Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

Feeling Animals

21.04.16Publicado por O Informador

cão.jpg

A associação Feeling Animals existe desde Março de 2014 e tomei conhecimento da mesma a partir de um email que me foi enviado pelos seus colaboradores para que os ajudasse a divulgar o seu trabalho que sempre necessita de ajuda a vários níveis. O que fazer quando todo o apoio é necessário nestes casos? Aqui está a resposta!

Atuando no concelho da Amadora, a protecção, esterilização, vacinação, desparasitação e vários outros problemas relacionados com os animais de rua e que sofrem maus tratos por parte dos donos é a verdadeira causa desta associação que tem visto os números dos casos que lhes aparecem em mãos a aumentar de mês para mês. 

Infelizmente os dados aumentam e os animais que lhes chegam encontram-se num estado avançado da doença ou dos problemas, sendo necessário recorrer a tratamentos específicos, duradouros e até a cirurgias. Como tudo tem um custo e o voluntariado é gratuito mas tenta ter sempre resposta para todos, por vezes os apoios não são suficientes para conseguirem cobrir tudo o que é necessário, e é por isso que aqui estamos, de modo a pedir ajuda para angariar alguns fundos para se conseguir dar uma resposta positiva às situações de salvamento que vão aparecendo dia após dia. 

Iniciado um programa de apoio aos animais dos Bairros Sociais da Amadora em Maio de 2015, os problemas têm acrescido com uma reprodução descontrolada, animais doentes, lutas de cães, e várias outras situações que não têm tido controlo! A Feeling Animals quer marcar a diferença e agir junto dos animais que além de sofrerem, podem ainda prejudicar o futuro da comunidade!

Atual leitura... A Memória

21.04.16Publicado por O Informador

A Memória de David Baldacci é a obra que a partir de hoje me faz companhia pela manhã, à tarde e ao serão! Lançado muito recentemente pelo Clube do Autor, este livro ao que parece conta com um herói do suspense que não encaixa nos parâmetros normais do convencional. Numa história de luto, justiça e redenção, lá vou eu entrar no mundo de A Memória! Vamos lá ver como correrá!