.

A maioria dos críticos não tem deixado espaço para se dizerem coisas positivas sobre o programa e quem o diz é porque deve ser amigo ou tem algo a ganhar com isso. A par disso, o público já mostrou rejeitar esta aposta e mesmo as pessoas do mundo televisivo já deixam escapar comentários sobre o mau programa que é Odisseia.

Bruno Nogueira sempre se achou o senhor que consegue fazer coisas engraçadas e rebuscadas e embora eu nunca tenha achado graça a nada, até o compreendo, porque se tem que ser bom em algo e quando isso não acontece temos que nos valorizar, não é?

Odisseia foi mesmo o último tiro no pé que o humorista deu. Espera-se que exista bom senso para se terminar com este mau projeto o mais rápido possível porque na RTP não se tem que assistir a tudo, muito menos fazer as vontades a quem pode fazer birra!

Não compreendo como se deixa arrancar com programas deste tipo num canal generalista quando existem tantas coisas que podem ser transmitidas e outros formatos de que o público gosta e adere são retirados do ar.

Ainda se o Bruno fizesse caso das críticas que se fazem sentir, mas o pior é que me parece que mesmo ouvindo, sentindo e lendo ainda vai pensar... «eles gostam mesmo desta minha ideia brilhante, para falarem dela, é porque sou mesmo bom nisto».

Enfim, uma Odisseia foi criada sem nexo nenhum, mas com muita auto-estima do seu autor. Este país vai de mal a pior! Esta aposta nem num canal de cabo seria certeira, enfim...

4 comentários

Comentar Post

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Segue-me...

Facebook ___________________________________________________________ Instagram ___________________________________________________________ Twitter ___________________________________________________________ Pinterest Visita o perfil de O Informador no Pinterest. ___________________________________________________________ Goodreads
Envelhenescer
Três Homens Num Barco
Confissões de Inverno
O Templário Negro
Larga quem não te agarra
As Desaparecidas
Sentir
A Livraria
A Magia do Acaso
Hotel Vendôme
A Química
Não Gosto de Segundas Feiras
___________________________________________________________ BlogsPortugal
___________________________________________________________ Bloglovin Follow _____________________________________________________

 Subscreve O Informador

Mensagens

Comentários Recentes

  • Anónimo

    Caro Informador, espero que seja um bom elemento ...

  • O Informador

    Deveríamos convidar os nossos queridos deputados a...

  • O Informador

    Um Primeiro-Ministro a fazer figura de parvo ao te...

  • Anónimo

    Com todo o respeito que tenho pelos animais, que é...

  • Maria

    Concordo em absoluto contigo!Fartei-me de refilar ...

Atual Leitura

_________________________________________________________

Parceiros Literários

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Espaço Cultural