Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

A Teresa merecia mais!

30.08.14Publicado por O Informador

De há umas semanas para cá Teresa Guilherme e Isabel Silva têm sido as apresentadoras residentes das tardes de Sábado da TVI com o programa Juntos no Verão. Se na altura da estreia afirmei que o formato foi uma melhor aposta que os seus antecedentes Não Há Bela Sem João e Mais Vale à Tarde do que Nunca, agora comento que a Teresa merecia mais e melhor no que toca à condução de um talk show!

É certo que o programa acaba por ter mais conteúdo que os formatos anteriores do mesmo horário, agora ver a rainha dos reality shows a dizer ao longo de quatro horas o 760 um sem número de vezes é mau demais! A Teresa merece ter um programa semanal ou diário de conversa e nota-se que se sente confortável neste tipo de formatos não ficando exclusivamente agarrada ao Secret Story e afins, agora também não lhe coloquem um discurso telefónico tão degradante como o que tem acontecido.

Dez minutos de conversa, 760, mais dez minutos de jogatanas e lá regressa o 760... Tenham dó, não?! Existe conteúdo, a parceria entre famosos e anónimos corre bem e as surpresas para com o público tem vindo a acontecer, o que é mesmo necessário em Juntos no Verão é deixar as mais variadas tentativas de apelo às chamadas de lado e conseguirem ocupar esse tempo com mais conversas e ajudas a instituições e famílias carenciadas.

Os programas que vivem do dinheiro gasto com as ditas chamadas de valor acrescentado são cada vez mais e enjoam por não conseguirem estar mais de dez minutos sem apelarem aos números já decorados pelos telespetadores diários dos vários canais. A Teresa não merece isto e quando pediu um programa deste tipo não quereria de certeza ter tanto conteúdo impróprio nele inserido.

Ao que parece com o regresso do Secret Story o Juntos no Verão irá terminar mas quase de certeza que outro formato com ou sem Teresa Guilherme irá ser colocado no seu lugar e com consequentemente o 760 tão famoso em Portugal. Irra que o que é demais enjoa!