Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

Curtas e Diretas | 127 | Goucha

04.03.18Publicado por O Informador

Manuel Luís Goucha estreou-se brilhantemente na condução da sétima temporada do Secret Story e em plena segunda gala, a primeira em que confrontou e falou um pouco mais com alguns concorrentes, voltou a brilhar e a mostrar que pegou no formato com todo o empenho que lhe é conhecido. Brilhante!

O Segredo de Marrowbone | Sergio G. Sánchez

04.03.18Publicado por O Informador

o segredo de marrowbone.jpg

De Espanha costuma-se dizer que nem bons ventos nem bons casamentos, mas no cinema os nossos vizinhos têm conseguido dar cartas com vários argumentos que conquistam o público. Que o diga o argumentista Sergio G. Sánchez que em 2017 realizou a sua primeira película, O Segredo de Marrowbone. Numa mistura de drama e terror surge uma combinação perfeita que me conseguiu sensibilizar durante algum tempo.

Contando com George MacKay, Anya Taylor-Joy, Charlie Heaton, Mia Goth, Matthew Stagg, Kyle Soller, Nicola Harrison e Tom Fisher no elenco, O Segredo de Marrowbone retrata a história de quatro irmãos que de forma depressiva acabam por se refugiar numa casa abandonada, pertencente aos antepassados familiares. Através dos últimos conselhos da mãe antes de falecer, os jovens permanecem no local onde pouco existe, tentando que poucos saibam das suas existências porque o perigo pode estar em todo o lado e é necessário sobreviver em conjunto até que um seja maior de idade e possa ter o poder sobre os irmãos. Mas como um bom filme de terror promete, os mistérios surgem e entre suspeitas e imagens com ajuda de fortes sons os tremores acontecem ao mesmo tempo que os problemas do passado da família vão sendo apresentados a quem se deixa entreter por esta história que revela dor e sofrimento para com anos de maldade através de um progenitor que pouco de pai teve enquanto viveu com os menores.

Num complicado conflito entre viver escondido e ficar num local macabro, a história flui e facilmente é percetível que para além de sobreviverem fisicamente existe um estado psicológico bastante afetado por parte de todos, que sofrem pessoalmente ao mesmo tempo que se tentam proteger mutuamente. Um filme de união, medo e verdade, contado de modo bastante frontal e sem rodeios perante o que tem de ser contado.